Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

IPO Priner (PRNR3) – Vale a Pena Ser Sócio da Mini Mills?

Por Breno BonaniAções11.02.2020 12:10
br.investing.com/analysis/ipo-priner-prnr3--vale-a-pena-ser-socio-da-mini-mills-200433612
IPO Priner (PRNR3) – Vale a Pena Ser Sócio da Mini Mills?
Por Breno Bonani   |  11.02.2020 12:10
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

Caros leitores, gostaríamos de apresentar nossa humilde opinião sobre a companhia Priner (SA:PRNR3), que está realizando sua abertura de capital na B3. Suas ações estão previstas para começarem a negociar no dia 17 de Fevereiro de 2020. Como forma de auxiliar no entendimento sobre a companhia, estamos distribuindo um relatório, em que abordaremos o segmento da empresa, seus principais pontos fortes e fracos e seu histórico de resultado para entender se faz sentido entrar no IPO.

SOBRE A PRINER:

Priner é uma companhia que presta serviços e locações visando a prover soluções para o setor de engenharia, metalurgia, petróleo, mineração e celulose. Ela possui um acrônimo “APIIL”, que significa acesso, pintura, isolamento, inspeção e limpeza industrial.

Desse acrônimo já dá para entender as muitas coisas que ela faz (que até lembra um pouco a Mills). A empresa presta serviço de pintura (tratamento anticorrosivo), isolamento térmico, Habitat (espécie de habitáculo desenvolvido para locais onde pode ser perigoso soldar ou cortar determinado material, em que o “Habitat” serve como local para fazer este tipo de coisa) e por último, a parte de acesso, na qual a companhia fornece andaimes, deques e acesso por cordas para determinadas tarefas.

A Priner se destaca por ser capaz de oferecer serviços integrados e customizados para os seus clientes, tanto no segmento Onshore quanto no Offshore. Ela possui um histórico de relacionamento com grandes e renomadas empresas que atuam no Brasil também, como a Klabin (SA:KLBN11), a Suzano (SA:SUZB3), a BW Offshore, a Modec, a Dow Chemical, a Petrobras (SA:PETR4), a Braskem (SA:BRKM5), a UltraCargo e a SBM, entre outras.

É uma companhia que está tentando crescer via M&A (Fusão e Aquisição), sendo que nos últimos anos adquiriu participações na R&R Indústria (51% do capital social com opção de compra) e na Smartcoat – Serviços de Revestimentos (75% do capital social com opção de compra). Em resumo, a R&R é o braço da companhia que presta serviços de isolamento térmico e a Smartcoat presta serviços de pinturas industriais.

COMO ELA GANHA DINHEIRO? Não deve ter ficado claro exatamente como funciona a dinâmica da companhia para ganhar dinheiro. Primeiramente, vamos quebrar o segmento de receitas pelo Onshore e Offshore, que respectivamente representaram 61% e 39% da receita no período de nove meses encerrados em 30 de setembro de 2019.

A companhia ganha com alocação (aluguel) de andaimes e habitáculos pressurizados e prestando serviços via R&R e Smartcoat. A maior parte da receita da provém do fornecimento de serviços de montagem e locação de estruturas de acesso para plantas industriais.

Vale ressaltar que grande parte desses contratos precisam de muito OPEX (capital utilizado para operacionalizar ou rodar atividades recorrentes), esses contratos variam de 1 a 3 anos (curto prazo na minha opinião) mas que são renovados. Segundo a companhia, a mesma possui alta taxa de renovação de contratos no segmento privado, sendo que a mesma presta serviços para Dow há 21 anos, Braskem (SA:BRKM5) há 10 anos, Petrobras (SA:PETR4) utiliza os serviços há 30 anos, Klabin (SA:KLBN11) há 8 anos e por aí vai.

A segunda fonte de receita mais relevante da companhia advém da prestação de serviços de tratamento de superfícies, onde a companhia utiliza equipamentos de baixa, alta e ultra alta pressão de água para tratamento de superfícies de aço e em seguida de pintura industrial.

Uma outra parcela importante advém de serviços idênticos aos citados acima, entretanto realizados durante os períodos de “paradas programadas” das plantas industriais. Nesse momento, a companhia ter que ser ágil e eficaz, pois para a outra empresa é um momento aonde ela perder receita por estar parada. Logo, qualquer erro pode prejudicar a Priner e levar a mesma a ter dificuldades de novos contratos no futuro.

Por fim, a companhia acredita que a melhora do desempenho de várias companhias nos segmentos aonde ela atua irá impulsionar os seus resultados no futuro. Ela cita como exemplo o CAPEX (investimentos em bens de capital como máquinas, objetos e equipamentos) reprimido ao longo dos anos:

Fonte: Companhia, com base em dados da Bloomberg

A Priner acredita que com a recuperação da confiança e projeção de crescimento do PIB, somado aos juros na mínima histórica, o movimento de recuperação de investimento em Capex deva acontecer em breve.

CARACTERÍSTICAS DA OFERTA:

A oferta consistirá na distribuição primária de 17.391.304 ações. Logo, trata-se de uma oferta primária e secundária, na qual, parte do dinheiro captado poderá ir para reforçar as operações da companhia, pagar dívidas ou investir em novos projetos (primária).

Cronograma Estimado da Oferta:

Fonte: Prospecto Preliminar Priner

Acionistas diluídos:

Fonte: Prospecto Preliminar Priner

Ações em free-float após a conclusão da oferta: 17.391.304 ações irão circular no mercado aberto, cerca de 45,7% de free float.

Destinação dos recursos: A Companhia pretende utilizar os recursos líquidos que estima receber com a Oferta da seguinte forma: (a) aproximadamente R$73 milhões para a aquisição de máquinas e equipamentos no curso normal de seus negócios; (b) aproximadamente R$36 milhões para reforço de sua estrutura de capital; (c) aproximadamente R$73 milhões para a aquisição de (i) 25% de participação societária em sua controlada Smartcoat Engenharia e Revestimento Ltda; (ii) 49% da participação acionária em sua controlada R&R Indústria, Comércio e Instalação de Isolantes Removíveis e Reutilizáveis Ltda; (iii) aquisições de empresas que atuem no segmento de engenharia de manutenção e que agreguem know-how ou permitam a expansão geográfica da Companhia e que se mostrarem atrativos no futuro.

Fonte: Prospecto Preliminar Priner

HISTÓRICO OPERACIONAL E VALUATION:

Fonte: Prospecto Preliminar Priner

De maneira bem rápida, podemos notar que ao longo dos últimos 3 anos a companhia conseguiu crescer suas receitas acima dos dois dígitos e paralelamente cresceu o número de clientes também. A maior parte de suas receitas advém da prestação de serviços, como pode ser visto abaixo:

Fonte: Prospecto Preliminar Priner

Porém, é esse segmento que no fim do dia, acaba por dar prejuízo para a companhia:

Fonte: Prospecto Preliminar Priner

E por que isso acontece? Por conta de um custo do produto vendido muito alto e por altas despesas com G&A (Gerais e Administrativas). Olhem o quadro abaixo, a maior parte das despesas são pessoas (80% da despesa total):

Fonte: Prospecto Preliminar Priner

A mesma coisa acontece com o custo do produto vendido, 80% de todo o custo vem de pessoas:

Fonte: Prospecto Preliminar Priner

A companhia para mitigar isso, pode tentar cortar outros custos ou tentar aumentar a receita via outros negócios que não sejam tão Asset Dependent (dependente de ativos, seja mão de obra ou outras coisas).

Entrando nesse mérito, os serviços prestados pela Priner requerem muito investimento num primeiro momento e as vezes antes da contratação pelos clientes, que são destinados ao desenvolvimento de novos processos e aquisição de máquinas e equipamentos. Logo, um investimento errado pode prejudicar de maneira considerável a companhia, abaixa a sua escalabilidade uma vez que se aumenta os serviços prestados serão necessários mais máquinas e equipamentos, e pode dificultar sua mobilidade uma vez que o transporte do maquinário não é algo fácil e trivial.

Outro ponto que me incomoda no case é a concentração de receita, notem a tabela abaixo:

Fonte: Prospecto Preliminar Priner

Em 2018, 10 clientes representaram, aproximadamente, 80% (oitenta por cento) das receitas líquidas totais da Companhia, três dos quais representaram, aproximadamente, 26%, 13% e 10%. No mesmo período, 136 clientes representaram, aproximadamente, 20% (vinte por cento) das receitas líquidas totais da Companhia.

Só os 3 maiores já dão aproximadamente 50% das receitas em 2018, qualquer quebra de contrato, não renovação ou desentendimento com essas companhias, podem acarretar problemas sérios para a companhia. Além disso, parte relevante das receitas da Companhia decorrem da prestação de serviços às empresas que estão sendo investigadas em operações conduzidas por autoridades públicas, dentre elas a chamada “Operação Lava Jato”. Desdobramentos das investigações podem causar diminuição das atividades de referidas empresas ou mesmo extinção das mesmas, que poderá resultar em atrasos no recebimento das receitas esperadas e comprometimento futuro com as obrigações da companhia.

Risco de Liquidez é outro ponto negativo no case. Muitos fundos têm mandatos para se posicionar em ações por filtros de liquidez, logo, com uma liquidez pequena muitos desses fundos nem chegaram a alocar. Como se trata de uma oferta pública de menor porte, a liquidez da ação será reduzida. Para piorar ainda mais esse cenário, temos o “Lock-Up” que trava o investidor de vender suas ações por um determinado período e que irá limitar ainda mais as ações em circulação.

A empresa também depende muito da economia global, tendo 40% das receitas Offshore. Logo, em um cenário de desaceleração global (como é o que estamos vendo) a empresa poderá sofrer em determinados segmentos.

Sobre o valuation, a tese gira em torno de uma melhora operacional devido o restante da aquisição da R&R e Smarcoat, que irão adicionar mais receita a companhia. Mas eu fico me perguntando, quanto isso já pode não estar no preço? A melhora operacional vai acontecer mas será que vai ser o suficiente para equalizar o Bottom Line e começar a dar lucro? São perguntas difíceis de responder, mas em meus modelos eu usei tentei ser mais conservador, tentar incrementar um crescimento de EBITDA de 50% para 2020 e já gerando algum lucro também ao final de 2020 e usei de comparação o pai dela, Mills (MILS3 (SA:MILS3)):

Mills (SA:MILS3)

Existe um desconto e com razão também de existir… Mills é bem maior em valor de mercado e tem mais liquidez em relação a Priner. Na faixa média, Priner estaria negociando a quase 10x ev/ebitda para 2020, o que não é algo tão barato assim mas não consideraria cara. O que me faz ficar receoso com o case são todas os argumentos citados anteriormente, principalmente no caso de liquidez e da concentração de clientes.

Logo, por hora, opto por ficar de fora e acompanhando o case. Talvez eu perca alguma valorização? Sim, mas prefiro ter certeza que os caras conseguem aumentar a operacionalidade antes. Minha opinião, deal with it.

Era isso, valeu!

IPO Priner (PRNR3) – Vale a Pena Ser Sócio da Mini Mills?
 

Artigos Relacionados

Thiago Bisi
IBOV Fecha em Queda de 2,33%   Por Thiago Bisi - 20.09.2021

Análise gráfica (técnica) do Ibovespa, Índice, Dólar e Ações Papeis em destaque: IBOV, WINV21, SMAL11 (SA:SMAL11), EWZ, ESFUT, DJI, QRFUT, NMFUT, DXY, DOLFUT, DI1F25, CL2!, FEF2!,...

IPO Priner (PRNR3) – Vale a Pena Ser Sócio da Mini Mills?

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (16)
welington Coelho
welington Coelho 01.04.2020 22:20
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Mais uma análise cautelosa, o gráfico de preço dos papéis praticamente uma reta em declive. Quem pagou 15 Reais deve se perguntar a todo instante se o "case" irá suportar esse ano tão tranquilo.
Roosevelt Magalhães Dantas
Roosevelt Magalhães Dantas 19.02.2020 17:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
engraçado... agora parece que ngm comenta que errou, vc acertou, e esperar pra ver como se estabiliza seria a melhor coisa.. abraço
br squirtle
TraderAgressivo 18.02.2020 14:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Emerson Machado
Emerson Machado 18.02.2020 13:46
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Esse colunista podia rever os seus conceitos.. ação bombando e no artigo só faz desencorajar os investidores.. Fiz oferta no IPO mas foi cancelada... que pena..
Lucas Casimiro
Lucas Casimiro 18.02.2020 10:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
É uma boa comprar?
Murilo Pugliesi
Murilo Pugliesi 17.02.2020 11:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Nao vale a pena arriscar. Ebitda negativo. Ta com cara que a empresa quer abrir capital para ganhar dinheiro dos investidores da bolsa e corrigir o rombo interno...nao creio que valha a pena correr o risco para tentar ganhar algo nesses serviços. Existem mais empresas que faz o que eles fazem e tb ja caminhando para a “quebra” ou com pouco mercado ainda devido a baixa demanda.
Emerson Machado
Emerson Machado 12.02.2020 23:46
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
R$10K. Quem não arisca não petisca e levando em consideração o bom otimismo da empresa acredito na valorização. Líder de mercado.
Breno Bonani
BrenoBonani 12.02.2020 23:46
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ela tem 4,5% de market share, as duas primeiras companhias do ranking tem 15% cada uma... Ela não é lider de mercado não. Mas estão otimistas mesmo e estamos num BM, no CP pode ser que suba mesmo...
Luiz Ferreira Santos
Luiz Ferreira Santos 12.02.2020 17:28
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Vou ficar fora. Mercado muito pra baixo para arriscar numa ação de baixa liquidez e ainda com MILLS3 caindo.
Marcelo Ghellardi
Marcelo Ghellardi 11.02.2020 19:10
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Excelente matéria. Vou arriscar, gostei dos números!Errata: por ora. Abs e parabéns
Breno Bonani
BrenoBonani 11.02.2020 19:10
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Valeu pelo elogio Marcelo! Abs!!
Carlos Eduardo Silva
Carlos Eduardo Silva 11.02.2020 17:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Alguém sabe se vale a pena entrar e quanto deve ser o valor inicial de abertura da ação ?
br squirtle
TraderAgressivo 11.02.2020 17:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
so em Vidente e cartomante pra obtwr essas informacoes
Thiago Soares
Thiago Soares 11.02.2020 17:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O IPO será precificado entre R$11,50 e R$13,00 no dia 13/02.
Thiago Soares
Thiago Soares 11.02.2020 17:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O IPO será precificado entre R$11,50 e R$13,00 no dia 13/02.
Luiz Ferreira Santos
Luiz Ferreira Santos 11.02.2020 17:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
maria pombo
maria pombo 11.02.2020 17:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ja fiz meu pedido na XP
luiz moraes
luiz moraes 11.02.2020 17:18
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Tem muita empresa mais consistente na B3. Mas tem quem goste de aventuras.
Jeferson Ivo
Jeferson Ivo 11.02.2020 17:15
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Vou pra cima...
Mailso Vieira Dias
Mailso Vieira Dias 11.02.2020 16:59
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Percebi que é um bom negócio, empresa vem fazendo fusões, aumentando receita e carteira de clientes, porém, não achei interessante pela baixíssima margem líquida e lucro não consistente, mas com certeza a empresa colherá bons resultados.
Breno Bonani
BrenoBonani 11.02.2020 16:59
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Concordo contigo na questão das margens, estão bem apertadas hoje... Será que com as aquisições ela consegue aumentar? Vai ficar no meu radar.
Mailso Vieira Dias
Mailso Vieira Dias 11.02.2020 16:59
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Percebi que é um bom negócio, empresa vem fazendo fusões, aumentando receita e carteira de clientes, porém, não achei interessante pela baixíssima margem líquida e lucro não consistente, mas com certeza a empresa colherá bons resultados.
alessandro fernandes
alessandro fernandes 11.02.2020 15:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
qual o valor, q vai negociar as aco3s?
Breno Bonani
BrenoBonani 11.02.2020 15:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Fala Ale! Está para sair ainda o price da ação, que no caso será no dia 14/02.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail