Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

BB, Bradesco, Itaú e Santander: Análise dos Resultados do 1T21 dos Grandes Bancos

Por Eduardo GuimarãesAções11.05.2021 08:41
br.investing.com/analysis/analise-dos-resultados-do-1t21-dos-grandes-bancos-200441851
BB, Bradesco, Itaú e Santander: Análise dos Resultados do 1T21 dos Grandes Bancos
Por Eduardo Guimarães   |  11.05.2021 08:41
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

Na coluna de hoje vou falar sobre os resultados do 1T21 dos grandes bancos: Santander Brasil (SA:SANB11), Itaú Unibanco (SA:ITUB4), Bradesco (SA:BBDC4) e Banco do Brasil (SA:BBAS3), comentando sobre os principais fundamentos do resultado e os impactos no preço das ações no curto prazo.

Em linhas gerais o lucro líquido reportado pelos bancos veio cerca de 10 por cento acima do esperado pelo mercado no 1T21, muito devido às perspectivas pessimistas com os bancos no trimestre, mas também porque alguns indicadores mostraram evolução positiva.

LEIA MAIS: Bancos privados lucram mais do que em 2019 e 2020

Resumo Resultados 1T21

A minha análise dos resultados dos bancos leva em consideração os seguintes pontos: i) custo do crédito, provisão para devedores duvidosos (PDD) e inadimplência; ii) crescimento da carteira de crédito; iii) comportamento da margem financeira líquida com clientes; iv) receita de serviços em queda devido ao aumento da concorrência e; v) redução nas despesas operacionais, com fechamento de agências e cortes de despesas com pessoal.

Esses pontos acima são os principais drivers para os resultados dos bancos, com o crescimento do lucro líquido e aumento do retorno sobre o patrimônio líquido.

Em termos gerais eu diria que os melhores resultados, na ordem do mais forte e acima do consenso para o menos forte, foram: Banco do Brasil, Santander Brasil, Bradesco e Itaú Unibanco.

Na parte final eu comento um pouco sobre múltiplos (valuation) dos bancos, principais catalisadores das ações e qual o impacto da reversão de provisões (PDD) no lucro dos bancos que deixa os múltiplos ainda mais atrativos, pois as ações estão com desempenho inferior ao Ibovespa em 2021.

Santander Brasil

De forma geral, o resultado do Santander Brasil veio um pouco acima do esperado, com a redução do custo de crédito, sem PDD complementares, com recuperação de rentabilidade medido pelo retorno sobre o patrimônio líquido (ROE). As ações (SANB11) fecharam em forte alta de 8,1 por cento no dia 28 de abril repercutindo esse resultado mais forte.

O resultado veio 9 por cento acima do esperado em termos de lucro líquido que totalizou 4,012 bilhões de reais. O retorno sobre capital próprio (ROE) foi de 20,9 por cento, mantendo-se em patamares relativamente próximos aos vistos antes da crise da Covid-19, porém ainda abaixo dos 22,3 por cento observados no mesmo trimestre de 2020.

Mais uma vez não houve provisão extraordinária para devedores duvidosos (PDD), as provisões atingiram 3,2 bilhões de reais, uma queda de 7,7 por cento na comparação anual. Assim, o custo do crédito representou 2,6 por cento da carteira de crédito no trimestre (2,5 por cento no 4T20).

Itaú Unibanco

O lucro líquido do Itaú foi de 6,4 bilhões de reais, 9 por cento acima do esperado pelo mercado, com destaque para a melhora da rentabilidade (ROE) de 18,5 por cento (16,1 por cento no 4T20).

O ROE caiu muito no 1T20, atingindo 12,8 por cento e mostrou uma evolução gradual em todos os trimestres subsequentes, mas ainda muito abaixo do ROE visto em 4T19 de 23,7 por cento, pré-pandemia.

A provisão para devedores duvidosos, conhecida como PDD, também teve melhora sequencial, com queda de 21,4 por cento em relação a 4T20 e uma melhora de 57,3 por cento em relação ao mesmo trimestre do ano anterior. A redução nas provisões indica um cenário macroeconômico melhor, especialmente em relação ao final do 1T20, quando os efeitos da Covid-19 ainda eram muito incertos.

Um dos pontos a se destacar do resultado foi a capacidade de controle de custos da companhia, com uma queda nas despesas operacionais de quase 1 bilhão de reais, uma queda de 6,6 por cento em relação ao último trimestre, apesar de um crescimento de 3,2 por cento em relação ao 1T20.

Bradesco

O lucro líquido recorrente foi de 6,5 bilhões de reais no trimestre, 6 por cento acima do consenso de mercado, continuando a tendência vista ao longo de 2020 após a queda do primeiro trimestre após o início da pandemia.

O crescimento anual no lucro líquido de 73,6 por cento com relação ao 1T21, impulsionou o retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) a patamares próximos aos vistos em 2019, atingindo 18,7 por cento no trimestre, uma melhora significativa aos 11,7 por cento vistos no 1T20.

As provisões para devedores duvidosos expandida (PDD), maior motivo para forte queda no lucro dos bancos em 2020, atingiu 3,9 bilhões de reais, representando uma queda de 14,5 por cento em relação ao último trimestre e uma queda de 41,8 por cento em relação ao 1T20.

O Bradesco se mostrou focado em melhorar sua eficiência com uma queda de 4,7 por cento nas despesas operacionais no trimestre quando comparado com 1T20, um bom número, mas que apresenta uma desaceleração em relação a redução anual de 9,3 por cento vista no trimestre anterior.

Banco do Brasil

O lucro líquido ajustado totalizou 4,9 bilhões de reais no 1T21, representando um crescimento de 44,7 por cento comparado ao 1T20 e 33 por cento superior ao 4T20. O retorno sobre patrimônio líquido (ROE) foi 15,1 por cento no trimestre, uma melhora de 2,6 pontos percentuais na comparação anual.

O BB apresentou um melhor resultado também em suas provisões para devedores duvidosos (PDD), com queda de 54,2 por cento na comparação anual, atingindo 2,5 bilhões de reais.

O bom resultado de lucro pode ser atribuído, além do forte crescimento da margem financeira líquida (crescimento de 33 por cento em relação ao 4T20), ao controle de despesas operacionais, uma vez que o banco apresentou uma queda de 4,8 por cento nas despesas administrativas em relação ao 4T20, atingindo 7,7 bilhões de reais.

Valuation

As ações dos grandes bancos, exceto Banco do Brasil, estão sendo negociadas a múltiplos preço/lucro 2021 entre 9 e 10 vezes.

Em relação ao múltiplo preço/valor patrimonial da ação (P/VPA) a faixa é de 1,7 a 1,9 vezes.

Potencial de valorização com a reversão da PDD

Acredito que os grandes bancos brasileiros, principalmente Itaú e Bradesco, são sempre bastante conservadores nas provisões para perdas com crédito, a chamada provisão para devedores duvidosos (PDD).

Os quatro bancos fizeram provisões (PDD) no valor total de 90,4 bilhões de reais em 2020, sendo 29,9 bilhões do Itaú, 25,8 bilhões do Bradesco, 22,1 bilhões do Banco do Brasil e apenas 12,6 bilhões do Santander.

Com a retomada da economia, crescimento da concessão de crédito e com manutenção da inadimplência em níveis controlados, acredito que os bancos poderão fazer reversão das provisões (PDD) ao final de 2021, o que de certa forma já pode ser observado nos resultados do 1T21, especialmente nos casos de Banco do Brasil e no Santander.

Essa reversão de provisões (PDD) feitas em 2020 vai significar aumento nos lucros dos bancos em 2021 e eu acredito que o potencial de revisão para cima nos lucros do Itaú e Bradesco é maior devido ao maior tamanho das PDD’s destes bancos mais conservadores.

Somente como exercício: assumindo que os bancos irão reverter 15 por cento das provisões constituídas em 2020, o aumento no lucro líquido projetado (consenso) de 2021 é de 16 por cento na média.

Impacto da reversão da PDD nos lucros

A revisão para cima nos lucros dos bancos vai tornar as ações ainda mais atrativas em termos de valuation, com múltiplos preço/lucro 2021 variando de 8,0 a 8,6 vezes (9,2 a 10,1 vezes anteriormente, exceto Banco do Brasil).

Dividendos

Assumindo que os bancos deverão distribuir 50 por cento dos lucros em 2021, o retorno em dividendos (yield) projetado é de pelo menos 5 por cento para os grandes bancos (exceto Banco do Brasil).

Informações de mercado

Conclusão

Acredito que existe uma assimetria com as ações dos grandes bancos na Bolsa, pois parece que todas as más notícias estão incorporadas no preço das ações, mas a potencial revisão para cima no lucro em 2021 parece ainda não ter sido incorporada nas perspectivas de mercado.

As ações de setor de bancos ficaram para trás em 2021: Banco do Brasil (- 23,2 por cento), Bradesco (- 2,4 por cento), Itaú (- 12,5 por cento) e Santander Brasil (- 12,6 por cento), com desempenho inferior ao Ibovespa (+0,8 por cento).

Quando olho para o valuation das ações dos bancos, os múltiplos parecem atrativos em termos de preço/lucro, podendo ficar ainda mais baratos se for considerada a reversão da PDD e a revisão para cima do consenso de lucros. Adicionalmente, existe ainda a possibilidade de bons ganhos com dividendos e recompra de ações dos bancos em 2021 (o Bradesco acabou de aprovar o seu programa).

Por último, não recomendo o investimento nas ações do Banco do Brasil, por ser uma empresa estatal e sujeita às interferências políticas na gestão do banco e em outras estatais, o que elevou muito risco do investimento, mesmo com os múltiplos mais baixo. Neste momento, não tem nenhuma ação de empresa estatal nas carteiras de ações da Levante.

BB, Bradesco, Itaú e Santander: Análise dos Resultados do 1T21 dos Grandes Bancos
 

Artigos Relacionados

BB, Bradesco, Itaú e Santander: Análise dos Resultados do 1T21 dos Grandes Bancos

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (13)
Andre T Silva
Andre T Silva 19.05.2021 22:10
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O analista monta uma analise mostrando q BBAS3 esta sendo negociado a 0.61 VP.... e conclui que não vale a pena comprar o papel
Beto Valente
Beto Valente 12.05.2021 14:41
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Qdo analistas direcionam para vc sair ou nao entrar no papel, é a hora exata de comprar!!! Kkkkk
Marcus Dantas
Marcus Dantas 11.05.2021 22:20
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Um desastre essa conclusão sobre o BB. Parece até que está sendo pago para falar mal do BB. Olhe os fundamentos: BB é uma excelente opção.
José Artur Medina
José Artur Medina 11.05.2021 22:20
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se a empresa tem dificuldade em fechar agências e demitir funcionários, não não é uma excelente opção. Se a empresa sobre influência de narrativas, não , não é uma excelente opção.
José Rossetto
José Rossetto 11.05.2021 12:09
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
BB...CEO já afirmou não haverá interferência política e como paga altos dividendos fica preferido pelos estrangeiros
José Artur Medina
José Artur Medina 11.05.2021 12:09
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ele vai matar o Bozo?(só assim para não influenciar politicamente)
Wanderson Emilio
Wanderson Emilio 11.05.2021 11:38
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Sanb11 🚀
Alberto Júnior
Alberto Júnior 11.05.2021 11:01
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Hoje o Banco do Brasil BBAS3 é a melhor oportunidade de investimento. Vai pagar 8.7% de dividendos esse ano e apresentou resultado acima do esperado. BBAS3 ↗️
José Artur Medina
José Artur Medina 11.05.2021 11:01
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
"Tem que ver isso aí, tá OK ?"
Paulo Vicente
Paulo Vicente 11.05.2021 11:00
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Muito boas informações.
Walinton Martins
Walinton Martins 11.05.2021 10:41
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bradesco é o melhor banco
José Artur Medina
José Artur Medina 11.05.2021 10:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Banco do Brasil está cheia de "companheiros" que não podem ser demitidos, além de sofrer influência direta de qualquer fala do Bozo. Sanb11 de longe é mais adaptada aos novos desafios produzidos pelas fintechs
Carlos Kettermann
Carlos Kettermann 11.05.2021 10:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Muito bem colocado. Excelente matéria.
Marlon Sambeca
Marlon Sambeca 11.05.2021 10:21
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Banco do brasil e bbseguridade e o melhor sem duvidias e o mais baratos no senario atual
Renan Scaini
Renan Scaini 11.05.2021 10:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Banco do brasil hoje é a açao mais descontada dos bancões
Candido Bizzotto
CandidoBR 11.05.2021 9:43
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
kkkkk, não é o Lula-Dilma que estão no governo!!
CLAUDIO HA
CLAUDIO HA 11.05.2021 9:43
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
mas é o reflexo deles.. infelizmente estamos pagando a conta agora, mas está melhor agora do que antes,  melhorará muito mais !!
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail