Garanta 40% de desconto
⚠ Alerta de Balanço! Quais ações estão prontas para disparar?
Veja as ações no nosso radar ProPicks. Essas estratégias subiram 19,7% desde o início do ano.
Não perca a lista completa

Berkshire reduz fatia na Apple, vende StoneCo e outras três ações

Publicado 15.02.2024, 08:13
Atualizado 15.02.2024, 13:51
© Reuters.

Por Jonathan Stempel

(Reuters) - A Berkshire Hathaway (NYSE:BRKa) disse na quarta-feira que reduziu sua enorme participação na Apple (NASDAQ:AAPL), se desfez de quatro fatias em outras empresas, incluindo na brasileira StoneCo (NASDAQ:STNE), e manteve os investidores em dúvida sobre qual será o novo investimento importante de Warren Buffett.

A Berkshire disse que vendeu 10 milhões de ações da Apple no quarto trimestre, mas ainda detinha no final do ano passado mais de 905 milhões de papéis da empresa avaliados em cerca de 174 bilhões de dólares.

A Berkshire informou ao mercado que não mais possui participações na construtora de casas DR Horton, na seguradora Globe Life, na empresa de seguros e investimentos Markel e na companhia brasileira de meios de pagamentos StoneCo, depois de possuir mais de 1 bilhão de dólares dessas ações no final de setembro.

A Berkshire também aumentou participação na petrolífera Chevron (NYSE:CVX), um de seus maiores investimentos, e reduziu presença na fabricante de computadores e impressoras HP e na empresa de mídia Paramount Global.

Pelo segundo trimestre consecutivo, a Berkshire obteve permissão da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) para manter temporariamente em sigilo uma ou mais de suas participações.

Ocasionalmente, a empresa solicita esse tratamento quando está fazendo grandes investimentos, algo que incluiu participações multibilionárias na Chevron, Exxon Mobil (NYSE:XOM), IBM (NYSE:IBM) e Verizon (NYSE:VZ) Communications.

Isso ocorre porque os investidores frequentemente tentam pegar carona no que a Berkshire faz, refletindo a reputação de Buffett como um dos maiores investidores do mundo. A Berkshire prefere que os investidores saiam comprando ações antes que ela mesma termine de fazer seu investimento.

Em relatório de terceiro trimestre, em novembro, a Berkshire deu a entender que seu investimento confidencial poderia envolver um banco, uma empresa financeira ou uma seguradora, pois recentemente havia investido 1,2 bilhão de dólares em ações desse setor. A empresa ainda não revelou para onde foi o dinheiro.

© Reuters. Logo da Apple em loja da empresa em Paris
15/07/2020 REUTERS/Gonzalo Fuentes

A Berkshire não respondeu imediatamente a um pedido de comentário. Ela não investe mais na Exxon, IBM e Verizon.

Buffett, 93 anos, dirige a Berkshire desde 1965.

A Berkshire revelará mais informações sobre seus investimentos e negócios quando divulgar relatório de 2023 e a carta anual de Buffett aos acionistas, prevista para 24 de fevereiro.

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.