Últimas Notícias
Garanta 40% de desconto 0
🔎 Confira as ProTips completas de NVDA e descubra riscos e retornos DESCONTO de 40%

Exterior respalda ajuste e dólar tem maior alta em um mês

Publicado 23.07.2020 17:37
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
2/2 © Reuters. . 2/2
 
EUR/USD
+0,31%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
USD/JPY
+0,14%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
XAU/USD
-0,21%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
US500
-0,38%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
USD/BRL
-0,30%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
Gold
-0,41%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 

Por José de Castro

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar teve firme alta ante o real nesta quinta-feira, devolvendo parte das quedas das últimas três sessões, em um clássico dia de aversão a risco nos mercados externos por receios sobre o ritmo de recuperação dos Estados Unidos em meio a temores de efeitos econômicos de tensões EUA-China.

O dólar à vista subiu 1,96%, a 5,2145 reais na venda, maior alta diária desde 26 de junho (+2,58%).

A moeda oscilou em alta durante todo o pregão. Na máxima, foi a 5,2235, ganho de 2,14%, e na mínima marcou 5,12 reais, leve valorização de 0,11%.

Na B3, o dólar futuro (DOLc1) avançava 1,95%, a 5,2210, às 17h19.

O salto do dólar spot nesta quinta mais do que apagou a queda de 1,87% da véspera e quebrou uma sequência de três baixas, na qual a cotação acumulou perda de 4,98%.

No que tem sido padrão, o real mais uma vez teve a maior oscilação entre as principais moedas, desta vez para o lado negativo. A lista de maiores quedas globais na sessão continuava com rand sul-africano (-1%), peso colombiano e coroa norueguesa (ambos -0,9%), peso mexicano (-0,6%) e dólar australiano (-0,5%).

Todas essas divisas, assim como real, têm estreita correlação com os preços das matérias-primas, que caíam 0,3% nesta sessão, em meio a receios sobre o ritmo de recuperação econômica nos EUA.

Compondo o panorama de aversão a risco, o Ibovespa (BVSP) fechou em queda de quase 2%, o índice S&P 500 (SPX) da Bolsa de Nova York recuou 1,2% (ambos segundo dados preliminares). Diante da busca por ativos seguros, o ouro disparou para perto de máximas históricas, e os preços do título soberano norte-americano com vencimento em dez anos (US10YT=RR) (considerado o ativo mais seguro do mundo) subiam, com consequente queda nos rendimentos.

O mercado recebeu mal os mais recentes dados de auxílio-desemprego nos EUA, que mostraram elevação ante a semana anterior, "em um dos mais claros sinais de que a recuperação da economia dos EUA está estagnando", disseram analistas do Wells Fargo.

Investidores correram para outras moedas fortes, o que empurrou o euro (EUR) para além de 1,16 dólar e fez o iene ser cotado abaixo de 107 por dólar.

Mas esse quadro de dólar fraco é limitado a comparações com outras divisas de reserva. Moedas de risco, caso do real, tendem a sofrer com dúvidas sobre a força da economia norte-americana, já que um enfraquecimento nos EUA poderia pressionar a atividade no mundo e afetar demanda por commodities, por exemplo.

Nesse cenário, o Bank of America segue vendo dólar a 5,20 reais ao fim de setembro e de 5,40 reais ao término de 2020.

"O potencial de uma possível vacina para o Covid-19 no curto prazo, juntamente com as próximas eleições nos EUA, são os principais eventos de risco previstos", disseram profissionais do BofA sobre fatores com chance de impactar o dólar nos próximos meses.

Exterior respalda ajuste e dólar tem maior alta em um mês
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por esse motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (4)
sandro henrique
sandro henrique 27.07.2020 19:39
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
sandro henrique
sandro henrique 27.07.2020 19:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
alnguns minutos atras que estava em queda  mas ta subindo de novo
Jefa Gec
Jefa Gec 24.07.2020 6:41
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
pra quem esperava mais de 7 e até 10 reais...pode se dizer que está tudo normal
estefania gisele Alves
estefania gisele Alves 23.07.2020 19:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Daimler Corrêa
Daimler Corrêa 23.07.2020 19:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Thiago Alves
Thiago Alves 23.07.2020 19:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
o dólar vai chegar em 5.2450 até amanhã acredito eu
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar esse comentário

Diga-nos o que achou desse comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail