Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Últimas Notícias

Rússia pode comprar moedas de países "amigáveis" para enfraquecer o rublo, diz ministro

Abertura Global em Forte Alta; Inflação em Derrocada no Brasil; Dia Positivo

Por Jason VieiraResumo do Mercado17.05.2022 08:09
br.investing.com/analysis/abertura-global-em-forte-alta-inflacao-em-derrocada-no-brasil-dia-positivo-200449537
Abertura Global em Forte Alta; Inflação em Derrocada no Brasil; Dia Positivo
Por Jason Vieira   |  17.05.2022 08:09
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
Por mais uma vez e de maneira incisiva, o Banco Central recorre aos canais não oficiais para reforçar o recado da sua perspectiva em relação aos juros no Brasil e desta vez, em meio às oscilações agora um tanto mais favoráveis de inflação, quer sinalizar o fim do ciclo na próxima reunião.

Bruno Serra deixou pouco para a imaginação nas declarações de ontem e as curvas de juros se adaptam ao novo contexto de juros estáveis, conforme citado pelo secretário, aproveitando um contexto de alívio de pressões no atacado se transferindo ao varejo.

Este “ganho” de curto prazo, na verdade ainda precisa se confirmar, todavia, em meio ao contexto global onde a China pode aliviar a pandemia, dado o desgaste político e econômico de Xi Jinping, o primeiro ponto a descomprimir a inflação que assola conjuntamente o atacado no mundo pode se tornar realidade.

Neste cenário, repetimos, o primeiro momento é fortemente desinflacionário, seguido de um benefício global de perspectivas de aperto menos intensas e banqueiros centrais “frouxos” menos pressionados a elevar tanto os juros, ainda que, sim, continue necessário tal processo.

Eis que entra a importância do discurso de diversos membros do Fed hoje, incluindo Powell e aqueles que antes eram considerados mais dovish, porém, interpelados pela realidade, começam a advogar por elevações de ao menos 50 bp.

O atual contexto é certamente mais favorável às economias emergentes, muitas como o Brasil à frente do processo de aperto monetário e rendendo juros sensivelmente mais atraentes e também favorecidas por um possível impulso à economia chinesa, que será imposto pelo governo de forma a amortizar os efeitos dos lockdowns politicamente incentivados.

Neste contexto, os dados macroeconômicos ganham renovada atenção nas economias centrais e emergentes, onde dados de emprego mais fortes no Reino Unido e o PIB levemente melhor na Zona do Euro dão o tom da sessão, em um dia aparentemente mais positivo para os mercados.

Na agenda, vendas varejo e prod. Industrial nos EUA e localmente, IPC-Fipe e IGP-10 em contração.

ABERTURA DE MERCADOS
A abertura na Europa é positiva e os futuros NY abrem em alta, na expectativa por discursos de membros do Fed e dados de atividade econômica.

Em Ásia-Pacífico, mercados positivos, puxados por Hong Kong.

O dólar opera em queda contra a maioria das divisas centrais, enquanto os Treasuries operam positivos em todos os vencimentos.

Entre as commodities metálicas, altas, destaque à prata, cobre e platina.

O petróleo abre em alta em Londres e Nova York, na expectativa por um cenário econômico mais positivo.

O índice VIX de volatilidade abre em baixa de -2,44%.

CÂMBIO
Dólar à vista : R$ 5,0604 / 0,00 %
Euro / Dólar : US$ 1,05 / 0,403%
Dólar / Yen : ¥ 129,29 / 0,132%
Libra / Dólar : US$ 1,25 / 1,039%
Dólar Fut. (1 m) : 5067,40 / -0,19 %
 
JUROS FUTUROS (DI)
DI - Janeiro 23: 13,39 % aa (-0,07%)
DI - Janeiro 24: 13,07 % aa (-0,98%)
DI - Janeiro 26: 12,26 % aa (-1,01%)
DI - Janeiro 27: 12,20 % aa (-1,09%)
 
BOLSAS DE VALORES
FECHAMENTO
Ibovespa: 1,2238% /  108.233 pontos
Dow Jones: 0,0831% /  32.223 pontos
Nasdaq: -1,2047% /  11.663 pontos
 
Nikkei: 0,42% /  26.660 pontos
Hang Seng: 3,27%  /  20.603 pontos
ASX 200: 0,27% /  7.113 pontos
 
ABERTURA
DAX: 1,431% / 14164,14 pontos
CAC 40: 1,296% / 6430,03 pontos
FTSE: 0,909% / 7532,67 pontos
 
Ibov. Fut.: 1,14% / 109270,00 pontos
S&P Fut.: 1,74% / 4074,25 pontos
Nasdaq Fut.: 2,377% / 12503,00 pontos
 
COMMODITIES
Índice Bloomberg: 0,54% / 131,55 ptos

Petróleo WTI: 0,64% /  $114,93
Petróleo Brent: 1,07% /  $115,46
 
Ouro: 0,18% /  $1.828,93
Minério de Ferro: -1,49% /‎‎ $127,95
 
Soja: -0,30% / $1.653,75
Milho: -1,08% /  $801,75
Café: 6,06% /  $225,80
Açúcar: -0,36% /  $19,69
 
 
 
 
 
  
Abertura Global em Forte Alta; Inflação em Derrocada no Brasil; Dia Positivo
 

Artigos Relacionados

Abertura Global em Forte Alta; Inflação em Derrocada no Brasil; Dia Positivo

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (2)
Antonio Ferreira
Antonio Ferreira 18.05.2022 20:09
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Não teve dia positivo por aqui não. queda de 2,8%
E. Andrade
E. Andrade 17.05.2022 8:31
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Acha mesmo que a inflação vai entrar em derrocada com o petróleo subindo 1% ao dia e o G7 ameaçando confiscar tudo da Russia?
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail