Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Vacinado com CoronaVac tem proteção maior com reforço de Pfizer, AstraZeneca ou J&J, diz estudo

Ações24.01.2022 14:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Funcionários manuseiam frascos da vacina contra Covid-19 em unidade produtora do Instituto Butantan, em São Paulo 22/01/2021 REUTERS/Amanda Perobelli

(Reuters) - Uma terceira dose de reforço da vacina contra Covid-19 da AstraZeneca-Oxford, Pfizer-BioNTech ou Johnson & Johnson (NYSE:JNJ) aumenta significativamente os níveis de anticorpos naqueles que tomaram anteriormente duas doses da CoronaVac, aponta um estudo.

O estudo concluiu que a CoronaVac foi mais reforçada após uma dose de vacina produzida a partir de vetor viral ou RNA, funcionando inclusive contra as variantes Delta e Ômicron do coronavírus, disseram pesquisadores brasileiros e da Universidade de Oxford nesta segunda-feira.

A vacina CoronaVac, da farmacêutica chinesa Sinovac (NASDAQ:SVA), é feita a partir de uma versão inativada ou morta de uma cepa de coronavírus que foi isolada de um paciente na China. Atualmente, sua dose é aprovada em mais de 50 países, incluindo Brasil, China, Argentina, África do Sul, Malásia, Indonésia e Turquia.

"Esse estudo oferece opções importantes para as autoridades nos muitos países onde as vacinas inativadas foram utilizadas", disse Andrew Pollard, diretor do Oxford Vaccine Group e líder do estudo.

No entanto, outro estudo em dezembro concluiu que o esquema de duas doses da CoronaVac seguido por uma dose de reforço da vacina da Pfizer-BioNTech gerou uma resposta imune menor contra a variante Ômicron em comparação com outras cepas.

As vacinas de vetor viral, como as desenvolvidas pela AstraZeneca-Oxford e J&J, usam a versão enfraquecida de outro vírus para fornecer proteínas do vírus contra o qual se busca proteção.

A vacina de mRNA da Pfizer (NYSE:PFE) e BioNTech (NASDAQ:BNTX) programa o corpo para produzir anticorpos contra infecções por meio de sinais químicos.

Uma terceira dose de CoronaVac também aumentou os anticorpos, mas os resultados foram melhores quando uma vacina diferente foi usada como dose de reforço, de acordo com o estudo mais recente que incluiu 1.240 voluntários de São Paulo e Salvador.

Os níveis de anticorpos eram baixos antes das doses de reforço, com apenas 20,4% dos adultos entre 18 e 60 anos e 8,9% dos idosos com mais de 60 anos apresentando níveis detectáveis de anticorpos neutralizantes. De acordo com o estudo publicado na revista médica Lancet, na sexta-feira, os níveis aumentaram significativamente em todos os regimes de vacina de reforço.

(Reportagem de Aby Jose Koilparambil e Pushkala Aripaka em Bengaluru)

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5047 2838))

REUTERS PVB ES AC

Vacinado com CoronaVac tem proteção maior com reforço de Pfizer, AstraZeneca ou J&J, diz estudo
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (16)
Eraldo Borges
Eraldo Borges 24.01.2022 16:44
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bora vende VARCINA pro mundo.
Roger Be
RogerBe 24.01.2022 15:48
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ou seja, qualquer uma, menos a Coronavac! Até placebo! KKK!
marco antonio frankzhovitz
marco antonio frankzhovitz 24.01.2022 15:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
tudo pra vender eu não sou cobaia
zeni moura
zeni moura 24.01.2022 15:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ja esta a sair a “segunda geracao” de vacinas contra covid.... reforco ja ta ficando pra tras
Rodrigo Leite
Rodrigo Leite 24.01.2022 15:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Meu filho nao toma essa nem a pau
Augusto Ramos
Augusto Ramos 24.01.2022 15:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Juntando todas elas, mostra- se claramente o quao ineficacia tem. Aprovada no fio do bigode com 50,38% de eficácia e o estudo acima fala de 8,9% a 20% sem reforço, ou seja nao era pra estar nem em uso de aplicaçao continua!! E agora dizer que aumenta anticorpos com dose de reforço de outras plataformas, chega ser piada e a propria materia se desmente no conteudo x titulo principal da chamada. Ou seja nao esclareceu nada com nada, e pra ficar pior a Anvisa aprova essa joça pra crianças de 6 a 17 anos, com o mesmo estudo que aprovou em adultos, ou seja nenhuma proteçao ja verificada em adultos
José Artur Medina
José Artur Medina 24.01.2022 15:00
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Nem a China usou a coronavac
Cleber h lima
Cleber h lima 24.01.2022 14:56
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Logico que tem proteção maior!!! Coronavac é água de salsicha!!
Glauber Henrique
Glauber Henrique 24.01.2022 14:24
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Quando pequeno, década de 70, tomava ki suco (suco em pó). Com certeza , se ainda fosse produzido, faria o mesmo efeito da coronavac, ou seja, nada.
Ana Paula Rope
Ana Paula Rope 24.01.2022 14:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
A Coronavac é um placebo então a diferença quem fará é qualquer outra vacina .
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail