Últimas Notícias
Garanta 40% de desconto 0
🔎 Confira as ProTips completas de NVDA e descubra riscos e retornos DESCONTO de 40%

Petróleo sobe após Arábia Saudita e Rússia manterem cortes de oferta

Publicado 06.11.2023 17:53 Atualizado 06.11.2023 18:17
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Extração de óleo na região de Vaca Morta, na Argentina 21/01/2019 REUTERS/Agustin Marcarian/File Photo
 
USD/BRL
0,00%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
LCO
-0,24%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
CL
-0,21%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 

Por Arathy Somasekhar

HOUSTON (Reuters) - Os preços do petróleo subiram nesta segunda-feira, depois que os principais exportadores, Arábia Saudita e Rússia, reafirmaram seus compromissos com cortes adicionais voluntários na oferta da commodity até o fim do ano.

Os contratos futuros do petróleo Brent fecharam em alta de 0,29 dólar, ou 0,34%, a 85,18 dólares por barril, enquanto o petróleo West Texas Intermediate (WTI) dos EUA subiu 0,31 dólar, ou 0,4%, para 80,82 dólares.

A Arábia Saudita confirmou no domingo que continuaria com seu corte voluntário adicional de 1 milhão de barris por dia (bpd) em dezembro, para manter a produção em torno de 9 milhões de bpd, disse uma fonte do ministério da energia.

A Rússia também anunciou que iria continuar o seu corte voluntário adicional de 300.000 bpd em suas exportações de petróleo e produtos petrolíferos até ao fim de dezembro.

Os cortes poderiam ser estendidos até o primeiro trimestre de 2024 devido à “demanda de petróleo sazonalmente mais fraca no início de cada ano, às preocupações contínuas com o crescimento econômico e ao objetivo dos produtores e da Opep+ de apoiar a estabilidade e o equilíbrio do mercado petrolífero”, disse o estrategista do UBS, Giovanni Staunovo.

Os preços do petróleo se recuperaram depois de ambos os valores de referência terem perdido cerca de 6% na semana encerrada em 3 novembro, à medida que as preocupações com a oferta provocadas pelas tensões no Médio Oriente diminuíam.

(Reportagem de Robert Harvey, Florence Tan e Colleen Howe)

Petróleo sobe após Arábia Saudita e Rússia manterem cortes de oferta
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por esse motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar esse comentário

Diga-nos o que achou desse comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail