Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Dólar supera R$4,90 com proposta sobre ICMS alimentando temores fiscais

Moedas 07.06.2022 10:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Notas de dólar 14/02/2022 REUTERS/Dado Ruvic

Por Luana Maria Benedito

SÃO PAULO (Reuters) -O dólar avançava pela segunda sessão consecutiva nesta terça-feira, e chegou a superar a marca de 4,90 reais conforme investidores reagiam à proposta do governo de zerar o ICMS e avaliavam qual seria seu impacto fiscal, refletindo ainda temores internacionais sobre o aperto da política monetária nas principais economias.

Às 10:35 (de Brasília), o dólar à vista avançava 2,30%, a 4,9064 reais na venda, patamar que corresponderia ao maior nível de encerramento desde o último dia 19 (4,9194 reais) caso a moeda mantivesse esse preço até o fim das negociações.

O real dividia com a coroa norueguesa a posição de moeda de pior desempenho no dia.

Na B3 (SA:B3SA3), às 10:35 (de Brasília), o contrato de dólar futuro de primeiro vencimento subia 2,18%, a 4,9370 reais.

O cenário doméstico era apontado como o principal responsável pela alta do dólar no dia, após o presidente Jair Bolsonaro ter afirmado na véspera que o Executivo está disposto a zerar impostos federais cobrados sobre gasolina, gás, etanol e diesel em troca de uma redução da carga cobrada pelos entes federativos, que seriam ressarcidos pelo governo federal.

De acordo com o ministro da Economia, Paulo Guedes, os repasses que deverão ser feitos pela União este ano a Estados e municípios para cobrir a perda de arrecadação desses entes com uma redução a zero do ICMS que incide sobre diesel e gás terão valor definido, limitado ao montante de uma arrecadação extraordinária que ainda não foi lançada no Orçamento.

Em relatório, especialistas da Genial Investimentos avaliaram que a medida deve colaborar para um arrefecimento da inflação ao consumidor, o que, em teoria, tende a aumentar a renda real da população e, consequentemente, gerar um efeito positivo sobre a atividade e a arrecadação de impostos.

No entanto, como a medida pode elevar a percepção do risco fiscal do país por parte dos participantes do mercado, "o resultado poderá ser desvalorização cambial e aumento da pressão inflacionária, diminuindo ou até mesmo anulando os efeitos da diminuição de impostos", alertaram.

A XP (SA:XPBR31) calcula que o impacto sobre a inflação de curto prazo da proposta do ICMS pode ser de até 2 pontos percentuais no IPCA cheio, mas "deve criar um buraco fiscal que pode atingir 100 bilhões de reais até o final do ano", disse a instituição financeira em nota.

Jason Vieira, economista-chefe da Infinity Asset, escreveu que a notícia é "mais um ponto do descalabro fiscal no Brasil, pois ao entender a completa impossibilidade de alterar as políticas da Petrobras (SA:PETR4)... o governo busca alternativas nada ortodoxas para a redução do preço dos combustíveis".

Uma diminuição na arrecadação do governo poderia atrapalhar o desempenho positivo que as contas públicas brasileiras têm apresentado nos últimos meses, fator que tende a atrair investidores estrangeiros para o mercado local. Dados divulgados no final do mês passado, por exemplo, mostraram que o setor público teve superávit fiscal recorde para abril, enquanto a dívida voltou ao nível do início da pandemia.

Além de receios domésticos, a movimentação do mercado de câmbio doméstico era corroborada pela força internacional do dólar, cujo índice frente a uma cesta de rivais de países ricos avançava 0,35% no dia. A divisa norte-americana também ganhava terreno contra a maioria das moedas arriscadas pares do real, como dólar australiano peso chileno e peso mexicano, embora caísse ante o rand sul-africano.

Investidores de todo o mundo mostravam maior cautela na sessão antes de dados de inflação dos Estados Unidos e uma reunião do Banco Central Europeu (BCE) desta semana, em meio a receios de que um aperto monetário muito agressivo nos países desenvolvidos leve a saídas de capital de ativos arriscados, como moedas de países emergentes.

Na véspera, a moeda norte-americana à vista fechou em alta de 0,38%, a 4,7959 reais na venda.

(Edição de Camila Moreira)

Dólar supera R$4,90 com proposta sobre ICMS alimentando temores fiscais
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (29)
Maurício Resende
Maurício Resende 07.06.2022 17:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
A carga tributária não será reduzida. Apenas vai mudar de lugar. Alguém pagará mais para que outros paguem menos. Simples assim.
Gustavo Mota
Gustavo Mota 07.06.2022 17:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Qual foi o imposto que aumentou, irmão? Para ter aumento de carga, tem que aumentar algum imposto. Estamos vendo o Gov Federal remanejando imposto já arrecadado.
Mant Newmann
Mant Newmann 07.06.2022 13:45
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Acabou de cortar 8 bi de Saude e Educação. Vai gastar 40 bi para comprar voto em ano eleitoral? Sem contar que estes 40 bi são jogados no lixo e ano que vem pagamos a conta em dobro. Repete a dose do que a foi feito pela Dilma em 2014. Qualquer idiota sabe o resultado. BOZO = LULA =LADRÃO POPULISTA.
Jociel Dos Reis
Jociel Dos Reis 07.06.2022 12:26
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Só no Brasil se incomodam com redução de impostos.
Juliana Katz Lang
Juliana Katz Lang 07.06.2022 12:26
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O burrinho não entendeu nada. . kkkkkkk kkkkkkk
Rod Cst
Rod Cst 07.06.2022 12:26
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Trouxa é quem acredita na manipulação da Bolsa pelos Fundos Internacionais. Quando colocarem o candidato dos Banqueiros no poder eles param de brincar.
Rod Cst
Rod Cst 07.06.2022 12:26
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Acreditar nos valores manipulados do índice, quero dizer.
Mant Newmann
Mant Newmann 07.06.2022 12:17
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Não importa se petróleo é cotado em dolar, milho em dolar, carne em dolar, aço em dolar, soja em dolar, eletronicos em dolar, ... O que vale é fazer populismo, quebrar o pais e jogar a culpa nos outros. Pedala tudo para 2023, depois da eleição!!!!
Mant Newmann
Mant Newmann 07.06.2022 12:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Esta tudo sob controle, Jegues falou que dolar alto é bom para o Brasil. Foi ótimo para a offshore da politicalha corrupta.
Leonardo Ferreira
Leonardo Ferreira 07.06.2022 11:48
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Nunca vi reclamação sobre redução de imposto...só no Brasil...
Juliana Katz Lang
Juliana Katz Lang 07.06.2022 11:48
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
E reclamação de inflação, dólar alto, desemprego. Ouviu? kkkkkk kkkkkkk
Nelson Sousa
Nelson Sousa 07.06.2022 11:47
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Esse maldito "mercado financeiro", é manipulação politica Pura! Nenhum pais precisa dessa maldição!
Juliana Katz Lang
Juliana Katz Lang 07.06.2022 11:47
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
ai aí vai dizer que o mercado é esquerdista? kkkkkk kkkkkkk
Rod Cst
Rod Cst 07.06.2022 11:47
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Juliana, O mercado financeiro é canhoto sim. A Revolução Bolchevique foi financiada por Wallstreet. Quem não acredita, pode pesquisar.
Lamir M B Carvalho
Lamir M B Carvalho 07.06.2022 11:42
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
A maior crise que o país sofreu foi ter passado pelas mãos do PT e não sucumbiu, agora a economia está "despiorando" a cada dia: Redução da taxa de desemprego, aumento das arrecadações... É só o começo...
Juliana Katz Lang
Juliana Katz Lang 07.06.2022 11:42
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bozonazi conseguiu ser pior, mas se repetir "pt isso, pt aquilo ... diminui seu desespero. .. continue repetindo kkkkkkk kkkkkkk
Antonio Kainam
Antonio Kainam 07.06.2022 11:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
EU VIVI PRA VER GENTE RECLAMANDO DE REDUÇÃO DE IMPOSTO.. 🤣🤣🤣
Juliana Katz Lang
Juliana Katz Lang 07.06.2022 11:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Viveu pra ver a hiperinflacao voltar tbm kkkkkkk kkkkkkk
Luiz Rafael Cavalheiro
Luiz Rafael Cavalheiro 07.06.2022 11:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Poderia me explicar o processo de hiperinflação e as causas atuais deste que foi identificado por você? Agradeço a ajuda.
Evandro Salvador Figueirôa
Evandro Salvador Figueirôa 07.06.2022 11:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Dólar alto , com baixa concorrência de produtos importados( em funcao da moeda)... Redução de produção, com injeções extremas de dinheiro na economia sem aumento de produtividade(bolsa eleição, ampliação de margem consignado, antecipação FGTS), algo básico de qualquer curso de economia... aumentar a disponibilidade de moeda em circulação sem melhorar/aumentar a produção...
Rogerio Falha Sanches
Rogerio Falha Sanches 07.06.2022 11:35
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Medida imbecil , jogou o fiscal no lixo , dólar voltando a 5 e novo aumento da Petrobrás daqui a pouco kkkk
Nelson Sousa
Nelson Sousa 07.06.2022 11:35
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Que mané fiscal, vc curte ser escravo do sistema mas outras pessoas nao querem pq tem inteligencia seu burrao!
Juliana Katz Lang
Juliana Katz Lang 07.06.2022 11:35
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O escravo do bozonazi Nelson, criticando o sistema é hilariante kkkkkkk kkkkkkk
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail