Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Atualize já

Petróleo - Calendário da semana: 18 a 22 de março

Commodities 17.03.2019 08:15
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters.
 
LCO
+4,18%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar a uma lista de Favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
CL
+0,17%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar a uma lista de Favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 

Investing.com - Os investidores de petróleo continuarão a se concentrar nas perspectivas para a oferta mundial de petróleo bruto e de demanda de energia na próxima semana, em meio a indicações de que os cortes de produção liderados pela Opep ajudaram a apertar o mercado e secar o excesso de oferta.

A Opep, que junto com alguns produtores não membros como a Rússia, conhecida como 'Opep+', concordou no final do ano passado em reduzir a produção em 1,2 milhão de barris por dia (bpd) para sustentar os preços.

Após encontro do Comitê de Monitoramento Ministerial Conjunto da Opep em Baku, no Azerbaijão, no domingo, o ministro da Energia da Arábia Saudita disse estar otimista em relação ao compromisso contínuo com o acordo de corte de fornecimento de petróleo entre membros e não membros da Opep.

"Estou obviamente otimista de que a implementação do nosso acordo com a Opep+ melhorará e já é forte pelos padrões históricos", disse Khalid al-Falih.

Os ministros da Opep+ vão se reunir em 17 e 18 de abril para decidir sobre a política de produção.

Nos EUA, a atualização dos dados sobre os estoques comerciais de petróleo capturarão a atenção do mercado esta semana.

Na semana passada, a Administração de Informação de Energia (EIA) informou que os suprimentos de petróleo caíram inesperadamente para 3,9 milhões de barris. A EIA também informou que a produção nacional total de petróleo caiu de um território recorde, diminuindo 100.000 barris para 12 milhões de barris por dia.

Futuros do petróleo fecharam em queda acentuada na sexta-feira, com os preços nos EUA recuando de uma máxima de quatro meses, já que as preocupações com a economia pesaram.

Os contratos futuros do petróleo West Texas Intermediate (WTI), diminuíram 9 centavos para encerrar em US$ 58,52 por barril no fechamento do pregão. No intraday, a cotação chegou a US 58,95, a maior desde 13 de novembro.

Durante a semana, a referência norte-americana subiu cerca de 4,3%, seu melhor ganho semanal em cerca de um mês.

Enquanto isso, os futuros internacionais de petróleo Brent encerraram a sessão de sexta-feira avançando 7 centavos cotado à US$ 67,16 por barril.

Os preços do Brent, que na quinta-feira atingiram a maior alta até agora neste ano a US$ 68,14, viram um ganho de aproximadamente 2,1% na semana.

Com duas semanas até o final do primeiro trimestre, o WTI subiu 29% no ano e o Brent 25%, com as duas referências se beneficiando extensivamente dos agressivos cortes de produção realizados pela Opep desde o início de janeiro. No entanto, a ascensão da produção dos EUA está ameaçando desfazer esses cortes.

Dados da empresa prestadora de serviços de energia Baker Hughes mostraram na sexta-feira que o número de plataformas ativas de perfuração de petróleo nos EUA caiu pela quarta semana consecutiva, embora em apenas em uma unidade, totalizando 833.

“O mercado ainda está dividido entre as preocupações econômicas e os altos números da produção de petróleo, por um lado, e a notável conformidade com a Opep+, por outro ”, disse Stephen Brennock, corretor de petróleo da PVM.

Antes da próxima semana, o Investing.com compilou uma lista dos principais eventos que provavelmente afetarão o mercado de petróleo.

Segunda-feira, 18 de março

A EIA divulgará sua previsão para abril para a produção de petróleo nos EUA.

Terça-feira, 19 de março

O American Petroleum Institute (API) publicará sua atualização semanal sobre a oferta de petróleo nos EUA.

Quarta-feira, 20 de março

O EIA divulgará seu relatório semanal sobre os estoques de petróleo.

Sexta-feira, 22 de março

A Baker Hughes divulgará dados semanais sobre a contagem de sondas nos EUA.

- Reuters contribuiu com esta reportagem

Petróleo - Calendário da semana: 18 a 22 de março
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail