Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Fique por dentro das 5 principais notícias do mercado desta quarta-feira

Economia23.10.2019 08:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters.

Investing.com - Mark Zuckerberg vai a Câmara dos Representantes defender seu projeto Libra, enquanto a União Europeia (UE) se prepara para conceder outro adiamento para o Brexit. O ministro da Energia da Rússia acaba com as esperanças de mais cortes na produção da OPEP+.

Enquanto isso, a Microsoft (NASDAQ:MSFT) e a Caterpillar (NYSE:CAT) lideram uma lista de milhares divulgando seus resultados no terceiro trimestre.

Aqui está o que você precisa saber sobre os mercados financeiros na quarta-feira, 23 de outubro.

1. Libra do Facebook na balança

O fundador e executivo-chefe do Facebook, Mark Zuckerberg, deve comparecer ao Comitê de Serviços Financeiros da Câmara, como única testemunha em uma audiência sobre seus planos para a moeda digital Libra.

A pressão dos senadores democratas levou um quarto dos apoiadores iniciais de Libra, incluindo todos os seus parceiros significativos no setor de pagamentos, a abandonar o projeto no início do mês.

No fim de semana, o executivo do Facebook encarregado de lançar o Libra, David Marcus, sugeriu que a empresa pode recuar de sua ambição de criar uma moeda global e, em vez disso, produzir uma série de stablecoins apoiadas em moedas individuais. Seus comentários foram feitos dois dias depois de um relatório do G7 que enumerava uma longa lista de preocupações regulatórias.

De acordo com argumentos preparados, Zuckerberg dirá que, se os reguladores bloquearem Libra, eles correm o risco de dar o controle do sistema financeiro global à China, que está trabalhando em projetos semelhantes.

2. Chefe de aeronaves comerciais da Boeing sai

O escândalo do 737 MAX fez sua vítima mais importante na Boeing (NYSE:BA), quando o chefe de aeronaves comerciais Kevin McAllister foi afastado definitivamente com efeito imediato. Ele será substituído pelo chefe de serviços Stan Deal.

A notícia chega poucos dias após revelações explosivas de que os pilotos de teste da Boeing estavam cientes de problemas com o sistema de controle de voo do MCAS já em 2016. Problemas com o MCAS foram responsáveis ​​por dois acidentes fatais do 737 MAX nos últimos 18 meses.

The Wall Street Journal citou fontes dizendo que a empresa está de olho em novas mudanças de pessoal. Não havia indícios de que Dennis Muilenburg, que foi destituído de suas funções como presidente no início deste mês, também possa ser forçado a deixar a cadeira do CEO.

A Boeing informa seus ganhos trimestrais antes da abertura do pregão.

3. Ações indicam abertura estável

Os futuros dos EUA devem abrir estáveis após os decepcionantes ganhos da Texas Instruments depois do fechamento de terça-feira, o que lançou um fardo sobre o setor de semicondutores, enquanto o acordo da Softbank para controlar o WeWork provocou uma reflexão séria sobre as startups deficitárias.

A Texas, que vende para uma ampla gama de setores, caía 9,8% nas negociações após o horário comercial, depois de reduzir as diretrizes de receita do quarto trimestre para cerca de 10% abaixo da previsão. Ela disse que "a maioria dos mercados enfraqueceu".

Às 8h48 (horário de Brasília), os futuros do Dow caíam 47 pontos, ou 0,18%, enquanto os S&P futuros tinham perdas de 0,21% e os futuros do Nasdaq 100 cediam 0,17%.

Outra ação em foco nesta manhã é a Snap (NYSE:SNAP), que caía 3,4% no pós-mercado, apesar de relatar uma melhoria no crescimento na receita e no número de usuários. A Lyft (NASDAQ:LYFT), por outro lado, deve abrir em alta depois que executivos disseram ao WSJ que a empresa será lucrativa um ano antes do que se pensava inicialmente.

A lista de ganhos de hoje é liderada pela Microsoft (NASDAQ:MSFT), que publica após o fechamento do mercado junto com a Ford Motor (NYSE:F), Equifax (NYSE:EFX), Paypal, eBay (NASDAQ:EBAY) e ServiceNow. Os primeiros anúncios incluiam a Anthem (NYSE:ANTM), que superou as expectativas marginalmente, assim como a Caterpillar, Thermo Fisher, Eli Lilly (NYSE:LLY) e General Dynamics (NYSE:GD).

4. Petróleo cai com comentários russos; estoques devem ser divulgados

O ministro da Energia da Rússia, Alexander Novak, derrubou os futuros de petróleo bruto depois de subestimar as sugestões de que o chamado grupo de exportadores de petróleo da OPEP+ poderia concordar com cortes mais profundos na produção quando revisar seus acordos atuais em dezembro.

O acordo atual, previsto para vigorar até março de 2020, agora é amplamente visto como insuficiente para manter o mercado global em equilíbrio, uma vez que com a desaceleração, a economia global não precisa de tanto petróleo quanto antes.

Novak disse que não havia uma proposta oficial para mudar o acordo, mas acrescentou que ele sempre pode ser aprimorado.

De qualquer forma, o petróleo estava em baixa, após sinais de outro grande crescimento nos estoques dos EUA na semana passada. O Instituto Americano de Petróleo registrou um aumento de 4,5 milhões de barris nos estoques de petróleo, mais do que o dobro do valor esperado para ser confirmado pelos números oficiais do governo, que devem ser entregues às 11h30 (horário de Brasília).

5. UE deve ser consultada sobre adiamento no Brexit

Os líderes da UE farão consultas sobre como responder ao pedido do governo do Reino Unido de prorrogar o prazo para o Brexit, depois que os legisladores tornaram impossível que o acordo da semana passada fosse promulgado antes do prazo de 31 de outubro.

A UE precisa aprovar qualquer aumento de prazo por unanimidade. Ainda não há sinais de que isso será negado, e o Parlamento da UE disse na quarta-feira que deveria ser aprovado. No entanto, existem dúvidas sobre o tamanho de qualquer adiamento. O governo solicitou um novo prazo para 31 de janeiro. Alguns sugeriram que o bloco estabelecesse um prazo mais curto, a fim de aumentar a pressão sobre o Reino Unido para que o Brexit fosse cumprido. Aqueles que querem manter a Grã-Bretanha na UE apostam no tempo, na esperança de que mais questionamentos sobre o acordo do primeiro-ministro Boris Johnson acabem expondo fraquezas decisivas.

A libra estava muito mais baixa em relação ao dólar e ao euro na posição intradiária de hoje na Europa.

Fique por dentro das 5 principais notícias do mercado desta quarta-feira
 

Artigos Relacionados

Privatização deve render R$ 16 bilhões a portos
Privatização deve render R$ 16 bilhões a portos Por Estadão Conteúdo - 28.11.2021 1

Demanda antiga de alguns investidores e do setor produtivo, a privatização das Companhias Docas e autoridades portuárias deve gerar, na primeira fase, investimentos de mais de R$...

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (1)
Ronaldo Cajares
Ronaldo Cajares 23.10.2019 9:59
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
“Farinhas do mesmo saco” assim é a meta da Libra e o projeto de moeda global chinesa. Embora de gestões diferentes. A moeda digital revelou-se excelente mecanismo de lavagem de dinheiro e terreno fértil para todo tipo de crime como as pirâmides financeiras, evasão de divisas, sonegação fiscal entre outras. A pergunta a ser feita quem controla, guarda e fiscaliza os dados e movimentações financeiras dos usuários? com quais critérios? Quem terá acesso a estas informações? Serão de disponibilidade pública? Acesso restrito? Enfim, perguntas simples e inocentes guardam grande valor econômico, estratégico e político. Sem falar óbvio dos questionamentos mais técnicos. Fala-se em moeda global etc e cadê a participação das nações? Num futuro, se assim continuar e permitir os adeptos dessas moedas serão mais um número com dados pessoais à mercê de um propósito. De resto Brexit com esperanças renovadas de um acordo e, de praxe, prorrogação do prazo. Leitura de dados em volatilidade é um risco.
Beyond Além
Beyond Além 23.10.2019 9:59
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Excelente visão, vejo de mesmo modo.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail