Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Depende do Ponto de Vista

Por Archer Consulting (Marcelo Fraga Moreira)Commodities20.09.2021 08:55
br.investing.com/analysis/depende-do-ponto-de-vista-200444792
Depende do Ponto de Vista
Por Archer Consulting (Marcelo Fraga Moreira)   |  20.09.2021 08:55
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

Mais uma semana com o mercado lateralizado e respeitando o piso da média móvel dos 50 dias @ 184,50 centavos de dólar por libra-peso. O contrato Dez-21 terminou a semana cotado @ 186,40 centavos de dólar por libra-peso (após ter negociado entre a mínima e a máxima @ 182,50 e @ 189,85 centavos de dólar por libra-peso). Os “fundos + especuladores” voltaram a reduzir a posição comprada no período (liquidando -17.428 lotes) e terminando o período ainda comprados em +38.624 lotes. Mesmo com essa realização e com o mercado respeitando o suporte da média móvel dos 50 dias, o indicador estocástico fechou a semana ainda indicando vendas. Agora o Dez-21 apresenta resistência @ 188,90 e suportes @ 186,40 e @ 177,90 centavos de dólar por libra-peso.

O mercado continua nervoso com a atenção redobrada às condições meteorológicas e às notícias de oferta e demanda ao redor do mundo. O Brasil continua sendo o foco das atenções e a crise hídrica continua! Chegou a chover em algumas regiões produtoras, mas ainda muito pouco! Mesmo com a previsão climática indicando novas chuvas para o período 24-setembro / 10-outubro ninguém sabe como as lavouras irão reagir. Para muitos o estrago para a safra 22/23 já é irreversível. Dependendo do ponto de vista e da posição de cada participante do mercado a safra 22/23 já está causando muita discussão!

A exportação de café no mês de agosto sofreu queda de -25% comparadas ao mesmo mês de agosto de 2020. Segundo a Cecafé* o Brasil exportou apenas 2.674.000 sacas. Comparando com o mês de julho-21 houve também uma redução de -5,38%. As justificativas continuam sendo apenas os problemas logísticos (falta de conteiners e aumento no valor dos fretes) e nenhum comentário ainda referente à falta de produto.

O setor logístico estima que a situação será resolvida apenas no segundo semestre de 2022! E até lá, quem precisar de produto vai ter que pagar o preço do dia! Café spot vai começar a valorizar! Quem tiver produto disponível em trânsito ou nos principais mercados consumidores vai ganhar dinheiro! Os diferencias de preço deverão continuar valorizando e firmes daqui pra frente! “Papai Noel” vai ser muito generoso para alguns!

Para os “baixistas de plantão” cuidado e atenção redobrada! Considerando que na safra 20/21 o Brasil exportou 46 milhões de sacas (aproximadamente 3.830.000 sacas por mês) e que durante os primeiros 2 meses da safra 21/22 o Brasil conseguiu exportar apenas 5.500.000 sacas (2.750.000 sacas por mês) algum destino vai ficar sem café ou vai precisar pagar caro para conseguir originar produto e cobrir suas necessidades de abastecimento.

Considerando uma exportação mensal em 2.500.000 sacas então o Brasil deverá  exportar 30.000.000 sacas entre Julho-21/Junho-22. Com um consumo interno ao redor das 23 milhões de sacas então a produção total brasileira para a safra 21/22 deverá ser de pelo menos 53 milhões de sacas! Será? O estoque de passagem da safra brasileira 20/21 continua sendo uma incógnita (até hoje a Conab ainda não divulgou os dados) e a produção da safra brasileira 21/22 continua com uma divergência enorme, variando entre 44-57 milhões de sacas!

Novamente tivemos a publicação de 2 novas estimativas para a safra brasileira 21/22, sendo 48,90 milhões de sacas pelo IBGE* (sendo 33,60 milhões de sacas para o café tipo arábica e 15.30 milhões de sacas para o café tipo robusta) e novamente o Rabobank mantendo sua estimativa para uma produção total em 56,70 milhões de sacas (sendo 36,00 milhões de sacas para o café tipo arábica e 20,70 milhões de sacas para o café tipo robusta). Por enquanto Rabobank e USDA* são os mais otimistas, praticamente com os mesmos números.

A Conab deverá publicar a sua estimativa na próxima semana, e o mercado continuará divergindo, questionando quem está correto até junho de 2022! Ou até quando o Brasil não tiver mais café para exportar! Ai sim, com estoques finalmente zerados, as estatísticas brasileiras também serão “zeradas” e, quem sabe, os números brasileiros voltarão a refletir a realidade dos estoques, produção, consumo e exportações!

Nesta semana viajei pelas regiões produtoras de café arábica (dirigindo aproximadamente 2.300 km), visitando 15 lavouras na região do cerrado mineiro, sul de minas e região da mogiana. Realmente é incrível como a crise hídrica prejudicou as lavouras. Conversando com os produtores que me receberam e visitando as lavouras in loco a crise hídrica é muito séria e as lavouras estão muito prejudicadas/estressadas/danificadas. Muitos produtores reclamaram dos custos de produção, das dificuldades para honrar os compromissos assumidos, dos problemas com as “travas” realizadas já para os anos 22/23 até 24/25. Mesmo chovendo nas próximas semanas muitos apostam que a safra 22/23 será pior que a safra 21/22.

Nas regiões produtoras do café robusta o desenvolvimento das lavouras para a próxima safra 22/23 continua positivo. Mesmo para as fazendas irrigadas novas chuvas são esperadas para a florada vingar. Os reservatórios estão esvaziando e sem água as lavouras poderão começar a sofrer. Os próximos 5 meses serão acompanhados de perto, e se houver algum veranico nos meses de janeiro/fevereiro-22 a safra do robusta também poderá sofrer novas quebras.

Considerando a área plantada brasileira para a safra 21/22 em 2.200.000 de hectares (sendo 1.800.000 ha para o café arábica e 400.000 ha para o café robusta) e uma produção média em 15,00 sacas/ha para o café arábica e 42,50 sacas/ha para o café robusta, acreditamos que a safra brasileira 21/22 deverá ficar em 44 milhões de sacas!

Já para a safra 22/23, considerando que a área plantada total irá diminuir em 100.000 ha para 2.100.000 ha (em função da geada e mantendo a área do café robusta inalterada) e uma produção média entre 12,50/15,00 sacas/ha para o café arábica e uma produção média entre 45,00/47,50 sacas/ha para o café robusta, a safra brasileira 22/23 ficará entre 40-44,50 milhões de sacas! Dependendo do ponto de vista, das análises de cada um, e dependendo das premissas assumidas por cada participante do mercado com a produtividade de sacas/ha, a próxima safra 22/23 novamente poderá oscilar entre 40-58 milhões de sacas!

Já para a safra 23/24, mantendo a mesma área plantada e considerando a recuperação total das lavouras, e ajustando novamente a produtividade para uma produção média em 30,00 sacas/ha para o café arábica e uma produção média em 50,00 sacas/ha para o café robusta, o Brasil já poderá voltar ter uma produção acima das 70 milhões de sacas.

Mercado interno segue muito firme, com poucos negócios sendo realizados entre 1.050-1.250 R$/saca para café tipo arábica e entre 700-770 R$/saca para café tipo robusta.

Sugestões da semana”:

Mercado Spot: Seguir vendendo apenas o necessário para pagar as contas do dia/semana, com preço mínimo @ 1.150 R$/saca para o café tipo arábica e 1.250 R$/saca para “cereja descascado” e @ 750/800 R$/saca para o café tipo robusta.

Para a safra 22/23:

No Set-22 – seguir analisando a compra de proteção através da compra da estrutura “Put-Spread” strike +190/-160 e vender a opção de compra “Call” strike -230,00. Essa operação terminou na sexta-feira com um custo “flat” (garantindo um preço mínimo ao produtor ao redor de 1,250 R$/saca – já considerando o custo da operação – e um preço máximo até @ 1.550 R$/saca e desde que o Set-22 feche acima dos 160 centavos de dólar por libra-peso e acima dos 230 centavos de dólar por libra-peso no dia do vencimento das opções do Set-22, no dia 12 de agosto de 2022).

O Produtor ficará exposto ao risco caso o mercado negocie acima 230 centavos de dólar por libra-peso.

Ótima semana a todos!

Depende do Ponto de Vista
 

Artigos Relacionados

Depende do Ponto de Vista

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (1)
Luis Carlos Fanton
Luis Carlos Fanton 20.09.2021 13:57
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Excelente ponto vista no artigo Fraga
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail