Garanta 40% de desconto
⚠ Alerta de Balanço! Quais ações estão prontas para disparar?
Veja as ações no nosso radar ProPicks. Essas estratégias subiram 19,7% desde o início do ano.
Não perca a lista completa

Nokia reduz meta de margem de lucro para 2026 e fecha acordo com Deutsche Telekom

Publicado 12.12.2023, 12:26
Atualizado 12.12.2023, 12:30
© Reuters. Logo da Nokia na sede da empresa em Espoo, na Finlândia
19/10/2023 JUSSI NUKARI/Lehtikuva/via REUTERS

Por Supantha Mukherjee

ESTOCOLMO (Reuters) - A finlandesa Nokia (HE:NOKIA) disse nesta terça-feira que revisou para baixo sua meta de margem operacional comparável para pelo menos 13% até 2026, ante 14% anteriormente, após não conseguir um acordo com uma operadora de telecomunicações dos Estados Unidos.

A Nokia afirmou que ainda vê um caminho para atingir a meta anterior, mas considerando as condições atuais do mercado em seu negócio de redes móveis, considerou a revisão prudente.

A empresa foi atingida depois que a AT&T (NYSE:T) escolheu a Ericsson para construir uma rede de telecomunicações usando uma nova tecnologia chamada rede de acesso aberta via rádio (Oran) que cobrirá 70% de seu tráfego sem fio nos EUA até o final de 2026.

"(A perda do acordo com) a AT&T é uma má notícia, e é claro que estamos admitindo isso", disse o presidente-executivo da Nokia, Pekka Lundmark, em uma entrevista, acrescentando que se tratava de uma situação específica do cliente, bastante orientada financeiramente e não pela tecnologia ou pelo desempenho.

"Não estamos vendo isso se espalhar para outros clientes", disse ele.

Separadamente, a Nokia e a Deutsche Telekom (DT) anunciaram um acordo nesta terça-feira para usar a Oran na Alemanha, marcando o retorno da empresa finlandesa às redes comerciais da DT.

"Estamos fora dessa rede desde 2017 e agora estamos voltando a ela por meio da tecnologia Oran, o que representa uma vitória significativa para nós", disse Lundmark.

© Reuters. Logo da Nokia na sede da empresa em Espoo, na Finlândia
19/10/2023 JUSSI NUKARI/Lehtikuva/via REUTERS

O projeto já está em andamento e será estendido a partir do primeiro trimestre do próximo ano.

A Nokia também planeja renovar seu negócio de redes móveis, reduzindo sua base de custos para alcançar uma margem operacional de dois dígitos sobre as vendas de 10 bilhões de euros até 2026. A empresa precisaria de cerca de 11,5 bilhões de euros de vendas para atingir esse nível.

Em outubro, a Nokia disse que cortaria até 14.000 empregos para reduzir custos, alertando que não esperava nenhuma recuperação imediata do mercado depois de registrar uma queda de 20% nas vendas do terceiro trimestre devido à demanda mais fraca por equipamentos 5G.

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.