Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Últimas Notícias

UE estuda independência energética da Rússia até 2027

Chinesa Tencent compra fatia de 5,5% da brasileira Zenvia na Nasdaq

Ações19.01.2022 10:19
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Chinesa Tencent compra fatia de 5,5% da brasileira Zenvia na Nasdaq

O conglomerado chinês Tencent Holdings (OTC:TCEHY), dona do aplicativo WeChat, adquiriu uma participação relevante de 5,5% das ações ordinárias classe A da empresa brasileira de tecnologia Zenvia (NASDAQ:ZENV), fundada por Cassio Boss em Porto Alegre (RS), segundo o registro da compra dos papéis no mercado, enviado à SEC (Securities and Exchange Commission), ontem (18). A Zenvia é uma fornecedora de softwares de atendimento e comunicação de empresas em múltiplos canais que abriu capital na Nasdaq em julho do ano passado.

A Zenvia não emitiu comentários públicos sobre a nova posição acionária do investidor minoritário da companhia gaúcha. Ontem, em dia de forte correção negativa na Nasdaq, o papel da Zenvia fechou, ontem, em forte queda de 4,15%, cotado a US$ 5,77, enquanto o da Tencent caiu 5,14%, a US$ 57,55.

No dia 22 de julho do ano passado, as ações da Zenvia começaram a ser negociadas na Nasdaq. A companhia levantou US$ 150 milhões com a oferta inicial, a fim de expandir seus negócios, apresentando-se como a primeira “SaaS company” (plataforma de Software as a Service) da América Latina listada na Bolsa tecnológica norte-americana.

Em novembro, a Zenvia divulgou seu resultado financeiro do terceiro trimestre, destacando um aumento de 43,7% na receita líquida, alcançando R$ 163,7 milhoes, um crescimento de 24,4% no número de clientes ativos, totalizando 11.302, além de uma alta de 61,5% no lucro bruto ajustado, que chegou a R$ 57,8 milhões. A margem bruta ajustada da companhia registrou expansão de 3,9 pontos percentuais, para 35,3%, considerado pela empresa um patamar recorde desde o primeiro trimestre de 2019.

As operações de M&A (fusões e aquisições) também foram destacadas pela Zenvia, que adquiriu a plataforma D1 e a SenseData, de “customer success management”. Em dezembro, a empresa assinou os contratos definitivos para a aquisição da Movidesk, sua segunda aquisição pós-IPO (primeira foi a SenseData) e a 10ª da companhia em pouco mais de 18 anos.

A presença de empresas chinesas no capital de companhias brasileiras é crescente. No ano passado, por exemplo, a Dotz, administradora de programas de fidelidade e de contas digitais, ganhou, no ano passado, um sócio de peso, o Ant Group, do chinês Jack Ma, dono do portal de vendas online Alibaba (NYSE:BABA). Em abril do passado, as duas companhias anunciaram acordo de compra de uma participação de 5% da empresa brasileira.

No comércio eletrônico, as varejistas brasileiras como Magazine Luíza e Via sofrem com a competição chinesa liderada pelo grupo Alibaba com sua plataforma AliExpress. No setor de telefonia móvel, a Xiaomi (HK:1810), segunda maior fabricante de smartphone do mundo, também anunciou, no ano passado, uma estratégia de expansão de suas unidades no Brasil.

Ver mais em Bloomberg Línea Brasil

Chinesa Tencent compra fatia de 5,5% da brasileira Zenvia na Nasdaq
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail