Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

3 Fatores Podem Romper a Consolidação Atual das Criptomoedas

Por Andy HechtCriptomoedas09.05.2022 11:57
br.investing.com/analysis/3-fatores-podem-romper-a-consolidacao-atual-das-criptomoedas-200449348
3 Fatores Podem Romper a Consolidação Atual das Criptomoedas
Por Andy Hecht   |  09.05.2022 11:57
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

Este artigo foi escrito exclusivamente para o Investing.com

  • Vaivém entediante dos preços
  • Compras se retroalimentam
  • Fator 1: Um evento capaz de aumentar a popularidade do mercado
  • Fator 2: Intervenção governamental
  • Fator 3: Um grande ataque hacker

Após recuar desde as máximas históricas de 10 de novembro de 2021, o Bitcoin e o Ethereum alcançaram o fundo em 24 de janeiro de 2022. Desde então, as duas criptos líderes entraram em consolidação.

O Bitcoin estabeleceu os US$ 40.000 como ponto de pivô, enquanto o Ethereum foi negociado abaixo e acima de US$ 30.000 por unidade. Enquanto a capitalização de mercado da classe de ativos gira em torno do nível de US$ 1,8 trilhão, o número de novos tokens que entram no mercado não para de crescer. Ao final da semana passada, mais de 19.200 criptomoedas competiam por capital.

Após a extrema volatilidade nos últimos anos, os preços se estabilizaram, um sinal de que a classe de ativos está amadurecendo. À medida que a liquidez aumenta, a variação dos preços tende a cair.

Mesmo assim, as criptos estão hibernando. Mas é possível que vejamos em breve outra explosão e implosão dos preços. As últimas consolidações sugerem que as principais criptos são molas bem comprimidas que, a qualquer momento, podem romper para cima ou para baixo, juntamente com uma forte oscilação dos preços.

Vaivém entediante dos preços

O Bitcoin vem andando de lado perto do nível de US$ 40.000 desde o fim de janeiro de 2022.

BTC/USD diário
BTC/USD diário

Fonte: Barchart

Como mostra o gráfico, o preço saiu da mínima de US$ 33.076,69 e atingiu a máxima de US$ 48.187,21, com média em US$ 40.631,95. Embora a cripto líder estivesse um pouco abaixo de US$ 36.000 no fim da semana passada e esteja sendo negociada atualmente a US$ 33.565, o nível de US$ 40.000 atua como ponto de pivô, onde o preço se consolidou desde a mínima de 24 de janeiro.

ETH/USD diário
ETH/USD diário

Fonte: Barchart

O gráfico acima destaca a consolidação do Ethereum desde o fim de janeiro, variando de US$ 2.163,316 a $3.579,866, com média em US$ 2.871,591. No momento em que escrevo, era negociado a US$ 2.451,42.

O nível de US$ 3.000 atua como ponto de pivô do Ethereum, que foi negociado acima e abaixo desse patamar desde que tocou a mínima no fim de janeiro.

Compras se retroalimentam

Os ralis espetaculares do Bitcoin e Ethereum nos últimos anos alimentaram um frenesi especulativo que atingiu seu auge em 10 de novembro de 2021. A correção e a consolidação dos preços arrefeceram o entusiasmo do mercado, com muitos espectadores ficando de fora.

Um movimento acima do nível de US$ 48.200 no Bitcoin e de US$ 3.600 no Ethereum realizaria um rompimento técnico e provocaria um retorno maciço dos compradores para o criptomercado. O otimismo elevaria o ânimo da classe de ativos com especuladores seguidores de tendência retornando para as criptomoedas, já que as compras incentivam mais compras.

Mas as criptos parecem estar esperando por um gatilho capaz de desencadear o próximo rali. Apresento a seguir três possibilidades:

1. Um evento capaz de aumentar a popularidade do mercado

No fim de 2017, o lançamento dos contratos futuros na CME fez o Bitcoin superar o nível de US$ 20.000 pela primeira vez. A abertura de capital da Coinbase (NASDAQ:COIN) na Nasdaq em abril de 2021 também fez os preços subir. Eventos que aumentam o alcance e a visibilidade da classe de ativos tendem a impulsionar os preços.

Um dos eventos que podem estar no horizonte é a maior aceitação por parte de varejistas e fornecedores, que incentivam o pagamento com criptomoedas. Investidores de alto nível, como Elon Musk, Jack Dorsey e outros magnatas da tecnologia, provocaram a alta dos preços, já que outros investidores seguem seus passos.

A atual fraqueza dos preços pode ocorrer na esteira da recente assembleia da Berkshire Hathaway (NYSE:BRKa) em Omaha, Nebraska. Warren Buffett e Charlie Munger não são fãs das criptos. Buffett afirmou que não pagaria US$ 25 por todos os Bitcoins do mundo, e Munger chamou as criptomoedas de “estúpidas e maléficas”.

Os comentários desses gestores bem-sucedidos e bastante seguidos colocam uma grande nuvem negra sobre a classe de ativos.

2. Intervenção governamental

O comentário de Munger revela o problema subjacente que as criptos enfrentam. Ele as qualificou de “maléficas”, dizendo que “fragilizam o sistema do Federal Reserve”. Os governos não gostam das criptomoedas, na medida em que ameaçam o controle da oferta monetária, ao devolvê-la aos indivíduos.

Os defensores das criptomoedas que abraçam sua ideologia libertária como meio de troca concordam com Munger, mas apoiam a fragilização do Federal Reserve. Charlie Munger colocou o dedo na ferida, identificando a cisão ideológica entre os apoiadores e detratores das criptomoedas.

De um lado, a evolução da revolução da tecnologia financeira favorece as criptos. De outro, as instituições financeiras tradicionais e os governos a rejeitam.

Buffett e Munger, autoridades governamentais e empresas financeiras tradicionais provavelmente concordam que a tecnologia Blockchain está melhorando a eficiência, a velocidade das transações e a manutenção de registros. Mas sua vontade é “cancelar” as criptomoedas reais na equação.

Munger observou que o líder da segunda maior economia do mundo, Xi Jinping, foi “inteligente o suficiente para banir o Bitcoin na China”. A intervenção governamental continua representando a maior ameaça para a classe de ativos.

3. Um grande ataque hacker

A invasão russa na Ucrânia, as sanções e a retaliação ameaçam desencadear uma guerra econômica entre EUA e Europa, de um lado, e China e Rússia, de outro. A bifurcação ideológica criada pelo acordo de apoio “sem limites” entre russos e chineses representa um esforço econômico entre ambos os lados.

Os ataques cibernéticos a sistemas computacionais fazem parte dos enfrentamentos bélicos modernos. A ascensão do criptomercado o torna um alvo interessante para hackers que desejam atacar carteiras computacionais. Rússia, China, Coreia do Norte e Irã possuem sistemas de ataque computacional em todo o mundo há anos. Golpes de ransomware geralmente exigem pagamentos em criptos difíceis de rastrear.

Qualquer ataque cibernético significativo a uma plataforma de criptos afastaria os participantes da classe de ativos, como ocorreu em 2014, quando a exchange japonesa Mount Gox faliu depois de perder 740.000 Bitcoins dos clientes junto com 100.000 de propriedade da empresa.

No entanto, em 2014, a alta histórica do Bitcoin foi mais de 30 vezes menor que o preço atual. Um ataque desse tipo neste momento representaria um grande revés para a classe de ativos.

As criptomoedas estão se consolidando acima da mínima do fim de janeiro, bem distantes das máximas recordes de 10 de novembro de 2021. Tudo leva a crer que a classe de ativos está aguardando o próximo grande evento significativo para fazer com que as criptos sigam em uma direção ou em outra, registrando picos mais altos ou mínimas mais baixas.

Quanto mais tempo levar a consolidação, mais significativo será o possível movimento. As criptomoedas, sem dúvida, acabarão se movendo em algum momento, mas a direção dependerá do tipo e da qualidade dos obstáculos encontrados no caminho da evolução da tecnologia financeira.

3 Fatores Podem Romper a Consolidação Atual das Criptomoedas
 

Artigos Relacionados

Lucas Bento Sampaio
Canal de Alta em Stox (STX)! Por Lucas Bento Sampaio - 19.01.2022

Olá Criptomaníacos! Apesar dos fortes movimento de realização do Bitcoin e do mercado cripto no final do ano passado, a Stox (STX) conseguiu se manter acima da Média Móvel de...

3 Fatores Podem Romper a Consolidação Atual das Criptomoedas

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (5)
Luiz Henrique Campos
Luiz Henrique Campos 09.05.2022 22:35
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
No início estava errado e no final parecia que estava no início.
Giovani Luvisotto
Giovani Luvisotto 09.05.2022 21:44
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Esse texto é o que? Jogo dos 70 erros???
Valdair Ferreira
Valdair Ferreira 09.05.2022 21:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Eth, a $30,000 ? Vamos revisar o texto antes de publicar.
Kayo Benevides
Kayo Benevides 09.05.2022 21:39
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Erraeam no inicio vom o valor do eth
George Orwell
Orwell1984 09.05.2022 12:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
vou resumir: a bolha estourou...
Henrique Elias
Henrique Elias 09.05.2022 12:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Emily Bueno
Emily Bueno 09.05.2022 12:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Acho q sim tb
William Dutra
William Dutra 09.05.2022 12:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Nao vejo assim
Jaiel Johabe Macedo Barboza
Jaiel Johabe Macedo Barboza 09.05.2022 12:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Nao enxergo dessa maneira, ja vi decretarem a morte do bitcoin outras milhares de vezes
Luiz Carlos Beraldo
Luiz Carlos Beraldo 09.05.2022 12:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se sobreviveren à crise internacional patrocinada por Rússia e Ucrânia, as criptomoedas podem se tornar uma solução livre das interferências governamentais
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail