Libere dados premium: até 50% de desconto InvestingProGARANTA JÁ SUA OFERTA

O Tom Azedo Volta a Predominar Sobre as Bolsas Mundiais

Publicado 21.12.2012, 07:04
NDX
-
UK100
-
FCHI
-
DE40
-
ES35
-
JP225
-
HK50
-
HSBA
-
BP
-
ALUA
-
AXAF
-
BNPP
-
CARR
-
CAGR
-
VWS
-
BHP
-
NOKIA
-
BB
-
RIO
-
BHPB
-
TM
-
WBA
-
0883
-
GC
-
HG
-
EONGn
-
BVSP
-
DIDA
-
ÁSIA:

Os mercados de ações da Ásia fecharam em queda nesta sexta-feira, após otimismo inicial com o progresso sobre o "abismo fiscal" dos EUA, quando o republicano John Boehner expressou confiança nas negociações com o presidente Barack Obama, no entanto, à noite os líderes republicanos da Câmara cancelaram a votação do "Plano B" do projeto de lei que estenderia os cortes de impostos sobre os rendimentos abaixo de US$ 1 milhão, alegando não terem os votos necessários para aprovação.

A incapacidade de atrair apoio entre os membros republicanos lançou uma sombra sobre as perspectivas de um acordo bipartidário sobre os bilhões de dólares de futuros em aumentos de impostos e cortes de gastos. John Boehner, disse em um comunicado: "Agora, cabe ao presidente trabalhar com Reid [lider democrata do Senado] na legislação para evitar o abismo fiscal."

Entre as perdas da região, Nikkei do Japão fechou em queda de 1% - após abrir em alta de 1,3%, enquanto Hang Seng de Hong Kong e Xangai Composite Index recuaram 0,7% cada, Kospi da Coreia do Sul e TAIEX de Taiwan perderam outros 1%, S & P / ASX 200 da Austrália recuou 0,3% e o Straits Times de Cingapura caiu 0,4%.

O ICE Dolar Index, que representa uma cesta frente outras moedas, subiu para 79,408, contra 79,239 no final das negociações de quinta-feira. O dólar caiu para ¥ 83,92 em relação ao iene japonês após o cancelamento de voto dos EUA, abaixo dos ¥ 84,43 registrados na quinta-feira.

O avanço para o iene pesou sobre os exportadores japoneses. Panasonic caiu 1,38%, Sharp recuou 2,3% e Toyota Motor caiu 2,5%. Mitsubishi Motors caiu 5,8%, ainda se recuperando da repreensão do governo para a emissão de um recall de alguns de seus veículos, por problemas de segurança.

No comércio sul coreano, Samsung Electronics perdeu 4%, depois que os reguladores da União Europeia, disseram na quinta-feira que planejam emitir uma queixa contra a empresa como parte de uma investigação sobre patentes.

O comércio australiano viu um declínio de mineradoras em meio à quedas nos preços futuros do ouro, paládio, junto com o petróleo. BHP Billiton caiu 0,92% e Rio Tinto recuou 0,86%.

Qantas Airways subiu 1,3%, depois de informar que transportou 6,4% mais passageiros em novembro, ante o mesmo período, um ano atrás. Na China, empresas de energia estavam pesando em Hong Kong. China Petroleum & Chemical fechou com baixa de 1,24% e Cnooc caiu 1,4%.

EUROPA:

As bolsas europeias caem nesta sexta-feira, seguindo as perdas nos mercados futuros de ações dos EUA, depois do cancelamento da votação por parte dos republicanos.

O índice Stoxx Europe 600 recua 0,23 %, com bancos e empresas de recursos postando as maiores perdas. As ações da peso pesado HSBC Holdings cai 0,76% em Londres, enquanto BNP Paribas perde 0,4% em Paris. O grupo petrolífero BP no Reino Unido cai 0,7%.

As mineradoras BHP Billiton cai 0,93% e Rio Tinto cai 0,53%, pressionando o índice FTSE 100 do Reino Unido.

Destaque em Paris para AXA Private Equity e a varejista Carrefour, que sobem 0,45% cada e no lado oposto, Alcatel-Lucent recua 2,5%, Credit Agricole perde 1,1% e Societé Generalé cai 0,6 %, derrubando o índice CAC 40 da França.

Em Frankfurt, Vestas Wind Systems sobe 1,81 e Infineon Technologies avança 1%. Ações da Nokia perdem 0,71%, após a empresa anunciar que concordou com a Research in Motion para resolver todas as ações judiciais entre as duas empresas. DAX 30 da Alemanha também recua.

AGENDA DE HOJE:

EUA:
11h30 - Personal Income de Novembro (renda individual dos americanos) e Personal Spending de Novembro (gastos dos consumidores dos Estados Unidos com bens e serviços);
11h30 - de Novembro (mostra a média de gastos pessoais dos americanos);
11h30 - Chicago Fed National Activity Index de Novembro (indicadores já divulgados para avaliar o nível de atividade de econômica de Chicago);
12h55 - Michigan Sentiment de Dezembro (índice que mede o sentimento do consumidor).

AGENDA DA PRÓXIMA SEGUNDA-FEIRA

EUROPA: Não está prevista a divulgação de indicadores econômicos.

ALEMANHA:
Import Prices de Novembro (mede os preços de bens importados na Alemanha).

REINO UNIDO: Não está prevista a divulgação de indicadores econômicos.

BRASIL: BMF/BOVESPA estará fechado devido a véspera de Natal.

EUA: Não está prevista a divulgação de indicadores econômicos.

ÍNDICES MUNDIAIS (7h00):

ÁSIA
Austrália: -0,23%
Nikkei: -0,99%
Hang Seng: -0,68%
Xangai Composite: -0,69%

EUROPA
London - FTSE: -0,84%
Paris Cac 40: -0,42%
Frankfurt - Dax: -0,47%
Madrid IBEX: -0,47%
Milão MIB 40: -0,78%

COMMODITIES
BRENT: -0,50%
WTI: -0,89%
OURO: +0,17%
COBRE: +0,33%
NÍQUEL: -0,08%
SOJA FUTURO: +0,82%
ALGODÃO FUTURO: +0,13%

INDICES FUTUROS
Dow: -1,07%
SP500: -1,10%
NASDAQ: -1,11%

RESULTADOS CORPORATIVOS:

EUA:
Walgreen Co.

Observação: Este material é um trabalho voluntário e gratuíto, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. Atenção para o horário da disponibilização dos dados desse relatório.

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.