Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Dólar supera R$5,39 diante de forte demanda por segurança em meio a temores de recessão

Moedas 05.07.2022 10:41
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Notas de dólar 14/11/2014 REUTERS/Gary Cameron

Por Luana Maria Benedito

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar avançava acentuadamente nesta terça-feira, chegando a superar os 5,39 reais nos maiores patamares do dia diante de disparada internacional da moeda norte-americana, com investidores do mundo inteiro fugindo para ativos seguros em meio a temores generalizados de recessão.

Enquanto isso, no Brasil, persistia a cautela sobre a saúde fiscal do país.

Às 10:34 (de Brasília), o dólar à vista avançava 1,18%, a 5,3876 reais na venda. A moeda norte-americana chegou a saltar 1,31% mais cedo, a 5,3950 reais, nível que, se mantido até o fim das negociações, corresponderia a uma máxima para encerramento desde 27 de janeiro (5,4247).

Na B3 (BVMF:B3SA3), às 10:34 (de Brasília), o contrato de dólar futuro de primeiro vencimento subia 1,00%, a 5,4265 reais.

"Investidores (estão) voltando a se preocupar com a possibilidade de uma recessão na economia global, e, no mercado internacional de câmbio, o dólar assume o modo vencedor", comentou Jefferson Rugik, presidente executivo da Correparti Corretora.

Às 10:34 (de Brasília), o índice do dólar --que mede o desempenho da moeda norte-americana frente a uma cesta de seis divisas-- subia 1,35%, a 106,540, renovando máximas em duas décadas.

O euro, principal componente dessa cesta, despencava mais de 1% nesta sessão, tocando os níveis mais baixos desde 2002 depois que uma greve de trabalhadores noruegueses de petróleo e gás elevou a perspectiva de uma crise energética na Europa, cenário que, se concretizado, elevaria as chances de recessão por lá.

Sinal da forte aversão a risco global, os rendimentos dos títulos soberanos de dez anos dos Estados Unidos estendiam perdas recentes nesta terça-feira, conforme crescia a demanda pela segurança da renda fixa.

A diferença entre os rendimentos dos Treasuries de dez e dois anos se inverteu pela primeira vez desde meados do mês passado neste pregão, fenômeno que é visto por muitos como indicador confiável de que uma recessão se seguirá dentro de um ou dois anos.

O nervosismo de investidores sobre a atividade global ganhou força desde que o banco central dos Estados Unidos, o Federal Reserve, endureceu sua postura de política monetária e subiu os juros no ritmo mais acentuado em quase 30 anos no mês passado, em 0,75 ponto percentual.

Além de frear os gastos das empresas e das famílias, taxas de empréstimo mais altas nos EUA tornam os títulos norte-americanos "cada vez mais atraentes e estimulam a busca por esse tipo de ativo, elevando o valor da moeda dos EUA", disse a XP (BVMF:XPBR31) em relatório.

Exacerbam esses riscos as recentes discussões no Brasil sobre corte de impostos e aumentos de gastos, avaliou a instituição financeira. "Riscos de desequilíbrio fiscal aumentaram por aqui, trazendo uma pressão adicional ao real e contribuindo para 'descolamento' da nossa moeda", cujo desempenho tem sido expressivamente pior que o de pares emergentes nas últimas semanas, completou a XP.

A tramitação da PEC dos Benefícios --também chamada de "PEC Kamikaze" por críticos por ser fiscalmente danosa e ter possível impacto inflacionário de longo prazo-- no Congresso deve seguir no foco de investidores locais. A proposta, aprovada pelo Senado na semana passada, prevê a ampliação e a criação de novos benefícios sociais.

O dólar saltou quase 10% no acumulado do segundo trimestre e marcou em junho seu melhor desempenho mensal frente ao real desde março de 2020 --quando os mercados sentiram o choque inicial da pandemia de Covid-19. A moeda norte-americana ainda acumula baixa neste ano, de cerca de 3,5%, mas está quase 17% acima da mínima para encerramento de 2022, de 4,6075, atingida no início de abril.

Dólar supera R$5,39 diante de forte demanda por segurança em meio a temores de recessão
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (17)
Fabio Piza
Fabio Piza 06.07.2022 8:30
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Viva a esse povo ignorante que não lê a matéria e quando lê não entende, viva o Lula 👏👏👏👏👏
Sidnei Horst
Sidnei Horst 05.07.2022 13:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Niva dinamica do mercado, Jegues/ C Neto enchendo as burras nas offshores, Empresarios pagando a conta e o Povo passando fome e andando a pé! só faltam 4 meses!
Mannt Neumann
Mannt Neumann 05.07.2022 13:08
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Jegues FELIZ!!! Carne é cotada em dólar, soja em dólar, milho em dólar, trigo em dólar, combustíveis em dólar, aço em dólar, componentes eletrônicos em dólar. Alguém lembra do Jegues reclamando das domésticas indo muito para Disney e bradando que dólar alto é bom para o Brasil? Foi ótimo para offshore da politicalha corrupta. Além da alta mundial, mais 30% de aumento na veia das commodities aqui no Brasil. Agora, é só jogar a CURPA na PPI da PBR, na JBS e nos supermecados.
Lucas Zimmer
Lucas Zimmer 05.07.2022 12:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Viva a OffShore do Jegues!!!! empregada doméstica é fila do ossinho...
Sidnei Horst
Sidnei Horst 05.07.2022 12:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
nem osso tem mais, importante que el e o Estagiario do BC estao enchendo as Burras!
Julio Julius
Julio Julius 05.07.2022 12:48
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
mais 4 anos de Bozo e o dólar vai a 15
Juliana Katz Lang
Juliana Katz Lang 05.07.2022 12:17
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
aí aí esse dólar esquerdista kkkkkkk kkkkkkk
Rodrigo Tavares
Rodrigo Tavares 05.07.2022 12:15
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
se o PCC ganhar o dolar vai a 10
Juliana Katz Lang
Juliana Katz Lang 05.07.2022 12:15
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Mas o bozonazi não tem 570 bilhões de votos? kkkkkk kkkkkkk Pra que tanto desespero? kkkkkk
Juliana Katz Lang
Juliana Katz Lang 05.07.2022 12:15
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O problema é que estamos entre pcc e a milícia nazifascista. Cada um com sua seita de estimação kkkkkkk kkkkkkk
Maltez Fernandes
Maltez Fernandes 05.07.2022 12:01
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Só é da uma olhada na economia mundial,já podemos ter clareza das coisas. E ainda falam em uma possível recessão!
Mannt Neumann
Mannt Neumann 05.07.2022 11:51
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Herança maldita do Trump!!!
Thales guimaraes
Thales guimaraes 05.07.2022 11:51
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ta cada dia mais dificil esconder a sua cor, bombeirinho vermelho!!!Aqui é culpa do bozo! Nos EUA é culpa do Trump!! kkkkkkÉ parceiro!!! Ninguem caí nesse seu crtl C + crtl VSeu presidente vai ganhar é uma vaga no presidio!
Mannt Neumann
Mannt Neumann 05.07.2022 11:51
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
A cor do Bozo já não tem como esconder, ladrão, auxilio eleitoreiro, compra de votos, congelamnto de precos nos supermecados, intervenção na PBR, ... mais vermelhinho impossível... hahahahahahah
César Ferreira
César Ferreira 05.07.2022 11:29
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Parabéns Biden! conseguiu destruir a estabilidade financeira dos EUA.
Jefferson Figueiredo
Jefferson Figueiredo 05.07.2022 11:29
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ele e o FED não fazem a minima ideia do estão fazendo.
Juliana Katz Lang
Juliana Katz Lang 05.07.2022 11:29
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Só Jefferson pode nos salvar kkkkkkk kkkkkkk
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail