Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Moedas Globais: DXY tem pior semana desde fevereiro

Ações 20.05.2022 18:28
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters Moedas Globais: DXY tem pior semana desde fevereiro

O índice DXY do dólar fechou em alta na sessão desta sexta-feira, marcada pela aversão ao risco nos mercados dos EUA. O índice recuperou parte da queda superior a 1% de ontem, mas não subiu o suficiente para evitar recuo no acumulado da semana. Entre emergentes, o rublo russo e o yuan chinês foram destaques, de olho em ações dos BCs locais, enquanto euro e libra terminaram a tarde em baixa mesmo após comentários hawkish de dirigentes do Banco Central Europeu (BCE) e Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês).

O DXY avançou 0,41% hoje, aos 103,150 pontos. Nos últimos sete dias, o recuo foi de 1,35%, pior desempenho semanal desde o começo de fevereiro. No fim da tarde em Nova York, o euro caía a US$ 1,0560, a libra recuava a US$ 1,2487, e o dólar subia a 127,83 ienes.

Segundo a Capital Economics, a explicação mais simples para a queda semanal do dólar, em meio ao sell-off no mercado acionário de Nova York, é a de a moeda americana passou por ajustes após os fortes ganhos recentes. Há, porém, dois cenários em que este movimento pode se estender no curto prazo. Primeiro, a consultoria cita que a onda de vendas de ações em NY pode pesar sobre o dólar, à medida que outras bolsas de países desenvolvidos se saem melhor. Há também o risco de investidores focarem no aperto monetário por outros BCs de grandes economias.

Hoje, vários dirigentes do BCE - entre os eles os presidentes dos BCs da Alemanha, Letônia e Itália - reforçaram a percepção de que o BC da zona do euro deve iniciar o ciclo de aperto monetário em julho. No Reino Unido, o economista chefe do BoE, Huw Pill, afirmou que ainda há ajuste monetário a fazer, após o BC britânico ter elevado o juro básico a 1%.

Nos EUA, o presidente da distrital de St. Louis do Federal Reserve, James Bullard, voltou a afirmar seu apoio pelo atual ritmo de alta do juro adotado pelo BC americano. Considerado um dos membros de orientação mais hawkish do Fed, Bullard é membro votante do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) este ano.

Na seara de moedas de países emergentes, o rublo chegou a operar em seu maior valor ante o dólar desde abril de 2018 antes de perder fôlego, com o mercado reagindo a ações do BC da Rússia em prol da valorização da divisa loca, além das exigências de pagamentos em rublos para exportações de energia do país. "O rublo pode ter recebido um impulso da confirmação de que empresas na União Europeia (UE) podem pagar pelo gás russo sem violar as sanções impostas pelo bloco a Moscou. E vale lembrar que muitos controles de capital ainda estão em vigor, ajudando a manter o rublo forte, restringindo as saídas de capital da Rússia", comenta a Capital Economics.

Já o yuan se beneficiou do corte de juro para empréstimos de cinco anos, de 4,60% a 4,45%, pelo Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês). A medida reforça a percepção de que Pequim deve liberar estímulos específicos para conter a desaceleração da economia, após as restrições adotadas contra o surto local de covid-19. No período citado, o dólar apreciava a 62,285 rublos e caía a 6,6940 yuans.

Moedas Globais: DXY tem pior semana desde fevereiro
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail