😎 Promoção de meio de ano - Até 50% de desconto em ações selecionadas por IA no InvestingProGARANTA JÁ SUA OFERTA

Tesla pode ficar para trás entre as 7 Magníficas em 2024

Publicado 03.01.2024, 13:05
US500
-
MSFT
-
GOOGL
-
AAPL
-
AMZN
-
NVDA
-
TSLA
-
META
-
GOOG
-
002594
-

As 7 Magníficas devem manter a liderança do mercado acionário em 2024, mas a Tesla pode ficar para trás.

O grupo de ações formado por Apple (NASDAQ:AAPL), Microsoft (NASDAQ:MSFT), Google (NASDAQ:GOOGL), Tesla (NASDAQ:TSLA), Nvidia (NASDAQ:NVDA), Amazon (NASDAQ:AMZN) e Meta (NASDAQ:META), apelidado de “As Sete Magníficas”, foi o grande destaque do mercado em 2023. Essa tendência pode se repetir em 2024, com exceção de uma das integrantes do grupo, a Tesla Analistas preveem que ela seja a única a apresentar desempenho negativo nos próximos 12 meses. Seis dessas empresas têm projeções de retorno positivo para este ano, enquanto a Tesla é estimada a cair 3%.

Tesla sobe 130% em 2023, mas enfrenta desafios em 2024 

A líder de veículos elétricos (VEs) Tesla teve uma recuperação impressionante em 2023, apesar de alguns obstáculos.

Com uma valorização de cerca de 130% no ano até o momento, a Tesla foi uma das principais responsáveis por impulsionar o S&P 500 para perto de seu recorde no ano passado. No entanto, a maior parte dos ganhos do índice veio da gigante de chips Nvidia e da Meta Platforms, que subiram mais de 245% e 183% em 2023, respectivamente.

No entanto, a última parte do ano indicou que a Tesla não está imune a dificuldades. O último balanço da montadora mostrou uma queda significativa em suas margens de lucro, provavelmente devido à série de reduções de preços ao longo do ano.

Além disso, esses ventos contrários devem persistir em 2024, principalmente devido aos desafios que o negócio principal de VEs da Tesla e o setor automotivo em geral devem enfrentar.

“O valuation da Tesla tem sido sustentado pelas expectativas de crescimento, mesmo com a erosão das margens. Nossa expectativa é que as estimativas de entrega e receita para 2024 e 2025 sejam reduzidas significativamente.” – escreveu o analista da Bernstein Toni Sacconaghi em uma nota no mês passado. 

De acordo com a FactSet, espera-se que os lucros da Tesla cresçam de uma queda de 25% em 2023 para US$ 3,06 por ação. No entanto, em comparação com 2022, Wall Street espera que o lucro por ação (LPA) de 2024 caia 6% para US$ 3,83, mesmo com a receita projetada para aumentar 45% para US$ 118,5 bilhões.

Enquanto isso, a Tesla também está lidando com o aumento da concorrência no mercado de VEs, especialmente na China. Na segunda-feira, a gigante local de VEs, BYD (SZ:002594), tornou-se extraoficialmente a maior vendedora global de veículos elétricos a bateria. Notavelmente, a empresa entregou 526.000 carros elétricos no quarto trimestre, em comparação com 480.000 unidades que a Tesla deve relatar para o mesmo período.

Mercado mais amplo deve continuar em alta em 2024 

Embora Wall Street não esteja muito otimista com as perspectivas da Tesla em 2024, uma onda notável de otimismo permeia as projeções do mercado mais amplo.

A apenas 0,6% de um novo recorde, o S&P 500 está bem posicionado para expandir seu momento em 2024, especialmente depois que o Federal Reserve confirmou no mês passado que planeja suavizar o aperto da política monetária. O banco central dos EUA está preparado para cortar as taxas de juros pelo menos três vezes este ano, marcando uma mudança significativa na dinâmica do mercado em comparação com alguns meses atrás.

Com isso em mente, analistas de Wall Street emitiram recentemente previsões notavelmente positivas para o S&P 500 em 2024, com alguns vendo o índice superando 5.000 até o final do ano. Ao mesmo tempo, alguns não estão se sentindo tão otimistas, citando riscos recessivos e enfraquecimento da força do consumidor.

***

(Este artigo foi originalmente publicado em inglês no site The Tokenist e traduzido pela redação do Investing.com).

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.