Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Fed convergiu para grande alta de juros em meio a preocupação com cenário inflacionário--ata do Fomc

Economia 06.07.2022 15:31
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Fachada do Federal Reserve, em Washington 31/07/2013 REUTERS/Jonathan Ernst

Por Howard Schneider

WASHINGTON (Reuters) - A deterioração da situação da inflação e a preocupação com a perda de confiança no poder do Federal Reserve de torná-la melhor levaram as autoridades do banco central norte-americano a convergir em torno de um aumento desproporcional da taxa de juros e a uma repetição firme da intenção do BC de manter os preços sob controle, mostrou a ata da reunião de política monetária de 14 e 15 de junho.

Com base nos dados divulgados nos dias anteriores à sessão, "os participantes concordaram... que as perspectivas de inflação de curto prazo se deterioraram desde o momento da reunião de maio", afirma a ata, justificando o aumento de 0,75 ponto percentual nos juros e um movimento para uma política monetária "restritiva".

Com as famílias pressionadas pelo aumento dos preços dos alimentos e do gás e nenhuma evidência de que as ações do Fed até o momento começaram a deter o aumento mais rápido da inflação em 40 anos, "muitos participantes julgaram que um risco significativo... era que a inflação elevada poderia se consolidar se o público começasse a questionar a decisão do Comitê (Federal de Mercado Aberto, ou Fomc, na sigla em inglês) de ajustar a postura da política monetária conforme justificado", mostrou a ata divulgada nesta quarta-feira.

O resultado foi o primeiro aumento de 0,75 ponto percentual nos juros desde 1994 e a promessa de mais por vir, com os participantes julgando que um aumento de 50 ou 75 pontos-base provavelmente será apropriado na reunião de política do fim deste mês.

Em uma demonstração de unanimidade que apagou as típicas divisões entre "falcões" (mais conservadores sobre a inflação) e "pombas" (mais preocupados com o crescimento econômico), o grupo observou a necessidade de montar uma campanha de comunicação pública que não deixasse dúvidas de que eles estavam "fortemente comprometidos" em vencer a guerra inflacionária.

Desde então, o chair do Fed, Jerome Powell, ampliou sua própria retórica, declarando na semana passada que havia um "relógio correndo" no Fed para mostrar que o banco poderia domar os preços antes que a psicologia do público começasse a mudar.

No encontro foram expostas preocupações já em andamento, com "muitos participantes" preocupados com o risco de que as "as expectativas de inflação de longo prazo pudessem estar começando a subir".

A ata não mencionou o risco de recessão e, de fato, as autoridades do Fed disseram acreditar que os dados mostraram que o PIB dos EUA "estava se expandindo no trimestre atual", com o mercado de trabalho ainda apertado.

Mas eles reconheceram que os riscos eram para pior, em particular de que a política monetária do Fed poderia ter um impacto maior do que o previsto.

"Os participantes concordaram que as perspectivas econômicas justificam a mudança para uma postura restritiva da política monetária e reconheceram a possibilidade de uma postura ainda mais restritiva ser apropriada se as pressões inflacionárias elevadas persistirem", disse a ata.

Atualmente, investidores esperam que o Fed entregue outro aumento de 75 pontos-base nos juros na próxima reunião de 26 a 27 de julho, como parte do que se tornou uma rápida mudança na política monetária.

Menos de um ano atrás, as autoridades ainda estavam prometendo manter as torneiras de dinheiro barato bem abertas --com a taxa das Fed funds perto de zero e 120 bilhões de dólares em compras mensais de títulos despejando liquidez no sistema-- até que houvesse "progresso substancial" no mercado de trabalho e a inflação estivesse "moderadamente no caminho certo" para exceder a meta de 2% do Fed "por algum tempo".

Fed convergiu para grande alta de juros em meio a preocupação com cenário inflacionário--ata do Fomc
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail