Últimas Notícias
Garanta 40% de desconto 0
👀 Invista igual ao Warren Buffett e lucre +174.3% acima do badalado S&P 500 Aproveite desconto de 40%

O Impacto de Criptomoedas na Performance de Carteiras de Ações Brasileiras

br.investing.com/analysis/o-impacto-de-criptomoedas-na-performance-de-carteiras-de-acoes-brasileiras-200440171
O Impacto de Criptomoedas na Performance de Carteiras de Ações Brasileiras
Por Carlos Heitor Campani, Ph.D., CNPI   |  19.02.2021 08:31
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
 
BVSP
+0,12%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
IBRX
+0,13%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
B3SA3
-3,20%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 

Olá, pessoal! Hoje dividirei com vocês os resultados do meu mais novo artigo acadêmico, escrito em parceria com Mateus Alves Martins Portelinha (Mestre pelo Coppead-UFRJ) e Raphael Moses Roquete (professor de Finanças na UFRJ). O artigo está em processo de publicação acadêmica e, aos interessados, basta me solicitar através das minhas redes sociais @carlosheitorcampani.

Nele analisamos os impactos da inclusão de criptomoedas em carteiras de ações brasileiras no período de setembro de 2014 a abril de 2020. Trabalhamos com rebalanceamentos quadrimestrais (tal como no Ibovespa e na família IBrX de índices amplos da B3 (SA:B3SA3)) e mensais, sempre considerando as cinco criptomoedas com maiores valores de mercado em cada data de rebalanceamento. O universo brasileiro de ações (e units) contou, em cada rebalanceamento, com os 100 papéis do IBrX-100, que serve como um bom filtro de liquidez para aplicações realistas. Como benchmark para o ativo livre de risco, usamos o CDI (mas se tivéssemos utilizado a taxa SELIC, os resultados teriam sido virtualmente os mesmos).

Para efeito comparativo, além do IBrX-100, trabalhamos com a estratégia igualmente ponderada (que já analisei aqui nesta coluna) e com duas estratégias oriundas da teoria de otimização de carteiras de Markowitz: a de mínima variância e a estratégia tangente à curva (que representa uma relação otimizada de risco vs. retorno). Não usamos o Ibovespa para fins comparativos, pois ele apresentou performance inferior ao IBrX-100 no período analisado.

A tabela a seguir apresenta a comparação das carteiras “Apenas Ações” (e units) e “Ações e Criptos” dentro de cada estratégia.

Comparação Carteiras: Apenas Ações e Ações e Criptos
Comparação Carteiras: Apenas Ações e Ações e Criptos

Os resultados são interessantes. Podemos perceber que a inclusão de criptomoedas aumentou a rentabilidade alcançada de todas as estratégias com ações, mas também pressionou um pouco a volatilidade. Aliás, esses resultados combinados vêm em linha com a conceituação teórica de quanto maior o risco assumido, maior precisa ser o retorno esperado. Para este tira-teima, trabalhamos no artigo com duas medidas de performance que procuram avaliar se a maior rentabilidade compensou o maior risco assumido: Sharpe e Sortino. Em todas as estratégias, ambas as métricas aumentaram (com exceção de um único empate).

Na tabela a seguir, apresento outro resultado interessante. Desta vez, consideramos uma carteira com um percentual fixo alocado em ações (e units), com o restante nas cinco maiores criptomoedas. Dentro de cada classe a ponderação foi igualitária. O percentual fixo de criptos iniciou com 5% e variou até 30%.

Resultado de uma Carteira Ações e Criptos
Resultado de uma Carteira Ações e Criptos

Notemos que o aumento do percentual da carteira alocado em criptomoedas melhora a performance tanto em termos de rentabilidade alcançada quanto no que diz respeito aos índices Sharpe e Sortino. No artigo, fizemos alguns testes e os resultados acima mostraram-se robustos e claros.

A conclusão do estudo é que, no período analisado (Set/2014 a Abr/2020), a inclusão de criptomoedas impactou positivamente carteiras de ações brasileiras. É certo que o risco da estratégia com criptos aumenta, mas a análise indicou que tal risco foi devidamente compensado, até por questões de diversificação (uma vez que a correlação de criptomoedas com o nosso mercado de ações é bem baixa).

Claro que, como sempre, não podemos garantir que no futuro, as criptomoedas se comportarão da mesma forma que no passado analisado. Entretanto, isso não tira a importância dos resultados alcançados pelo nosso estudo, pois tudo indica que as criptomoedas vieram para ficar e me parece razoável estimar que esta classe de ativos seguirá pouco correlacionada com o mercado brasileiro de ações. Por mais que ninguém consiga assegurar que a excelente performance recente das criptomoedas seguirá ao longo dos próximos anos, penso que esta classe de ativos precisa ter a devida atenção do mercado por conta das suas características bastante peculiares e atraentes sob o ponto de vista de gestão de risco e retorno em carteiras de investimento.

Aos investidores individuais de ações, pode interessar mesclar suas carteiras com criptomoedas. Para os mais avessos ao risco, algo em até 5% pode fazer sentido, permitindo um percentual mais elevado para investidores que desejam maior exposição a risco. E, por fim, sugiro fazer como neste estudo: não concentrar em uma única criptomoeda, mas sim em várias delas para expurgar o risco específico de determinada cripto.

Em tempo: todos os retornos acima são brutos, ou seja, não consideram o imposto de renda. Eles também não consideram custos transacionais, pois esses dependem de fatores exógenos e podem variar bastante. Além disso, tais custos vêm sendo reduzidos recentemente no mercado brasileiro, de modo que os resultados poderiam sofrer algum impacto atual que no futuro se tornasse inválido.

Por hoje, é isso pessoal. Espero que tenham gostado. Procurei compartilhar resultados de um trabalho acadêmico que julgo relevantes e que muitas vezes são pouco acessíveis por conta do rigor necessário para publicação e da utilização de muitos termos técnicos. Meu objetivo é sempre trazer conteúdo diferenciado e, neste caso, de fronteira. Caso você tenha gostado ou tenha críticas construtivas, peço que comente abaixo. Isso é muito importante, pois os comentários são muitas vezes motivadores, além de alguns colaborarem com outras visões e/ou aspectos não abordados por mim (mas que igualmente despertam minha atenção).

Um cordial abraço a todos vocês.

* Carlos Heitor Campani é PhD em Finanças, Professor Pesquisador do Coppead/UFRJ e especialista em investimentos, previdência e finanças pessoais, corporativas e públicas. Ele pode ser encontrado em www.carlosheitorcampani.com e nas redes sociais: @carlosheitorcampani. Esta coluna sai a cada duas semanas, sempre na sexta-feira.

O Impacto de Criptomoedas na Performance de Carteiras de Ações Brasileiras
 

Artigos Relacionados

O Impacto de Criptomoedas na Performance de Carteiras de Ações Brasileiras

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por esse motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (16)
jefferson caveagna
jefferson caveagna 22.02.2021 8:46
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Excelente matéria!!!!
Raul Anduze
Raul Anduze 21.02.2021 23:00
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Excelente conteúdo. Os criptoativos tem maior volatilidade, maiores riscos, mas também maiores possibilidades de ganhos. Será que escolher os criptoativos com menor volatilidade, dentre os de maior liquidez traria menores riscos à carteira?
Bill Florida
Bill Florida 21.02.2021 16:09
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Alto eu sou investidor americano. Duas coisas que fez eu decidir colocar tude em bitcoin.1- inflacao americana mais alta das ultimas 4 decadas2 - bolsonario assustando fazer uma venezuela e controlar sabesp eletrobras e petrobras. E ateh bancos .3 - bitcoin nos proximos 3 meses vai receber muitos bilhoes de hedge funds americanos.So estou precisando pular foea da sabesp agora.Amanha vou por o porsche ora vender vai virar bitcoin tbm . Esse ano fecha a 150 mil
Ricardo P Silveira
Ricardo P Silveira 21.02.2021 12:37
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
*** BITCOIN *** Não pense em substituição. Pense em *** DIVERSIFICAÇÃO *** Os fundos de investimento institucionais já começaram a corrida para DIVERSIFICAREM
Hermes Trimegistos
Hermes Trimegistos 21.02.2021 12:37
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Agora é caminho sem volta, não existe mais desculpa pra ficar de fora. Lentamente, as grandes empresas vão lastrear o bitcoin, como reserva de valor.
Bill Florida
Bill Florida 21.02.2021 12:37
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Diversificacao eh para amadores que n entende muito de nada especifico e expalha tudo
Bill Florida
Bill Florida 21.02.2021 12:37
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Hermes Trimegistos ainda mais vcs beasileiros com essa inflacao ridicula. Qual q duvida . Bota no bitcoin . Conheco gente com 1 mil bitcoin aqui
Adelso José Rosa
Adelso José Rosa 21.02.2021 11:11
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
tenho uma dúvida, se investir em criptomoedas , deve ser algo a longo prazo, ou se deve fazer day trade, aproveitando alta pra vender e baixa para comprar?
Deyvid Alves
deyvid 21.02.2021 11:11
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Usa os 3,  swing nas moedas com menos  voláteis. Buy and hold para moedas mais estáveis. E Day trade para oedas com muita volatilidade!
Deyvid Alves
deyvid 21.02.2021 11:11
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
ops comi um M
Rodrigo Matos
Rodrigo Matos 21.02.2021 10:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
ativos sim pois são algos verdadeiros
Joao Francisco Anschau Do Amaral
Joao Francisco Anschau Do Amaral 20.02.2021 10:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
tenho usado a nova dax
Andrea Bentes
Andrea Bentes 20.02.2021 2:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Alguém aqui sabe me indicar uma corretora segura para investir em criptomoeda?
Mostrar respostas anteriores (5)
lesnay soler lopez
lesnay soler lopez 20.02.2021 2:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
lesnay soler lopez
lesnay soler lopez 20.02.2021 2:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Thiago Oliveira
Thiago Oliveira 20.02.2021 2:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
menos a clear
Marco Mr
MarcoMr 20.02.2021 2:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Paulo Santos Cuidado com Mercado Bitcoin, na hora de sacar de enfiam a faca. A Binance é 1000x melhor.
Raul Anduze
Raul Anduze 20.02.2021 2:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bitcointrade
Andrea Bentes
Andrea Bentes 20.02.2021 2:51
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Alguém aqui sabe me indicar uma corretora segura para investir em criptografa?
Emilio Menezes
Emilio Menezes 19.02.2021 20:55
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bem interessante o artigo. Vou buscar saber mais dos Bitcoins.
Marco Mr
MarcoMr 19.02.2021 20:55
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Uso Binance e acho ótimo, tem as menores taxas e custo zero para saques.
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar esse comentário

Diga-nos o que achou desse comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail