Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

EUR/USD: Santiago e o StopLoss

Por Daniel SimõesCâmbio19.04.2021 13:47
br.investing.com/analysis/eurusd-santiago-e-o-stoploss-200441403
EUR/USD: Santiago e o StopLoss
Por Daniel Simões   |  19.04.2021 13:47
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

Esses dias efetuei uma operação de venda no par EUR/USD. Tudo estava alinhado, análise fundamental indicava potencial de valorização do dólar, o par se encontrava em uma área interessante no gráfico e oferecia um grande potencial de risco/retorno. Era o tipo de operação que se encontra em livros, do tipo que traders de instagram gostam de ostentar. 

Esses tipos de oportunidades são as mais perigosas. Principalmente se você vem de uma sequência de acertos. Seu ego está inflado, a amígdala está em alerta máximo. Você fica rápido no gatilho e pode acabar aumentando o lote demais, entrando antes do candle fechar e assim por diante.

Mas e ai, deu gain?

Direto e reto: Não deu gain, fui stopado.

Senta que lá vem a história

Hoje vou contar a história de Santiago, o pescador.

Santiago acordava bem cedo, colocava os anzóis e carreteis no barco e ia pescar. Santiago ficava o dia inteiro olhando para o mar, sem se preocupar com o resto. Ele não acreditava que pássaros ou golfinhos poderiam indicar locais onde os peixes poderiam estar, ele só tinha olhos para o que o mar lhe dizia.

Um dia enquanto aguardava algum peixe morder a isca, Santiago adormeceu. Depois de algum tempo, Santiago acordou com um grande balanço do barco e quando olhou em volta, notou que uma das linhas estava bem esticada. Rapidamente segurou na linha e tentou puxar, mas estava muito tensionada, ele tentou novamente mas não conseguiu. 

Santiago pensou

¨Esse é dos grandes!¨

A Batalha

Santiago tirou sorte grande, o peixe começou a puxar o barco e mesmo sendo carregado na direção contrária a praia, Santiago não hesitou em a dar mais linha. Enquanto dava linha Santiago começou a pensar sobre o que poderia comprar caso conseguisse pegar o peixe.

¨Esse é grandão, deve valer muita grana….quem sabe um barco novo…vermelho talvez…vou mostrar pra todos que sou O pescador¨

Após algum tempo, Santiago percebeu que apesar de ter dado muita linha e estar cada vez mais distante da praia, o peixe não parava de puxar.

¨Já estou chegando no limite do que posso ir. E não sei até onde esse peixe pode puxar.¨

Mas Santiago era muito teimoso, assim que um carretel chegava ao fim, ele rapidamente fazia uma emenda com um novo carretel e dava mais linha. O peixe às vezes cansava e parava de puxar, até chegava a se aproximar do barco, mas logo em seguida voltava a se afastar e ir cada vez mais longe da área em que tinha mordido a isca. 

E assim o tempo passou. Os minutos se tornaram horas e horas se tornaram dias. Momentos de angústia e cansaço físico e mental.

Depois de um bom tempo, um pensamento interessante veio à cabeça de Santiago. 

¨Eu poderia cortar a linha e deixar o peixe ir embora, afinal esse não é o único peixe do mar. O mar está cheio de peixes, posso pescar outros.¨ 

Uma ideia interessante, mas Santiago lembrou-se da quantidade de linha que deixou o peixe puxar e que se cortasse agora, perderia tudo, então rapidamente apagou esse pensamento da mente e voltou a olhar em direção ao mar buscando alguma esperança na linha tensionada, fortemente puxada pelo peixe.

Você sabe como essa história termina? Vou fazer um resumo (da minha versão)

Acabaram-se as linhas e as forças. A linha rompeu e o peixe foi embora.

E que fim deu Santiago? Ficou sem peixe e sem linha para pescar outro dia. Parece que da última vez em que foi visto, ele estava fazendo Day Trading

Voltando ao EUR/USD

Agora vou mostrar a operação que comentei no começo do artigo. 

O par EUR/USD parecia ter completado um PullBack após a perna de baixo iniciada em 1.200. Na imagem você consegue ver onde foi a entrada e onde coloquei o Stop Loss.

Venda EUR/USD
Venda EUR/USD


Mas logo em seguida o par volta a subir e quase alcança meu Stop Loss.

O mesmo não pára e continua a se manter em níveis mais altos que minha venda. Após alguns candles eu já comecei a perceber que o par não iria parar por ali. 

E foi o que aconteceu. Quando o par estava prestes a ativar meu Stop, eu estava na frente do computador. (Esse é o perigo!)

Quase pegou o StopLoss
Quase pegou o StopLoss



Dar ou Cortar a linha 

Agora eu tenho duas opções: 

A. Permaneço com o Stop Loss na posição definida no início da operação, e caso seja ativado, fecho minha perda em -50 pips. Então posso reavaliar e ver se o houve alguma mudança nos fundamentos/técnicos que podem fazer o par subir, se sim, procuro uma área interessante para comprar, caso contrário eu aguardo o preço chegar em outra área de interesse (ex.1.200) e vejo como ele se comporta, então posso vender novamente.

B. Posso tirar o Stop e deixar o par subir, afinal isso aí é algum ruído de mercado. Vou até vender mais quando chegar em 1.200

Na verdade eu fechei a operação como tinha determinado (-50pips). Mas vamos ver o poderia ter acontecido caso eu tivesse mantido a operação aberta.

Par continua a subir
Par continua a subir


Repare como o preço continua a subir a agora meu Loss já seria de -130 pips. Além de estar carregando uma posição negativa, a mesma está consumindo meu capital por causa do loss e também pela margem que estou usando para manter a operação. Quanto mais posições negativas você tem e mais capital travado, menos sobra para você se aproveitar de oportunidades que podem estar disponíveis em outros pares.

Alguns podem pensar que o par chegou em uma área de resistência (1.200) Mas você nunca terá certeza de que o par vai parar por aí. E conforme a opção A descrita acima, caso o par deixe algum sinal de que pode voltar a cair, basta eu entrar novamente e recuperar os 50 pips perdidos. A questão aqui é você não correr o risco de ficar carregando operação negativa com a esperança de que um dia vai voltar. Esperança e Trading não combinam.

Conclusão

A dificuldade de lidar com perda faz parte da nossa natureza. E o agravante de ser ¨stopado¨ é porque é o agora, neste momento, e isso torna tudo mais angustiante. A situação presente, o loss, é muito mais real do que o pensamento de poder recuperar o mesmo valor no futuro. É isso que faz tomar Stop Loss um ato tão dolorido, principalmente porque foi você que ajustou a posição do mesmo. Além do fato de perder dinheiro, você ainda tem que arcar com a verdade de que você e mais ninguém foi o responsável. Mas essa é a verdade sobre Trading. A questão é se você está ou não mentalmente maduro para aceitar esse fato.

Algumas dicas que podem ajudar na hora de operar:

Procure operar menos pares.

Quando você opera o mesmo par por bastante tempo você começa a se acostumar com o movimento do preço, como ele reage a certos eventos e dados econômicos.

Trabalhe com TimeFrames maiores

Principalmente se você está iniciando, timeframes menores tem muito ruído e demandam decisões rápidas. Timeframes menores que 1 hora podem ser interessantes após você ter acostumado com as características de cada par.

Ajuste o Lote corretamente

Poucos acreditam, mas o tamanho do lote influencia muito na posição em que você coloca seu Stop Loss. Se você está arriscando mais do que se sente confortável, provavelmente você vai passar calor a cada pip que o par vai contra você. Podendo até mesmo fechar a operação antes mesmo de ser stopado! Determine um valor aceitável para o Stop Loss (em termos de dinheiro) e calcule a distância do Stop (pips) X o valor que você decidiu arriscar.

Infelizmente não há nenhuma fórmula mágica para evitar Stop Loss. A única possibilidade que você tem é melhorar a precisão das suas entradas.

Abundância Sempre

Daniel Simões

EUR/USD: Santiago e o StopLoss
 

Artigos Relacionados

EUR/USD: Santiago e o StopLoss

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (6)
Marcio V O Motta
MMotta 27.04.2021 4:50
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Recomenda "O Velho e o Mar", do Ernest Hemingway :)
Denis da Silva Pereira
Denis da Silva Pereira 27.04.2021 0:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
E quanto a operar sem stoploss? O que acham?
Natanael Silva
Natanael Silva 20.04.2021 10:08
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Gostei muito parabéns, realmente essa história se faz presente.
Natanael Silva
Natanael Silva 20.04.2021 10:07
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Gostei muito parabéns, realmente essa história é de fato verídica...
Tiago gealh
CALLouPUT 20.04.2021 7:41
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Legal boa história, mas o bom é que sempre podemos recomeçar !
Marcio V O Motta
MMotta 19.04.2021 15:26
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Obrigado!⛔
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail