Últimas Notícias
Investing Pro 0
❤️ Ajude as vítimas do terremoto na Síria e na Turquia Doar

EUA: redes de fast food se unem para derrubar lei da Califórnia sobre novo mínimo

Ações 03.10.2022 08:14
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. EUA: redes de fast food se unem para derrubar lei da Califórnia sobre novo mínimo
 
MCD
-1,69%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
SBUX
-0,49%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
SBUB34
-1,14%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
MCDC34
-1,45%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
ZAMP3
+1,78%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 

McDonald’s Corporation (NYSE:MCD) (BVMF:MCDC34), Starbucks Corporation (NASDAQ:SBUX) (BVMF:SBUB34), Chipotle Mexican Grill (NYSE:CMG) (BVMF:C1MG34) e outras grandes redes de restaurantes estão se unindo para gastar milhões de dólares para tentar derrubar uma nova lei da Califórnia (EUA) que poderia definir o salário mínimo do Estado para a indústria de fast food em até US$ 22 por hora no próximo ano. A coalizão "Save Local Restaurants" disse na sexta-feira (30) que levantou US$ 12,7 milhões para combater a lei, conhecida como "Fast Recovery Act".

Marcas corporativas contribuíram com US$ 9,9 milhões e franqueados individuais doaram US$ 2 milhões, incluindo proprietários de redes KFC e McDonald's. As associações comerciais respondem pelo resto, segundo a coalizão. "Os californianos vão arcar com o custo desta nova lei, então é justo que eles digam se ela deve ser mantida", disse Matthew Haller, presidente da Associação Internacional de Franquias.

Gavin Newsom, porta-voz do governador da Califórnia e um democrata que assinou o "Fast Recovery Act" em lei em 1º de setembro, não quis comentar.

O McDonald's contribuiu com cerca de US$ 360.000, enquanto vários franqueados individuais da rede doaram separadamente milhares de dólares cada. Burger King (BVMF:BKBR3), Subway e Domino's Pizza doaram US$ 250.000 cada, enquanto Wendy's contribuiu com US$ 150.000, mostra o arquivo.

O salário mínimo atual da Califórnia é de US$ 15 por hora e deve aumentar em 50 centavos no próximo ano. A lei exige que a Califórnia crie um conselho de dez pessoas, incluindo trabalhadores, representantes sindicais, empregadores e defensores de empresas, que poderia definir um salário mínimo para trabalhadores de fast food no próximo ano de até US$ 22 e reajuste anual com base na inflação.

A lei se aplicaria a redes de fast food com mais de 100 locais em todo o país. Também proíbe os operadores de retaliar funcionários que fizerem reclamações e estabelece estrutura para a reintegração de salários atrasados ou emprego para aqueles que o fizerem.

Os opositores precisarão enviar cerca de 623.000 assinaturas de eleitores válidas até 4 de dezembro para suspender a lei e se qualificar para um referendo na votação de novembro de 2024, segundo o Estado. Os apoiadores do referendo geralmente gastam milhões de dólares na Califórnia para reunir as assinaturas necessárias para entrar nas urnas e normalmente precisam coletar mais do que o mínimo, pois funcionários eleitorais podem desqualificar algumas.

Os defensores da lei também precisam coletar assinaturas de dez mil funcionários de restaurantes de fast food para estabelecer oficialmente o conselho. O Sindicato Internacional dos Empregados de Serviço, que deve desempenhar um grande papel na coleta de assinaturas, se recusou a comentar sobre seus esforços. Fonte: Dow Jones Newswires.

EUA: redes de fast food se unem para derrubar lei da Califórnia sobre novo mínimo
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail