Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Black Friday Também nas Commodities!

Por Archer Consulting (Arnaldo Luiz Corrêa)Commodities29.11.2021 09:00
br.investing.com/analysis/black-friday-tambem-nas-commodities-200446214
Black Friday Também nas Commodities!
Por Archer Consulting (Arnaldo Luiz Corrêa)   |  29.11.2021 09:00
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

Uma nova e mais contagiosa cepa da covid-19 identificada na África do Sul sacudiu os mercados internacionais nesta sexta-feira, numa semana encurtada pelo feriado de Ação de Graças nos EUA, trazendo pânico entre os investidores e a consequente fuga acelerada dos ativos de risco.

O petróleo Brent chegou a negociar a 72 dólares por barril, queda superior a 11%. Junto com ele, outras commodities vivenciaram perdas expressivas, como o petróleo WTI, a gasolina RBOB, o diesel, todos acima de 10%. Os grãos e as softs commodities tiveram quedas médias de 2% e 4%, respectivamente. Ninguém pode reclamar que não aproveitou da semana de ofertas do Black Friday.

O mercado futuro de açúcar em NY não poderia ficar incólume num ambiente macro tão deteriorado e encerrou a sexta-feira, no pregão pós-feriado, cotado a 19.40 centavos de dólar por libra-peso (depois de bater a mínima de 19.15) no vencimento março/22, acumulando uma perda de 77 pontos em relação à semana anterior, equivalente a 17 dólares por tonelada. A perda média nos vencimentos de maio/22 até março/23 foi de 69 pontos, cerca de 15 dólares por tonelada. Na 23/24, 26 pontos apenas, ou 5.50 dólares por tonelada.

Já os valores equivalentes dos fechamentos dos contratos futuros de NY que cobrem as safras 22/23 e 23/24 do Centro-Sul, minguaram R$ 58 e R$ 42 por tonelada em relação à semana anterior. O vencimento março/22 derreteu mais de R$ 100 por tonelada na semana, reforçando nossa tese de que não fixar preços em reais por tonelada (acompanhados pela compra de uma opção de compra fora-do-dinheiro com preço de exercício 200-250 pontos acima do mercado) é um risco desnecessário com consequências trágicas para o balanço anual.

No comentário da semana passada dissemos que o “receio é ver o mercado cair no vazio por conta de eventos que não conseguimos enxergar e caso ocorram, temos a sensação de premência que muitas vezes nos obriga trocar o pneu do carro em movimento”. Sem vocação alguma para pitonisa meu objetivo é sempre levar aos meus improváveis leitores o conceito de que a gestão de risco não pode ser tratada com preterição, mas como prioridade absoluta. De que adianta ter ganhos efetivos na área agrícola e na indústria se na hora de fazer o hedge é um desastre?

Parece duvidoso que a combinação de real fraco e açúcar forte persista por um longo tempo. Os valores recentes em reais por tonelada comparados aos últimos 5 e 10 anos, corrigidos pelo IPCA, só foram ultrapassados em 5% e 2.5% das vezes ao longo do período analisado. A chance de seu hedge dar certo é de 40:1, ou na pior das hipóteses, 20:1.

Para quem está no mercado de commodities há muito tempo sabe da ciclicidade do mesmo. Preços baixos por um longo período de tempo inibem a produção, provocam rupturas e mudança de culturas (de um produto para outro mais rentável) até que a escassez se faz presente com a elevação dos preços por parte de consumidores ávidos em ter o produto. Escassez provoca preços altos que incentivam o aumento da produção nas safras seguintes, com a formação de estoque e até novos entrantes produzindo para poder participar dos preços remuneradores que o mercado oferece. Isso funciona assim desde que o mundo é mundo.

Dessa forma, commodities raramente ficam um longo período com margens tão atraentes, com exceção daqueles lapsos de déficit de produção, geada, seca e outros fatores que não parecem ser os protagonistas nesse momento. Mesmo com a elevação substancial de cerca de 40% nos custos de produção de açúcar no Centro-Sul e assumindo uma margem sobre o custo de caixa de aproximadamente 25%, isso daria hoje R$ 2,000 por tonelada FOB equivalentes a NY ao redor de 15.50 centavos de dólar por libra-peso. Esse tipo de cautela que as usinas deveriam ter em mente.   

Os consumidores industriais de açúcar podem vender opção de venda no-dinheiro e embolsar o prêmio diminuindo assim o custo de aquisição da matéria prima caso sejam exercidos. Uma put (opção de venda) de preço de exercício 19.50 centavos de dólar por libra-peso negociou a 0.92 centavos, se o consumidor for exercido terá comprado um açúcar a 18.58 centavos de dólar por libra-peso. Se não for – porque o mercado expirou acima do preço de exercício – pelo menos embolsou o prêmio

A Câmara aprovou uma MP (Medida Provisória) que permite a venda direta de etanol do produtor ou do importador para os postos. O que isso representa para o mercado? Nada, absolutamente nada. A vanguarda do atraso que se instalou em Brasília vai capitalizar em cima disso propagando que a medida vai baratear o preço do combustível na bomba. Com a queda do petróleo e o real levemente mais forte em relação ao dólar, o que vai ocorrer em breve é uma redução no preço da Petrobras (SA:PETR4) na refinaria, que já pode ser de pelo menos R$ 0,25 por litro. Os menos avisados vão acreditar que é o governo que “está trabalhando para isso”. Conversa mole.

As exportações brasileiras de açúcar alcançaram 28.4 milhões de toneladas no acumulado de doze meses compreendendo o período de novembro de 2020 até outubro de 2021. Esse volume é apenas 0.7% acima do mesmo período do ano anterior. Nos sete meses da safra 21/22 (de abril a novembro) o volume atinge 16.9 milhões de toneladas de açúcar, uma redução de 28% em relação ao mesmo período da safra passada que bateu 23.5 milhões de toneladas. Pelo ritmo das exportações esse ano, acreditamos que o Brasil vai exportar no máximo 24 milhões de toneladas.   

Black Friday Também nas Commodities!
 

Artigos Relacionados

Black Friday Também nas Commodities!

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail