Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

SP reduz ICMS da gasolina a 18%, mantém alíquota para etanol hidratado

Economia 27.06.2022 14:20
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Funcionário se prepara para abastecer veículo em posto de combustíveis em São Paulo 08/11/2016 REUTERS/Paulo Whitaker

SÃO PAULO (Reuters) - O governo do Estado de São Paulo anunciou nesta segunda-feira uma redução da alíquota de ICMS incidente sobre a gasolina, de 25% para 18%, prevendo uma queda de cerca 48 centavos do valor do litro nos postos.

Segundo o governador paulista, Rodrigo Garcia (PSDB), com a medida, o preço médio do litro da gasolina no Estado deve cair para 6,50 reais.

O corte do imposto estadual foi implantado após a sanção presidencial, na sexta-feira passada, da lei que limita a cobrança sobre combustíveis, energia elétrica, comunicações e transporte coletivo.

Para o etanol hidratado, biocombustível que concorre com a gasolina nas bombas, o governo paulista informou que manteve inalterada em 13,3% a alíquota de ICMS.

Isso reduz a vantagem de preço do etanol em relação à gasolina em São Paulo, que é maior mercado consumidor e produtor de etanol do Brasil, segundo analistas.

A menor competitividade do etanol frente ao combustível fóssil pode levar os processadores de cana-de-açúcar a reduzir a produção de etanol e aumentar a produção de açúcar.

No caso de São Paulo, publicação no Diário Oficial do Estado indica que a tributação com a alíquota de 18% será aplicada também a operações com álcool anidro (misturado à gasolina); querosene de aviação, exceto quando destinadas a empresas de transporte aéreo regular de passageiros ou de carga; energia elétrica para contas residenciais com consumo mensal acima de 200 kilowatt-hora (kWh); e serviços de comunicação.

COBRANÇA À PETROBRAS

Em coletiva de imprensa na manhã desta segunda-feira, o governador afirmou que esta é uma "contribuição" do Estado para a redução dos preços, mas ponderou que o imposto estadual "não é o vilão" da disparada dos combustíveis.

"Não podemos camuflar a realidade, o ICMS não é e nunca foi o vilão do preço de combustível nesse pais, temos uma política de preços que é da Petrobras (SA:PETR4), que é nacional", disse, em coletiva de imprensa nesta segunda-feira.

"Sabemos que temos um problema na macroeconomia, na política de preços internacionais do petróleo e também na Petrobras, que ganha muito e devolve pouco para a população deste país", acrescentou.

Garcia cobrou medidas do governo federal e da estatal para que não haja novos aumentos de preços de combustíveis nas próximas semanas. "Esperamos que a Petrobras faça a parte dela", disse.

Ainda segundo o governador, o Procon fiscalizará a medida e divulgará os preço da gasolina nos postos paulistas.

O secretário da Fazenda e Planejamento do governo paulista, Felipe Salto, disse que o corte da alíquota significará uma redução da arrecadação de 4,4 bilhões de reais, em termos anualizados, considerando apenas a gasolina.

(Por Letícia Fucuchima e Marcelo Teixeira)

SP reduz ICMS da gasolina a 18%, mantém alíquota para etanol hidratado
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (26)
Fabio Souza
Fabio Souza 27.06.2022 21:26
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Política trabalha 3 vezes na semana, tem carro, gasolina, moradia, viagens, assessores, verba para cartas, verba para restaurantes, verbas e mais verbas. E vem um político e diz que vai faltar dinheiro.kkkkkkkk
Mannt Neumann
Mannt Neumann 27.06.2022 16:55
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bozo, Governadores e Prefeitos. Todos batendo recorde de arrecadação  graças a inflação. Nennhum deles abre mão de um centavo de sua roubalheira para beneficiar o povo, ficam sempre com este jogo de empurra para culpar um ao outro. Sabemos que este recorde de arrecadação é a maior fonte de roubalheira e populismo do pais. Cadê a correção da tabela de IR? Enviou um projeto Lixo  que aumentava a tributação das empresas, complicava a tributação e acabava com o desconto simplificado do IR. Uma grande piada!!!
Ednei Ishii
Ednei Ishii 27.06.2022 16:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
tá de brincadeira? 48 centavos de redução??? se é piada não vi graça
Mannt Neumann
Mannt Neumann 27.06.2022 16:21
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Parabéns, Governador. Enquanto o Gov. Federal esta desesperado com sua campanha eleitoral e tenta tumultuar o pais para esconder sua roubalheira e incompetencia, alguém precisa trabalhar!!! Sabemos que nao mudará quase nada, mas é o que pode ser feito diante de um governo catastrófico que desvalorizou nossa moeda em 40% desde que assumiu!!! 40% que entram na veia dos preços dos combustiveis, mas isso a MILICIA não fala, né???
Mannt Neumann
Mannt Neumann 27.06.2022 16:21
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Chooooooora militontos IXQUIRDIXTAS !!!
Luiz Lopes Luiz Lopes
Luiz Lopes Luiz Lopes 27.06.2022 16:21
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Kkkkkk Parabéns? É a lei!!!
Nelson Capitani
Nelson Capitani 27.06.2022 16:21
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O cara só se mexeu agora porque iria ficar ruim demais não acatar, somente fez isso por essa razão e não por outra
Li Viegas
Li Viegas 27.06.2022 16:15
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Não faz mais que a obrigação reduzir o ICMS, parabéns ao presidente e ao congresso que fizeram estes desgovernadores reduzir o ICMS, vergonha ver estados ganhando sem produzir empregos ao povo, vergonha, nunca na história um presidente Federal reduziu tanto os impostos Federal.
Luiz Ferreira Santos
Luiz Ferreira Santos 27.06.2022 15:54
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se no custo final do combustivel, mais de 60% são impostos, como que a Petrobras é culpada?
RICARDO HEINECK
RICARDO HEINECK 27.06.2022 15:01
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
é 17% e não 18% é da para ver que não querem ajudar mesmo ,só zerar que iam receber os 17%.. mas como é uma máfia querem que o povo se ferem
Mannt Neumann
Mannt Neumann 27.06.2022 15:01
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Sabe ler? Se o militante não souber ler, peça para alguém ler a lei para voce.
Edson Burys
Edson Burys 27.06.2022 14:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Governo vagabundos, acha que os brasileiros não estão vendo suas ações negativas, políticos sujos
Fernando Borelli
Fernando Borelli 27.06.2022 14:31
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Reduziu graças a sanção do governo federal. Deixa de politicagem!
Li Viegas
Li Viegas 27.06.2022 14:31
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O Presidente está de parabéns, precisamos ajudar ele e fazer estes governadores reduzir impostos, e reduzir a taxa da iluminação Pública, absurdo esta taxa.
Wesley Duarte
Wesley Duarte 27.06.2022 12:01
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Só são Paulo anunciou por enquanto a redução, ou seja, teremos gasolina a 6,00 em São Paulo e álcool por volta de 3,95 e os outros estados acima de 8 gasosa e 6 álcool.
André Luis Pereira dos Santos
André Luis Pereira dos Santos 27.06.2022 12:01
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Etanol hidratado não teve redução. Só o anidro que é misturado à gasolina.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail