Libere dados premium: até 50% de desconto InvestingProGARANTA JÁ SUA OFERTA

Ações europeias registram maior queda diária em 3 meses com perdas dos bancos

Publicado 13.03.2023, 14:38
© Reuters. Pregão na Bolsa de Valores de Frankfurt
13/03/2023
REUTERS
FCHI
-
DE40
-
ES35
-
IT40
-
SOGN
-
PSI20
-
SIVBQ
-
STOXX
-
NPT
-
S1IV34
-

Por Sruthi Shankar e Ankika Biswas

(Reuters) - As ações europeias registraram sua maior queda diária em quase três meses nesta segunda-feira, devido às perdas contínuas das ações do setor bancário, mesmo em meio a uma perspectiva resiliente para o setor da região e com as autoridades intervindo para limitar as consequências do colapso repentino do Silicon Valley Bank.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em queda de 2,42%, a 442,80 pontos, com as ações de empresas do setor financeiro sofrendo as maiores perdas.

As ações de bancos europeus caíram 5,7% e também registraram sua pior queda em dois dias desde o início da guerra na Ucrânia, no início do ano passado.

A preocupação com a resiliência do balanço do setor diante do colapso do SVB tomou conta dos investidores.

O alemão Commerzbank caiu 12,7%, o francês Société Générale (EPA:SOGN) recuou 6,2% e o espanhol Sabadell caiu 11,4%.

O HSBC caiu 4,1% depois que o banco britânico adquiriu a subsidiária britânica do SVB, resgatando um importante credor para start-ups de tecnologia no Reino Unido.

No entanto, analistas bancários da zona do euro veem consequências limitadas para os bancos da região pelo colapso dos credores dos Estados Unidos, enquanto o Moody's Investors Service também observou que é improvável que os bancos europeus sejam atingidos por perdas nas carteiras de títulos.

O Federal Reserve e o Departamento do Tesouro dos EUA também anunciaram uma série de medidas para estabilizar o sistema bancário e disseram que os correntistas do SVB Financial Group (NASDAQ:SIVB) terão acesso a seus depósitos nesta segunda-feira. (NPT)

Enquanto isso, o estresse no setor financeiro gerou temores de uma desaceleração no aperto monetário agressivo do Fed, com os investidores vendo uma chance de 68% de um aumento de 25 pontos-base na próxima semana, uma mudança drástica em relação à alta de 50 pontos-base precificada anteriormente.

Por outro lado, o BCE parece destinado a elevar os juros em 50 pontos-base nesta semana.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 2,58%, a 7.548,63 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 3,04%, a 14.959,47 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 2,90%, a 7.011,50 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 4,03%, a 26.183,54 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 3,51%, a 8.958,90 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 2,15%, a 5.896,08 pontos.

(Reportagem de Sruthi Shankar e Ankika Biswas em Bengaluru)

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.