Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

A Segunda Onda na Bolsa Brasileira: Investir em Ações Americanas Através de BDRs

br.investing.com/analysis/a-segunda-onda-na-bolsa-acoes-americanas-200436821
A Segunda Onda na Bolsa Brasileira: Investir em Ações Americanas Através de BDRs
Por Eduardo Guimarães   |  19.08.2020 10:08
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) fez uma mudança, semana passada, nas regras para negociação dos recibos em ações estrangeiras BDR’s (Brazilian Depositaty Receipts) na B3 (SA:B3SA3).
A partir de setembro o pequeno investidor vai poder comprar ações de empresas “gringas” aqui mesmo na bolsa de valores brasileira.
A regra anterior permitia que apenas investidores qualificados, com patrimônio superior a 1 milhão de reais, pudessem investir nos BDR’s. Os BDR’s tinham pouca liquidez, com volume médio negociado de cerca de 3 milhões de reais, e isso para os mais conhecidos.
Eu costumo dizer que tudo no Brasil chega com um pouco de atraso, mas agora será possível investir nos recibos de ações (BDR’s) de empresa americanas diretamente aqui na B3. Afinal, muito investidores já tinham conta aberta em corretoras nos EUA para comprar ações americanas.
Na coluna de hoje vou falar sobre a minha visão sobre o investimento em ações americanas por meio de BDR’s, o que na minha visão pode ser a segunda onda de crescimento da participação da renda variável (ações) no patrimônio dos brasileiros.
O que são BDR’s?
Os BDRs (Brazilian Depositary Receipts) são certificados de depósito de valores mobiliários, títulos emitidos no Brasil que representam outro valor mobiliário no exterior. Ao investir em BDRs, o investidor assume posição similar à que teria caso realizasse o investimento nos ativos estrangeiros por eles representados.
Mudanças nas regras
A CVM basicamente fez três mudanças nas instruções que regulamentam os BDR’s: i) permissão para que investidores que não sejam considerados qualificados possam negociar BDR’s; ii) previsão de emissão de BDR lastreados em cotas de fundos de índice (ETF’s) admitidas à negociação no exterior e; iii) permissão para que os BDR sejam lastreados (a) em ações emitidas por emissores estrangeiros com ativos ou receitas no Brasil ou (b) em títulos de dívida, inclusive emitidos por companhias abertas brasileiras.
Liquidez dos BDR’s
Os BDR’s que têm maior liquidez na B3 atualmente são: Amazon (SA:AMZO34), Alphabet (SA:GOGL34) (dona da Google (NASDAQ:GOOGL)), Microsoft (SA:MSFT34), Apple (SA:AAPL34), Facebook (SA:FBOK34), Berkshire (SA:BERK34) e Visa (SA:VISA34) (apenas para ficar com os sete mais líquidos). Entretanto, a liquidez dos BDR’s ainda é baixa, com cerca de 3 milhões de reais negociados diariamente.
Recentemente a empresa de origem argentina Mercado Livre (NASDAQ:MELI), que tem ações listadas nos Estados Unidos e operação aqui no Brasil ultrapassou a Vale (SA:VALE3) e a Petrobras (SA:PETR4) em valor de mercado: mais de 60 bilhões de dólares. No entanto, a liquidez do BDR do Mercado Libre (SA:MELI34)) é de apenas 3,6 milhões de reais por dia.
Tamanho atual do mercado de BDR’s na B3
Segundo informações do Diretor de produtos listados da B3, Mario Palhares, o segmento de BDR’s tem volume negociado total em um intervalo de 80 milhões a 100 milhões de reais de ADTV.
O segmento de BDR’s tem cerca de 10 mil investidores qualificados atualmente, a maioria de investidores institucionais (87,3 por cento), seguido por pessoas físicas (7,6 por cento) e estrangeiros (5,1 por cento).
O número de investidores com posição nos BDR’s cresceu de 2.738 pessoas em dezembro de 2019 para 5.097 em maio de 2020, aumento de 86 por cento em pouco menos de seis meses.
Índice de BDR’s: BDRX
O BDRX é uma carteira teórica de ativos e índice de referência para o desempenho médio das cotações dos BDRs autorizados à negociação na B3.
São mais de 300 opções de BDR’s, veja a composição da carteira (https://br.investing.com/indices/bm-fbovespa-unsponsored-bdrx-components).
Abaixo seguem os 10 principais BDR’s em termos de participação no BDRX e com maior liquidez.
Informações sobre os BDR’s
Atualmente o lote padrão para negociação é de 10 BDR’s, mas a B3 deverá lançar o lote fracionário unitário, para tornar o BDR acessível ao pequeno investidor. Os BDRs continuarão a ser negociados com o final do código de negociação (ticker) 34 (ex: MELI34).
Diferentemente do que ocorre com as ações, não existe isenção de imposto de renda (IR) para o limite mensal de 20 mil reais. No caso dos BDR’s o imposto de renda é de 15 por cento sobre o lucro das operações.
Democratização do acesso
Antes da medida da CVM, o investidor precisava abrir conta em corretora do Exterior, poderia ter custos extras para operar fora do Brasil, além de precisar fechar um câmbio para mandar os recursos.
Por outro lado, como já falei na aqui coluna sobre o IPO da XP (NASDAQ:XP), abrir conta no Exterior ficou mais fácil: o processo é bem simples e algumas corretoras oferecem até sites em português (caso da Avenue).
Menos é mais, não é mesmo? Melhor simplificar e investir nas ações das empresas americanas comprando os BDR’s aqui mesmo no Brasil na conta da sua corretora.
Acredito que essa mudança irá democratizar o acesso dos investidores às ações americanas através dos BDR’s na B3, aumentar a liquidez dos BDR’s e fazer com que o brasileiro diversifique ainda mais o seu investimento em renda variável (ações).
Diversificação de ativos
“A diversificação de ativos é o último almoço grátis do mercado financeiro”.
Na Levante recomendamos a diversificação da carteira de renda variável por meio do investimento em ações americanas, uma maneira de se proteger da alta do dólar e de não ficar restrito apenas ao risco Brasil. Afinal, o mercado de ações nos EUA é berço mundial das bolsas de valores.
Antes da mudança da CVM, a única alternativa para o investidor comum era o investimento passivo através do ETF IVVB11, índice que replica o principal índice de ações do EUA: S&P 500.
A gestão ativa de ações no exterior (EUA) ficava restrita aos investidores qualificados no Brasil e/ou aos clientes que tinham conta aberta em corretora do exterior.
A partir de agora será possível comprar os BDR’s de ações americanas aqui mesmo no Brasil, cabendo ao investidor escolher quais empresas comprar, sempre tendo em mente que ao comprar essas ações ele estará exposto ao risco cambial e à volatilidade das ações na Bolsa dos Estados Unidos.
Primeira onda na Bolsa
Com o fim da cultura do CDI e o baixo nível da taxa de juros (Selic) em 2 por cento ao ano, o investidor brasileiro está aumentando a participação das ações na sua carteira de investimento.
Atualmente existem 2,824 milhões de investidores pessoas físicas com contas ativas na B3 para investir em ações na Bolsa, equivalente a somente 1,34 por cento da população brasileira.
Somente em julho, mais 175 mil investidores (CPF’s) abriram contas na B3 para investir em ações. No acumulado de 2020 (Jan/Jul) mais de 1 milhão de pessoas começaram a investir em ações.
Acredito que esse movimento de “equitização”, ou seja, popularização do investimento em ações está apenas no começo e que em pouco tempo (final de 2021) podemos chegar a 5 milhões de investidores pessoas físicas na bolsa de valores, equivalente a quase 2,5 por cento da população brasileira.
Apesar do crescimento da quantidade de investidores e da captação líquida de fundos de investimento em ações (FIA) de 55,7 bilhões de janeiro a julho de 2020, a participação do investimento em ações na carteira total de investimentos é inferior a 10 por cento do total
Segundo dados da Anbima, o saldo total dos fundos de investimento em ações era 512 bilhões de reais em julho de 2020, equivalente a 9,1 por cento do saldo total dos fundos de investimento.
Segunda derivada na Bolsa
Na minha opinião, os investidores brasileiros deverão aumentar a participação dos seus investimentos em ações dos EUA, especialmente nas gigantes de tecnologia.
O índice Nasdaq de ações de tecnologia nos EUA acumula alta de 23,1 por cento em 2020, literalmente puxando para cima o desempenho do S&P 500, que tem valorização de 4,4 por cento no acumulado de 2020 (até 13 de agosto).
Esse movimento será impulsionado por três fatores: i) facilidade de abertura de contas digitais em corretoras em geral, não somente no exterior; ii) aumento da popularidade das ações de tecnologia americanas (FAANG – Facebook, Apple, Amazon, Netflix (SA:NFLX34), Google) e; iii) crescimento dos conteúdos financeiros educacionais sobre investimentos na internet.
Conclusão
Acredito que o investidor brasileiro primeiramente vai aumentar a participação do investimento em ações na carteira nas ações brasileiras, as chamadas “blue chips” como Petrobras, Vale, Itaúsa (SA:ITSA4) e outras empresas da B3. Depois, numa segunda onda, vai surgir o investimento em outras grandes empresas americanas mais conhecidas.
Acredito que pode demorar um pouco para aumentar a liquidez, os investidores brasileiros podem ter dificuldade com a língua (relatórios de fatos relevantes) e o mercado de ações americano é muito maior que o brasileiro: somente a Apple tem valor de mercado de 1,8 trilhão de dólares, maior do que todas as empresas listadas na B3.
Perfil de risco
Termino a minha coluna com um aviso para você investidor: antes de escolher quais ações americanas você quer ter na carteira, pense nos seguintes fatores: perfil de risco, tolerância à perda, horizonte de investimento e nível de apetite por ativos de renda variável em dólares.
A Segunda Onda na Bolsa Brasileira: Investir em Ações Americanas Através de BDRs
 

Artigos Relacionados

A Segunda Onda na Bolsa Brasileira: Investir em Ações Americanas Através de BDRs

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (29)
Uellington Cunha
Uellington Cunha 22.04.2021 18:10
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
bdrx ainda sobe neste semestre?
Maike Muzitano
Maike Muzitano 23.10.2020 8:41
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
separa o texto em parágrafos e espaço entre eles, assim fica horrível de ler
Renato Minatogawa
Renato Minatogawa 03.09.2020 5:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Quando serão regulamentadas, pela b3, as normas para flexibilização das Bdr's?
Marcelo Rodrigues
Marcelo Rodrigues 21.08.2020 11:46
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Só posso dizer que o mar nao está pra peixe...e se cochilar o cachimbo cai...
Luiz Ferreira Santos
Luiz Ferreira Santos 20.08.2020 10:07
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Pelo que soube, os dividendos de BDRs terão uma retenção de 5%. À confirmar. Mas enviar dinheiro ao exterior, tem que pagar o IOF
Maike Muzitano
Maike Muzitano 20.08.2020 10:07
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
5% dos dividendos ficam com as emissoras do bar aqui no Brasil. melhor comprar ações que não pagam dividendos pra não pagar essa taxa
Rômulo Cesar Barbosa Filho
Rômulo Cesar Barbosa Filho 20.08.2020 6:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
quais taxas ou impostos sobre os dividendls dos bdrs?
Alessandro Mattos
Alessandro Mattos 19.08.2020 20:13
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
BDR paga dividendo,vamos estudar mais!
Alessandro Mattos
Alessandro Mattos 19.08.2020 20:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
BDR paga dividendo,vamos estudar mais!
Paulo Giovanni
Paulo Giovanni 19.08.2020 18:55
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
prefiro comprar lá fora pois bdr não paga dividendos
Cadu Gomes da Silva
Cadu Gomes da Silva 19.08.2020 17:43
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Apple 2tri $$
Silvio Carlos Gondim
Silvio Carlos Gondim 19.08.2020 17:17
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Excelente texto. Simples, direto. Bem explicado o novo cenário
André Scherer
André Scherer 19.08.2020 16:57
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Melhor comprar direto lá fora e não se ater somente aos EUA.
Peterson Crescente
Peterson Crescente 19.08.2020 16:57
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
o problema são os custos operacionais para os reles mortais....pelo menos na espanha o valor minimo por ordem e de 9,00 euros mais algumas taxas na ordem de 0.75%.se alguém opera la fora direto coloca aqui os custos....tks.
Paulo Albuquerque
Paulo Albuquerque 19.08.2020 14:28
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Muito bom parabéns!!!
Mauro Figueiredo Pinto
Maurof 19.08.2020 13:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Parabéns pelo conteúdo.  O grande problema será o tamanho de lote x valor unitário do ativo. Acredito que será parecido com o mercado fracionário. Por favor, complemente o artigo com as desvantagens/dúvidas/    também.
Edgar Castro
Edgar Castro 19.08.2020 12:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Na verdade, investir em Bitcoin é melhor que BDR. A B3 sabe que as pessoas estão migrando para corretoras gringas e está querendo atrás.
Thiago Iw
Thiago Iw 19.08.2020 12:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
não usaria a palavra investir para bitcoin, mas concordo com o pensamento ....
Samuel Fe
Iamsamuel 19.08.2020 12:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Seria muito bom um comparativo de custos (investir nos EUA via B3 ou diretamente via corretora americana). Uma dúvida que tenho é: há algum limite de isenção de IR na venda de ETFs no exterior?
Thiago Iw
Thiago Iw 19.08.2020 12:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
se vai ter mais intermediários na B3, logo terá mais gnt mordendo seus lucros .... corte elos... invista direto lá fora, até pq na B3 você não compra  ação em si ...
Wesley Sanches
Wesley Sanches 19.08.2020 12:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Tanto para venda de ações quanto ETFs o limite mensal para venda com isenção é de 30 mil reais. Ou seja, maior do que o limite para venda no Brasil, que é de 20 mil.
Cícero RP
Cícero RP 19.08.2020 12:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Thiago Iw  Mas lá fora também há custos das corretoras, além da TED!
Thiago Iw
Thiago Iw 19.08.2020 12:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Cícero RP  sim sim, mas aqui tbm tem, pagar um elo a menos de taxas é muito melhor ....
Maria Eliza Carrari
Maria Eliza Carrari 19.08.2020 12:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Aluizio S Arouca Jr
Aluizio S Arouca Jr 19.08.2020 11:47
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
E quando começara as negociações com os BDR's?
Gabriela Cunha
Gabriela Cunha 19.08.2020 11:47
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
a partir de setembro, pelo que soube...
Gabriela Cunha
Gabriela Cunha 19.08.2020 11:47
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
a partir de setembro, pelo que soube... ;)
thiago oliveira
thiago oliveira 19.08.2020 11:46
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Parabens pela publicacao, tenho uma duvida.O movimento de $ de ativos brasileiros para BDRs pode afetar o preço bem como o indice IBOV para baixo?
Billy Biria
Billy Biria 19.08.2020 11:44
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Flavio Souza
Flavio Souza 19.08.2020 11:42
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Excelente conteudo
Billy Biria
Billy Biria 19.08.2020 11:42
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Fabio Almeida
Fabio Almeida 19.08.2020 11:41
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Muito esclarecedor e pertinente, diante dessa mudança comportamental em relação ao Mercado de ações.
Fabio Almeida
Fabio Almeida 19.08.2020 11:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Muito esclarecedor e pertinente, diante dessa mudança comportamental em relação ao Mercado de ações.
Daniel Junior
Daniel Junior 19.08.2020 11:35
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Abrirá espaço para diversos bdrs Aura é um exemplo, as mineradoras estão baratas e com lucros subindo com fundamentos
Anderson santos
Anderson santos 19.08.2020 11:31
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
muito bom.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail