Últimas Notícias
Garanta 40% de desconto 0
🔎 Confira as ProTips completas de NVDA e descubra riscos e retornos DESCONTO de 40%

Cortes na Selic: Dessa vez é diferente

br.investing.com/analysis/cortes-na-selic-dessa-vez-e-diferente-200461084
Cortes na Selic: Dessa vez é diferente
Por Rodrigo Octavio Marques de Almeida   |  28.11.2023 10:00
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
 
USD/BRL
+0,18%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 

Alguns gestores/analistas levantaram a questão de que os investimentos em ativos de renda fixa prefixados podem não ter o mesmo desempenho de ciclos anteriores de queda da Selic. Na verdade, no início do ciclo, o “trade” correto parecia ser aplicar no pré, comprar dólar e bolsa.

Apesar da inflação dar sinais claros de arrefecimento, a grande diferença do atual ciclo está na trajetória esperada da dívida interna quando a regra fiscal é frágil. Uma boa parte dos economistas já prevê piora das contas públicas e existem limites ao endividamento do governo.

De fato, a desinflação domestica parece encaminhada e as expectativas de curto prazo são contaminadas pelo componente “autorregressivo” das estimações. No entanto, para prazos mais longos o que impera é a consistência fiscal.

O aumento da volatilidade da curva de títulos da dívida dos Estados Unidos teve impacto grande nas oscilações de curto prazo de toda a curva de juros brasileira. No entanto, não se pode culpar apenas o ambiente externo pelo desempenho abaixo do esperado da renda fixa.

A percepção é de que o governo tenta um “jogo ponzi honesto”(1) impulsionando o crescimento de curto prazo com gastos e corte de juros, ao mesmo tempo que sinaliza maior responsabilidade nos anos seguintes (sempre via aumento de impostos). Isso parece ter dado errado.

No entanto, o tesouro tem instrumentos para “ganhar tempo” apostando que um cenário externo mais benigno nos próximos meses. Isso deve ajudar até o primeiro trimestre de 2024.

Cortes na Selic: Dessa vez é diferente
 

Artigos Relacionados

Olivia Bulla
Mercado não deixa o samba morrer Por Olivia Bulla - 21.02.2024 1

O carnaval já passou, mas os mercados globais voltam ao ritmo do samba de uma nota só nesta quarta-feira (21). A ata da reunião de janeiro do Federal Reserve...

Cortes na Selic: Dessa vez é diferente

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por esse motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (7)
Maurice Lima
mcdli 01.12.2023 4:26
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Escreve rebuscado pra tentar ser intelectual, mais um imbecil viúvo do bolsonarismo.
Ueriks Roger
Ueriks Roger 30.11.2023 9:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Sempre torcendo para o Brasil
Ed Mar
Ed Mar 30.11.2023 6:39
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
o governo c@g@ na cabeça dos t0l0s e eles continuam lambendo este l@drao!!! A selic já estava para cair com este ou com qualquer outro governo.
29.11.2023 12:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Esse desastre econômico petista não tem como dar certo. Selic logo pára de cair. Assim que os EUA começa a cortar os juros… em 3,2,1….
Sergio Rogante
Sergio Rogante 28.11.2023 11:38
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bingo. Com mais de um ano de atraso, considerando que o atual Regime já contratou o déficit primário de 2023 antes de empossado e nunca deu sinais de ser responsável fiscalmente, isso já devia ser perceptível há algum tempo...
Fabio Reis
Fabio Reis 28.11.2023 10:38
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Aumentar gastos e nao esperar inflacao é ilusao. aquecer mercado com moeda sempre da nisso : inflacao. muito dinheiro gera bolha. e bolhas estouram , levando muita gente e empresas na esteira. a pergunta q vale : de onde vira a desinflacao no ano q vem ?
28.11.2023 10:38
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
estouro de gastos sempre gera inflação, mas no médio e longo prazos. Fora isso, tem um componente que o BC não controla (o petróleo) e as guerras no oriente e Ucrânia
ROGERIO RCV
ROGERIO RCV 28.11.2023 10:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Alguem ainda acredita em alguma coisa que diz este desgoverno? É extremamente provavel que os gastos sempre irao subir, drasticamente, ano apos ano, qualquer interpretação distante disto é perda de tempo.
Reginaldo Borges Leal
Reginaldo Borges Leal 28.11.2023 10:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
eita eguagem!!! kkk
Marcos Alberto
Marcos Alberto 28.11.2023 10:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
ninguém merece eses fantasmas
avila imoveis
avila imoveis 28.11.2023 10:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
governo bom era do mito. inflação 10%, selic a 13,75. EAITA gado...
Stiverson Klock
Stiverson Klock 28.11.2023 10:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
avila imoveis  sim milhoes de vezes melhor burrinho, sobrando dinheiro imbecil.
Fabiano Aguiar
Fabiano Aguiar 28.11.2023 10:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ecreditamos no BOZO UM BELO INCOMPETENTE
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar esse comentário

Diga-nos o que achou desse comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail