Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Morreu e Foi Pro Paraíso (do CDI)

Por Felipe MirandaResumo do Mercado06.12.2021 15:53
br.investing.com/analysis/morreu-e-foi-pro-paraiso-do-cdi-200446367
Morreu e Foi Pro Paraíso (do CDI)
Por Felipe Miranda   |  06.12.2021 15:53
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

“As notícias sobre minha morte são manifestamente exageradas.” A frase atribuída a Mark Twain poderia muito bem servir ao mercado de capitais brasileiro.

Os mais crescidinhos, que frequentavam as mesas de operações entre os anos 1980 e 1990, talvez se lembrem de conversas, permeadas por aquele sotaque carioca carregado (esclareço: nada contra; acho charmoso), do tipo: “Nada bate o dólar, nada bate o CDI”. De fato, tínhamos uma jabuticaba curiosa: um produto de alto retorno, baixo risco e liquidez diária, capaz de desafiar a literatura clássica das Finanças Modernas. Vivíamos no paraíso do CDI. Pelos corredores, ouvia-se insistentemente: “Esse é o nosso único bom produto em nível global” — a rigor, o histórico aponta o juro real como o efetivo bom produto brasileiro, mas nuances técnicas podem ser sublimadas numa manhã de segunda-feira.

Então, vieram vários avanços institucionais, a tal estagnação secular, juros mais baixos lá fora e uma pandemia. Teríamos juros civilizados e o “financial deepening” levaria a uma migração estrutural e ininterrupta das aplicações convencionais e muito conservadoras às ações, aos maiores durations e à diversificação internacional.

Era a morte da renda fixa. Mas aí tivemos a volta da pandemia e a inflação voltou com tudo. Foi então que a B3 (SA:B3SA3) morreu também. Então, quando parecia que a solução estava nas moedas digitais, as criptos também se juntaram ao plano espiritual com seu falecimento neste fim de semana. Até quem nunca morreu está morrendo…

“Prefiro o paraíso pelo clima e o inferno pela companhia”, recorrendo mais uma vez a Mark Twain. Ao menos o inferno deve estar mais agitado agora.

Por que essa necessidade maniqueísta de caracterizar os investimentos entre vivos e mortos? Em muitas situações — aliás, na maioria delas —, não há essa dicotomia entre classes de ativos sobre serem boas ou ruins. Analistas pensam (ou deveriam pensar) sob rigor científico, ponderando distribuições de probabilidades e cenários plausíveis à frente.

Um pequeno anedótico real para ilustrar o ponto. Noutro dia, minha mãe foi ao médico, que, sabendo que ela era minha mãe, lhe perguntou: “Lúcia, recebi uma liquidez agora e estou querendo ter uma nova fonte de renda. Veja com o Felipe se é melhor comprar alguns imóveis ou montar uma carteira de dividendos. Imóveis são uma boa? E ações pagadoras de dividendos?”. Ofereci a única resposta possível: “Mãe, eu não sei. Fala pra ele que depende. Quais imóveis? Em que região, qual estado de conservação, quanto ele está pagando? E de quais ações exatamente ele estava falando? Também precisaria saber um pouco o horizonte temporal dele e sua disposição a risco...”. Obviamente, o Doutor, que era um leitor assíduo e voraz, passou a me achar um idiota, no que concordo com ele, mas por outros motivos.

A renda fixa nunca morreu, como as ações também não estão mortas agora. Talvez até o contrário. Quando surge esse papo, você pode acreditar numa espécie de ressurreição ao terceiro dia. Neste momento em que os fundos de investimento em ações enfrentam resgates e é pseudodescolado falar nas redes sociais que “a B3 morreu; agora o que pega é Bolsa gringa e cripto”, deveria ser a hora de comprar Bolsa brasileira barata. Mas é difícil convencer o ser humano de seus próprios vieses cognitivos. Todos preferem vender barato e comprar caro depois, quando já subiu, desafiando a lição elementar de finanças.

A alocação patrimonial em diversas classes de ativos se faz a partir do próprio conhecimento de perfil e respectiva associação a exposições estruturais, sobre as quais se estabelecem bandas táticas de aumento ou redução de posição conforme o cenário. É nesse contexto que a renda fixa volta a ser tática e particularmente atrativa.

Temos defendido uma posição importante em renda fixa, combinada, sim, a uma boa exposição em ações, para permitir que o investidor atravesse esse período de grande incerteza macroeconômica e eleitoral brasileiro, alojando-se em papéis de baixo risco com retorno, em especial real, atraente.

O foco em “juro real” é importante. Um dos grandes erros do investidor neste momento seria, por estar pessimista com a evolução da economia brasileira, esconder-se num prefixado, “para garantir uma boa taxa de juro num período de incerteza”. Se você está pessimista com o Brasil e com medo da inflação, o prefixado oferece um risco enorme, porque os retornos nominais podem ser corroídos pela alta dos preços. Esclarecimento: até gostamos dos prefixados neste momento, porque as taxas de juros das atuais cotações já nos parecem contemplar excessivo prêmio de risco, como se o Brasil tivesse perdido por completo sua capacidade de fazer política monetária e domar a inflação. O ponto é que essa posição não pode ser vista como defensiva, tampouco representar uma parte grande do portfólio.

Para o investidor pessoa física, gostamos particularmente das NTN-Bs (Tesouro IPCA+) de prazo médio e longo, e de títulos isentos indexados à inflação.

Nesta semana, o Copom atualiza a taxa Selic, com expectativa ampla de mais um aumento de 1,5 ponto no juro básico, combinado a sinalização de novos incrementos à frente. Caminhamos para os dois dígitos novamente e o investidor, claro, não pode se furtar a esse cenário de juros mais altos. A combinação de bons títulos de renda fixa com ações de companhias de qualidade a preços muito descontados nunca esteve tão viva.

Morreu e Foi Pro Paraíso (do CDI)
 

Artigos Relacionados

Julio Hegedus Netto
Tensões Globais Assustam Por Julio Hegedus Netto - 19.01.2022 10

Nos mercados a percepção é de que o Fed deve ser mais duro do que o previsto, se refletindo no movimento dos treasuries de 10 anos, em forte alta, já passando de 1,80%, dólar...

Morreu e Foi Pro Paraíso (do CDI)

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (12)
Leocir Luiz Rosa
Leocir Luiz Rosa 09.12.2021 16:51
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Gosto de suas análises. Merece crédito pela clareza das observações! Cada investidor pode fazer sua escolha com base nelas e de acordo com seu perfil. Parabéns Felipe!
Daniel Volkmann
Daniel Volkmann 09.12.2021 10:54
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ótimo artigo.
Danilo Albuquerque
Danilo Albuquerque 08.12.2021 17:37
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Que bom q ta vivo, vc é um icone do movimento pf no ibov. Tem sacadas genias e escreve bem! E a inflação pra onde vai?
Bruno Rocha
Bruno Rocha 06.12.2021 20:44
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Show Filipe. No mercado tem muita gente vendendo dificuldade para comprar facilidade, matando e ressuscitando conforme a conveniência do momento. Depende do que está se vendendo no momento.
caio tacla
caio tacla 06.12.2021 19:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Peguei "birra" do Felipe Miranda por causa da empíricus, era uma propaganda tão chata, tão apelativa e antiética que ficou marcado pra mim. Desculpe a franqueza, mas tinha que falar isso 🤣
Victor Gomes
Victor Gomes 06.12.2021 19:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
eu tinha um pouco de birra também, mas sou fã dos textos que ele produz aqui no investing. Muito diferente da média e com lições sempre valiosas. Sem demonízacao nem idolatria, mas adoro os textos do Felipe
caio tacla
caio tacla 06.12.2021 18:53
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Quem está pessimista com a bolsa brasileira por que não operam vendidos ao invés de ficarem reclamando?🤔
Nathan Silva
Nathan Silva 06.12.2021 17:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bolsa brasileira nos 106 mil não está barata. Estaria não tivéssemos esses políticos. Mas com inflação acima de 10%, juros futuros em 12%, ou uma NTN-B com 5,5% mais inflação. E com possibilidade de Lula eleito, virão mais gastos, mais inflação, menos responsabilidade fiscal, mais juros. Quero distância de bolsa nesse cenário. Só mesmo lá nos 60k de novo para me interessar.
caio tacla
caio tacla 06.12.2021 17:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Vc pode operar vendido então
Nathan Silva
Nathan Silva 06.12.2021 17:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Você já colocou isso em outro lugar mas ainda aprendeu a língua portuguesa. Dizer que se cair até certo patamar você fará uma certa ação não é dizer que vai cair. Uma ação condicional não é uma previsão. A língua portuguesa é tão simples.
Abbey Road
Abbey Road 06.12.2021 17:50
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Vou citar um exemplo comparativo. MGLU3 - LUPA3. O preço das duas estão quase iguais. Mas comparem os números das duas.
Edson Martins Ferreira
Edson Martins Ferreira 06.12.2021 17:33
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Como é bom ler um texto informativo sem viés politico.
Renan Felipe Dias
Renan Felipe Dias 06.12.2021 17:30
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Palavras bonitas, filosofou e não disse nada. Quando o cara tá comprado até o talo solta relatório e análises até dizer chega....hahaha
Alex Ander Menezes Capistrano de Alckmin
Alex Ander Menezes Capistrano de Alckmin 06.12.2021 17:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Já que citou um genio da literatura americana , cito um brasileirissimo : “ Toda unanimidade é burra!” Nelson Rodrigues
Altair Jr
AltairJr 06.12.2021 17:09
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
bombeiro músico falou que a culpa. é do Bolsonarooooooo kkkkk
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail