⌛ Perdeu a alta de 13% da ProPicks em maio? Assine agora e receba mais cedo as ações de Junho.Desbloquear ações

Holofotes miram inflação ao consumidor dos EUA nesta quarta-feira

Publicado 10.04.2024, 07:46
NDX
-
UK100
-
XAU/USD
-
US500
-
FCHI
-
AXJO
-
DE40
-
JP225
-
HK50
-
RIO
-
ANTO
-
AGLJ
-
GC
-
CL
-
ZS
-
IXIC
-
STOXX
-
CSI300
-
BTC/USD
-

Bem-vindo à sua leitura matinal de três minutos de como os mercados estão reagindo ao redor do mundo nesta manhã.

ÁSIA: Os mercados da Ásia fecharam sem direção nesta quarta-feira, enquanto os investidores aguardam dados da inflação americana.

O Banco Central da Nova Zelândia manteve as suas taxas de juro em 5,5%, afirmando que “continua a ser necessária uma orientação restritiva da política monetária para reduzir ainda mais as pressões sobre a capacidade e a inflação”.

O índice Hang Seng de Hong Kong subiu 1,85% e fechou em 17.139,17 pontos, enquanto na China continental, o CSI 300, que agrupa as maiores empresas listadas em Shanghai e Shenzhen, caiu 0,81% e terminou em 3.504,70 pontos, o quinto dia consecutivo de perdas.

A agência de classificação Fitch revisou sua perspectiva sobre a China de “estável” para “negativa”, citando “riscos crescentes para as perspectivas das finanças públicas da China”. A agência afirmou no seu relatório que o país enfrenta perspectivas econômicas mais incertas e uma transição para longe do crescimento dependente da propriedade. Além disso, observou que os amplos déficits orçamentais e o aumento da dívida pública nos últimos anos corroeram as reservas orçamentais e que a dívida ainda poderá aumentar à medida que a política orçamental desempenhar cada vez mais um papel importante no apoio ao crescimento nos próximos anos, no entanto, a Fitch afirmou a classificação A+ da China, citando fatores de apoio, incluindo a sua grande e diversificada economia, sólidas perspectivas de crescimento do PIB relativamente aos seus pares e um papel integral no comércio global de bens.

O Nikkei do Japão caiu 0,48% para 39.581,81 pontos. A taxa de inflação corporativa do Japão ficou em 0,8% em março, seu terceiro mês consecutivo de aumento e em linha com as expectativas de economistas.

Na Austrália, o S&P/ASX 200 marcou o terceiro dia consecutivo de ganhos, subindo 0,31% e terminando em 7.848,50 pontos, com todos os setores, exceto energia, financeiro e tecnologia da informação negociando no verde. No setor de mineração, os pesos pesados BHP, Fortescue e Rio Tinto (LON:RIO) subiram 0,7%, 1,9% e 1,9%, respectivamente. Whitehaven Coal, Mercury NZ e South32 avançou 3%, 3,1% e 2,5%, respectivamente.

Os mercados da Coreia do Sul permenceram fechados na quarta-feira, enquanto o país se dirige às urnas para eleger o seu próximo parlamento.

EUROPA: As bolsas europeias avançam na quarta-feira, enquanto os investidores globais aguardando a divulgação dos dados de inflação para Março dos EUA.

O índice Stoxx 600 sobe 0,6% no meio da sessão matinal, com as ações de tecnologia liderando os ganhos.

O alemão DAX 30 sobe 0,7% e o francês CAC 40 adiciona 0,5%.

Em Londres, o FTSE 100 sobe 0,6%. Entre as mineradoras listadas na LSE, Anglo American (JO:AGLJ) sobe 0,7%, Antofagasta (LON:ANTO) sobe 0,2%, enquanto as gigantes BHP e Rio Tinto sobem 1% e 0,6%, respectivamente. A petrolífera BP sobe 0,9%.

EUA: Os futuros dos índices de ações dos EUA registram ligeiros ganhos na manhã de quarta-feira, enquanto os investidores aguardam os principais dados da inflação dos EUA, que deve dar pistas sobre a trajetória do Federal Reserve das taxas de juros.

Durante a negociação regular de terça-feira, os investidores pareciam estar em um padrão de espera antes do relatório do índice de preços ao consumidor de março. O Dow de 30 ações caiu 0,02%, fechando em 38.883,67 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,14%, em 5.209,91 potnos. O Nasdaq subiu 0,32%, em 16.306,64 pontos.

Estima-se que o relatório do IPC, que será divulgado na quarta-feira às 9h30, tenha aumentado 0,3% em março na comparação mensal e 3,4% em relação aos 12 meses anteriores. Os economistas esperam que o núcleo do IPC, que exclui os preços voláteis dos alimentos e da energia, suba 0,3% e 3,7%, respetivamente. Os dados do IPC deve dar pistas sobre como as autoridades políticas do banco central poderão proceder em relação às taxas de juro e o resultado irá certamente afetar os movimentos do mercado na quarta-feira. Os futuros dos fundos do Fed sugerem uma probabilidade de 42% de que o banco central mantenha as taxas estáveis ​​em junho, de acordo com a ferramenta CME FedWatch.

Uma leitura de inflação mais quente do que o esperado pode pesar sobre os mercados após a recuperação do mercado este ano, enquanto uma leitura mais fraca pode levar os rendimentos do Tesouro a recuar e elevar o mercado acionário.

Além do relatório de inflação na quarta-feira, os investidores também estão atentos à ata da reunião do Fed do mês passado às 15h00.

Entre os discursos de palestrantes do Fed, Michelle Bowman falará às 9h45, enquanto o presidente da distrital do Fed de Richmond, Thomas Barkin, discusarà às 13h45.

CRIPTOMOEDAS:
Bitcoin: -2,35% US $ 68.766,80
Etereum: -3,51% US $ 3.500,96

ÍNDICES FUTUROS - 7h30:
Dow: +0,12%
S&P 500: +0,05%
NASDAQ: +0,01%

COMMODITIES:
MinFe: +1,43%
Bent: +0,53%
WTI: +0,52%
Soja: +0,43%
Ouro: +0,23%

OBSERVAÇÃO: Este material é um trabalho voluntário, independente, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. O texto da sessão asiática está no tempo passado, enquanto a europeia e a americana estão no presente devido ao horário em que este relatório é redigido. Atentem-se para o horário de disponibilização dos dados. O texto não é indicação de compra, manutenção ou venda de ativos.

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.