Garanta 40% de desconto
🚀 Ações escolhidas por IA em alta. PRFT com alta de +55% em 16 dias. Não perca as ações de junho!Acessar lista completa

Ações da Meta (ex-Facebook) Derreteram! Você Deve Comprar?

Publicado 08.02.2022, 10:39
Atualizado 09.07.2023, 07:32
META
-
M1TA34
-

As ações da Meta (NASDAQ:FB) (SA:FBOK34), proprietária do Facebook, despencaram mais de 20% na Bolsa de Nova Iorque depois que a empresa divulgou os resultados financeiros do último trimestre de 2021 e apresentou previsões abaixo do esperado para os próximos meses.

Isto representa uma perda de US$ 200 bilhões em valor de mercado. Pela primeira vez em sua história, a rede social perdeu usuários, considerando a quantidade de acessos por dia. Entre outubro e dezembro do ano passado, 1,929 bilhão de pessoas utilizaram o aplicativo – nos três meses anteriores o número era de 1,930 bilhão.

O número de usuários ativos por mês ficou em 2,91 bilhões no quatro trimestre, sem crescimento na comparação com o trimestre anterior. A Meta disse esperar que as receitas neste primeiro trimestre de 2022 fiquem entre US$ 27 e US$ 29 bilhões, frustrando a expectativa dos analistas, que previam um faturamento de aproximadamente US$ 30,15 bilhões, segundo dados da S&P Capital IQ.

“A rede social criada por Mark Zuckerberg e pelo brasileiro Eduardo Saverin nos interiores da Universidade de Harvard sente o impacto do aumento da concorrência pelo tempo dos usuários e uma mudança no interesse das pessoas em assistir vídeos, onde a publicidade não é tão lucrativa assim.

As receitas do grupo até foram impulsionadas pela venda de anúncios – que é o principal modelo de negócios do Instagram e do Facebook, que somou US$ 32,6 bilhões em receita, uma alta de 21%, se a gente comparar com o ano anterior.

Mas agora vem um dado muito negativo para a Meta: ela teve um lucro de US$ 10,29 em três meses, mas uma queda de 8% se verificarmos o mesmo período de 2020″, avalia o comentarista de Business da Jovem Pan, Bruno Meyer. (fonte: Jovem Pan)

Esta notícia chacoalhou os Mercados na semana passada. Mas, e agora, você, como investidor, pode ter uma oportunidade de alocar na companhia a preços descontados ou seria um risco?

Vamos fazer uma Análise mais aprofundada para ajudar na sua decisão. Primeiro, vamos dar uma olhada nos dados financeiros do Facebook.

Começando pelos Dividendos, que são os queridinhos do investidor aqui no Brasil, por proporcionarem uma renda passiva, o Facebook não paga Dividendos. O foco da companhia é absorver o seu lucro e reinvestir para ter um crescimento.

Na sequência, temos o múltiplo em 16,75. Com esta queda brusca que tivemos, o Papel começa a ficar com um Preço mais interessante.

Um número bastante considerável. Inclusive se comparado com a média de P/L das Ações aqui no Brasil. As Ações do Facebook podem ter espaço para se recuperarem agora nestes patamares.

O Valuation também ficou bom. O Valor Patrimonial por Ação é na casa de 45 dólares. Com a queda, o P/VP foi para 5,28. Também pode ser o momento de você comprar as Ações da companhia por um preço mais próximo da realidade.

A Curva de Lucro Por Ação pode ser o que o acionista busca em uma empresa para investir. É notória como ela se desenvolveu de forma ascendente, organizada e consistente nos últimos anos, sem formar aquela montanha-russa, de ganha e perde.

Este gráfico evidencia a boa atuação do Facebook no seu nicho e também, a boa gestão, capaz de otimizar o negócio para lucros crescentes.

Em termos de Dívida, não preocupa. A companhia tem mais caixa do que deve. Poderia até ser um pecado ousar falar que o Facebook corre algum risco de falência no momento. Mas nunca é demais ficar de olho neste indicador.

Por fim, ótimos números de rentabilidade e lucro, com a Margem Líquida, ROE e ROIC acima de 30%.

Na imagem abaixo você pode ver o DRE. Nos enche os olhos, com um aumento expressivo das receitas e dos lucros nos últimos anos, com custos controlados.

Também podemos ver uma curva de Margem Líquida estável. Desde 2013 acima de 20%.

Partindo-se para a Análise do Gráfico no período diário, notamos como a queda foi tão brusca que até se formou um GAP. Porém, neste momento, os preços testam uma região de interesse do Mercado, que pode funcionar como um suporte interessante.

Se tivermos uma confirmação da entrada dos compradores nos próximos dias, poderemos ter altas até o nível em torno de 297 dólares em um primeiro momento.

Se o rali continuar, a ponto de superar os 308 dólares, pode-se abrir espaço para o Papel testar a máxima em 384 dólares aproximadamente.

Agora é com você! Colocar estes números da balanço, considerar o seu risco a avaliar se pode ser a oportunidade que você esperava há algum tempo para comprar Facebook barato.

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.