🔮 Melhor do que Buffett? Nosso Preço-Justo achou essa joia com +42% 5 meses antes deleLibere o preço-justo

Formulários 13F: Buffett e Bill Gates ficam na defensiva; Ray Dalio aposta tudo

Publicado 17.05.2024, 13:36
NDX
-
MSFT
-
KO
-
GOOGL
-
AAPL
-
COST
-
NVDA
-
OXY
-
WMT
-
CB
-
HPQ
-
PG
-
BRKb
-
BRKa
-
GOOG
-
PDD
-
  • As últimas atualizações dos formulários do 13F, documentos regulatórios exigidos pela SEC (Comissão de Valores Mobiliários dos EUA) revelaram as movimentações de grandes gestores;
  • Warren Buffett investiu US$ 6,7 bilhões na Chubb e reduziu suas participações na Apple em US$ 19,9 bilhões, sinalizando uma mudança defensiva, conforme informações do InvestingPro.
  • Bill Gates vendeu ações da Berkshire Hathaway e da Microsoft, enquanto Ray Dalio concentrou-se em tecnologia, aumentando notavelmente os investimentos na Alphabet, NVIDIA e Apple.
  • Invista com o poder da inteligência artificial (IA) e os melhores dados financeiros com o InvestingPro. Use o cupom ANALISEPRO e aproveite um desconto adicional nos planos de 1 e 2 anos do Pro e Pro+! Saiba mais >>>
  • As tão esperadas atualizações de formulários 13F para o primeiro trimestre de 2024 acabam de ser divulgadas, revelando o desempenho dos principais gestores no início do ano. Esses documentos permitem que os investidores vejam em quais setores os especialistas financeiros estão focando e quais ações estão vendendo.

    O InvestingPro oferece acesso rápido a esses documentos, para você saber como os profissionais do mercado estão se posicionando.

    Ao visitar a seção "ideias" do InvestingPro e selecionar o nome do gestor do fundo sobre o qual deseja saber mais, é possível acessar os documentos da SEC e outros dados relevantes sobre suas participações, incluindo tabelas de classificação com as principais vendas e compras, concentração setorial e resumos de posições.

    O panorama geral dos movimentos de ações mostra como os profissionais de Wall Street estão se preparando para mais volatilidade após a alta no final de 2023 e início de 2024. Notavelmente, alguns parecem estar se afastando da tecnologia para se concentrar em setores defensivos, como varejo, bens de consumo e seguros. No entanto, sempre há aqueles que preferem ações de crescimento. Vamos dar uma olhada nos portfólios de três grandes investidores.

    Buffett levanta a guarda

    Não podemos deixar de começar com um investidor que, apesar de ser conhecido por todos, nunca deixa de surpreender os mercados. A referência, é claro, é Warren Buffett, que, depois de pedir à SEC para manter em segredo sua última grande compra por três trimestres consecutivos, finalmente revelou suas cartas.

    O Oráculo de Omaha, de fato, divulgou na atualização do 13F que a ação misteriosa na qual ele decidiu apostar é a Chubb (NYSE:CB), líder em seguros de propriedades e acidentes, na qual Buffett investiu até US$ 6,7 bilhões desde setembro de 2023.

    Portanto, o investidor mais famoso de todos os tempos está mantendo suas crenças e entrando em um campo bem conhecido por ele. Agora, a companhia de seguros ocupa o nono lugar em peso no portfólio de Buffett, compreendendo 2% do total. Após a notícia, as ações da Chubb dispararam, ganhando mais de 8% nas negociações após o expediente.

    Compras de Buffett

    Fonte: InvestingPro

    Nos últimos meses, o chefão da Berkshire Hathaway (NYSE:BRKa) (NYSE:BRKb) também decidiu investir em ações da Liberty SiriusXM (NASDAQ:LSXMA), uma empresa de entretenimento, e aumentar sua posição na Occidental Petroleum Corporation (NYSE:OXY).

    Em contrapartida, Buffett realizou lucros com as ações da Apple (NASDAQ:AAPL), com uma venda massiva de mais de US$ 19,9 bilhões nos últimos dois trimestres, que continua sendo sua maior participação, com um peso de 40,8% no portfólio.

    O quadro geral mostra que o bilionário americano optou por abordar o segundo trimestre do ano com uma postura mais defensiva, concentrando-se em seguros e commodities e reduzindo suas participações em tecnologia. Por fim, Buffett também vendeu todas as suas ações da HP (NYSE:HPQ), obtendo um lucro de US$ 687,6 milhões nos últimos dois trimestres.

    Bill Gates vende Berkshire

    Bill Gates também adotou uma estratégia defensiva, passando a fazer caixa com as ações da Berkshire Hathaway de Buffett, vendendo mais de 2,6 milhões delas no último trimestre, e com as de sua Microsoft (NASDAQ:MSFT), com uma redução de 4,48% nas ações e um impacto geral de -1,52% no portfólio.Vendas de Gates

    Fonte: InvestingPro

    No lado das compras, entretanto, Gates preferiu não fazer mais movimentos em 2024, esperando a oportunidade certa. A maior transação nos últimos dois trimestres envolveu o Walmart (NYSE:WMT), com o cientista da computação apostando US$ 364,6 milhões na cadeia de varejo, elevando o peso específico da ação em sua carteira para 1,2%.

    Ray Dalio aposta tudo

    Por outro lado, quem pensa diferente dos outros dois "colegas" e mostra que não confia na propensão dos americanos a consumir tanto assim é Ray Dalio.

    De fato, no topo das maiores vendas do fundador da Bridgewater Associates, o maior fundo de hedge do mundo, estão todas as empresas que trabalham com bens de consumo: Costco Wholesale Corp (NASDAQ:COST) (-US$ 111,9 milhões entre o final de 2023 e o início de 2024), Coca-Cola (NYSE:KO) (-US$ 104,9 milhões), PDD Holdings Inc (NASDAQ:PDD) (-US$ 103,7 milhões) e Procter & Gamble (NYSE:PG) (-US$ 87,1 milhões).

    Em contrapartida, o investidor decidiu se concentrar em tecnologia, comprando a Alphabet (NASDAQ:GOOGL) (+US$ 501,8 milhões nos últimos dois trimestres), a NVIDIA (NASDAQ:NVDA) (+US$ 394,1 milhões) e a Apple (+US$ 315,7 milhões).

    Nos últimos três meses, as escolhas de ações recompensaram Dalio, que, entre os três grandes homens das finanças analisados hoje, foi o que conseguiu obter o maior retorno, de +10,7%, enquanto Gates parou em 8,5% e Buffett teve uma perda de 4,5%.Resumo das posições de Dalio

    Ao mesmo tempo, entre os três, Dalio também é o investidor que mais girou sua carteira, com uma rotatividade trimestral de 22,7%, em comparação com os 6,4% de Buffett e os 4,2% de Gates. Tudo o que resta é esperar pela próxima atualização do 13F para ver quem prevalecerá entre a abordagem mais ousada do primeiro ou a abordagem mais defensiva dos outros dois.

    ***

    Os maiores investidores do mundo, como Warren Buffett, Bill Gates e Ray Dalio, já usam inteligência artificial para bater o mercado, e você?

    Ao se tornar membro do InvestingPro, você tem acesso a recursos como:

    • ProPicks: Portfólios de ações gerenciados por IA, com resultados comprovados.

    • ProTips: Dicas rápidas e diretas para descomplicar informações financeiras complexas.

    • Filtro avançado de ações: Encontre as ações que melhor atendem às suas expectativas com base em centenas de métricas financeiras.

    • Navegação turbo: as páginas do Investing.com carregam muito mais rápido, sem qualquer anúncio.

    • Dados financeiros de nível institucional para milhares de ações: Ideal para investidores que desejam fazer suas próprias avaliações em detalhe.

    • Além de muitos outros serviços que serão incorporados em breve!

    Aproveite tudo isso com um desconto a mais nos planos de 1 ou 2 anos do Pro e Pro+. Insira o código ANALISEPRO e aproveite!

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.