Garanta 40% de desconto
⚠ Alerta de Balanço! Quais ações estão prontas para disparar?
Veja as ações no nosso radar ProPicks. Essas estratégias subiram 19,7% desde o início do ano.
Não perca a lista completa

Fique por dentro das 5 principais notícias do mercado desta quinta-feira

Publicado 22.02.2024, 05:36
Atualizado 22.02.2024, 08:03
© Reuters.

Por Scott Kanowsky e Jessica Bahia Melo

Investing.com – A receita da Nvidia subiu acima das projeções de Wall Street no quarto trimestre fiscal, fazendo com que as ações da fabricante de chips de inteligência artificial (IA) disparassem após o horário regular de pregão em Nova York.

Ainda nos Estados Unidos, a ata da reunião de janeiro do Federal Reserve (Fed, banco central americano) revela cautela por parte da autoridade monetária quanto a um corte mais cedo de juros.

No Brasil, expectativa para divulgação do balanço da Vale.

Amplie seus ganhos com dados completos e estratégias que batem o mercado com o InvestingPro. Para um desconto especial na plataforma, use o cupom INVESTIR para as assinaturas anuais e de 2 anos do Pro e Pro+

1. Nvidia supera projeções financeiras e gera alívio nos mercados

A Nvidia (NASDAQ:NVDA), gigante do setor de semicondutores, viu suas ações atingirem um novo pico nos EUA após o fechamento do mercado na quarta-feira. A empresa registrou receitas do quarto trimestre acima das expectativas e forneceu uma previsão de vendas para o próximo trimestre que também superou as projeções de Wall Street.

Jensen Huang, CEO da Nvidia, destacou o “boom” da inteligência artificial, que tem impulsionado a valorização da empresa nos últimos 12 meses. Ele afirmou que a tecnologia emergente atingiu um "ponto de inflexão".

"A demanda está crescendo globalmente, em empresas, indústrias e países", declarou.

Os resultados da Nvidia, que fabrica processadores gráficos utilizados para treinar sistemas de IA, tiveram um impacto positivo nas ações de semicondutores na Ásia.

A Advantest Corp. (TYO:6857), fabricante japonesa de equipamentos de teste de semicondutores e principal fornecedora da Nvidia, teve alta e está próxima de um recorde. A TSMC de Taiwan (TW:2330), maior fabricante de chips do mundo e importante fornecedora da Nvidia, também se aproximou de um recorde histórico.

Os futuros de ações dos EUA indicaram uma abertura positiva em Nova York na quinta-feira, com os investidores acolhendo o aumento de 256% na receita da Nvidia e a perspectiva otimista para a demanda de IA.

Às 7h57 (horário de Brasília), o contrato futuro do índice de tecnologia Nasdaq 100 subia 2,05%, enquanto o Dow futuro tinha alta de 0,35% e o S&P 500 futuro ganhava 1,25%.

A Nvidia, que faz parte do grupo de ações de grande capitalização conhecido como "7 Magníficas", que juntas representaram mais de 60% do retorno total do S&P 500 em 2023, é vista como um termômetro do boom da IA que tem sustentado a recente força do mercado de ações.

Em conversa com investidores, Huang afirmou que os chips avançados da Nvidia se tornaram as "fábricas de IA" em uma nova revolução industrial que abrangerá "todos os setores". A empresa agora busca consolidar essa posição, embora analistas tenham alertado que a crescente concorrência e a desaceleração das vendas na China podem representar desafios.

ACOMPANHE: Cotação das ações dos EUA na pré-abertura em Wall Street

2. Federal Reserve hesita em cortar taxas de juros antecipadamente, segundo ata

As autoridades do Federal Reserve expressaram preocupação em reduzir as taxas de juros prematuramente, indicando a necessidade de maior confiança de que as pressões inflacionárias continuam a diminuir, conforme revelado na ata da reunião de política monetária de janeiro do Fed, divulgada na quarta-feira.

As atas revelaram que os formuladores da política monetária "não esperavam que fosse adequado reduzir a faixa-alvo" para a taxa básica de juros até que tivessem "maior confiança" de que a inflação estava se desacelerando em direção à sua meta de 2%.

No encerramento da reunião de 31 de janeiro, o Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) manteve sua taxa de referência, que está em seu nível mais alto em mais de duas décadas, entre 5,25% e 5,5%. No entanto, a ata sugeriu que o banco central acreditava que as taxas provavelmente atingiram seu pico "para este ciclo de aperto".

Desde a reunião, dados econômicos indicam que a extinção das últimas chamas da inflação pode levar mais tempo do que o previsto, criando obstáculos para uma "aterrissagem suave" - um cenário em que os ganhos de preços são contidos sem provocar uma desaceleração mais ampla na economia ou no mercado de trabalho.

Confira: Calendário Econômico do Investing.com

3. Rivian não atinge expectativas de produção anual

A Rivian (NASDAQ:RIVN) divulgou na quarta-feira uma projeção de produção anual que ficou abaixo das estimativas de Wall Street, em meio a uma diminuição da demanda dos EUA por veículos elétricos.

Para 2024, a fabricante de carros elétricos espera produzir 57.000 veículos, ficando aquém das expectativas de Wall Street de 66.000.

A empresa também planeja reduzir sua força de trabalho em 10% em resposta a um "ambiente macroeconômico desafiador", segundo relatos da mídia.

As ações da Rivian sofreram uma queda acentuada nas negociações após o fechamento do mercado na quarta-feira.

4. Preços do petróleo registram leve alta

Os preços do petróleo registravam uma ligeira alta pela manhã, à medida que as expectativas de aperto nos suprimentos globais, devido a interrupções no Oriente Médio, eram compensadas por sinais de outro aumento substancial nos estoques dos EUA.

Os preços do petróleo tiveram grandes oscilações nesta semana, com os mercados enfrentando temores de deterioração da demanda e possíveis interrupções no fornecimento devido a um conflito em andamento no Oriente Médio.

Os preços do petróleo Brent com vencimento em abril subiram 0,25%, para US$ 83,24 por barril, enquanto o West Texas Intermediate aumentou 0,26%, para US$ 78,11 por barril.

5. Expectativa para o balanço da Vale

O destaque brasileiro desta quinta deve ficar por conta do balanço da Vale (BVMF:VALE3), que reporta após o fechamento do pregão. O balanço será divulgado ao mesmo tempo em que as notícias repercutem o processo de decisão do Conselho de Administração sobre a eventual recondução ou não do atual CEO, Eduardo Bartolomeo. No entanto, a Vale informou que a definição pode ocorrer até maio, quando acaba o mandato. A plataforma InvestingPRO projeta um lucro por ação de R$4,54 para a mineradora, com receita estimada em R$64,7 bilhões.

Analistas destacam que a companhia registrou uma prévia operacional com produção robusta, mas ainda restam incertezas sobre eventuais possíveis provisionamentos de valores relacionados a desastres ambientais.

A Vale deve ser o destaque no setor de commodities, de acordo com o BTG (BVMF:BPAC11), diante de melhorias em volumes, preços realizados e na unidade de Metais Básicos. Já o Bank of America (NYSE:BAC) (BofA) também destaca produção robusta. “A Vale encerrou o ano com produção de minério de ferro em 321Mt, acima do guidance de 315Mt. Para o cobre, a produção anual atingiu 326,6 kt, acima da orientação revisada de 325 kt, enquanto para o níquel atingiu 165 kt (em linha com o guidance)”.

Às 7h58 (de Brasília), o ETF (NYSE:EWZ) subia 0,21% no pré-mercado. As ADRs da Vale (NYSE:VALE) ganhavam 0,82%, a US$13,54.

Últimos comentários

A esse ponto o Petróleo já deveria estar abaixo de U$70, os principais consumidores estão mudando para EVs a todo vapor
hoje sobe nas espectativas e amanha tbm no fato!
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.