⌛ Perdeu a alta de 13% da ProPicks em maio? Assine agora e receba mais cedo as ações de Junho.Desbloquear ações

S&P 500 continuará brilhando? Padrões técnicos sugerem mês positivo pela frente

Publicado 04.03.2024, 13:41
UK100
-
FCHI
-
DJI
-
US2000
-
DE40
-
ES35
-
STOXX50
-
IT40
-
JP225
-
BA
-
CVX
-
MSFT
-
GS
-
MCD
-
JBLU
-
AMZN
-
AMGN
-
XOM
-
CRM
-
WBA
-
UNH
-
IXIC
-
8031
-
8053
-
8058
-
ITOCY
-
MARUY
-
UBER
-
  • Neste artigo, vamos mostrar dois sinais que apontam para uma alta do S&P 500, o principal índice da bolsa americana.
  • Também vamos comentar as mudanças recentes no Dow Jones, o índice que reúne as maiores empresas dos EUA, e que desafiam uma crença comum entre os investidores.
  • E ainda vamos revelar as ações que podem puxar o Dow Jones para cima neste ano.
  • Invista com o poder da inteligência artificial (IA) e os melhores dados financeiros com o InvestingPro. Use o seu cupom INVESTIR e aproveite o desconto nos planos de 1 e 2 anos do Pro e Pro+! Saiba mais >>>
  • Março pode ser um mês de ganhos para o S&P 500, indicam padrões históricos. Essas tendências se repetiram várias vezes no passado, mas não há garantia de que se confirmem desta vez.

    Os dois sinais históricos são os seguintes:

    • Primeiro, quando o S&P 500 subiu em novembro, dezembro, janeiro e fevereiro, ele nunca caiu nos 12 meses seguintes. Em março, o ganho médio foi de +2,1%. Nos 10 meses seguintes, o ganho médio foi de +14,9%, e nos 12 meses seguintes, foi de +17,4%.
    • Segundo, quando o S&P 500 subiu em janeiro e fevereiro, ele subiu 27 de 28 vezes desde 1950 nos 12 meses seguintes. Em março, o ganho médio foi de +1,40%. Nos 10 meses seguintes, o ganho médio foi de +12,2%, e nos 12 meses seguintes, foi de +14,80%.

    Dow passa por mudanças

    Enquanto isso, o Dow Jones está passando por algumas mudanças. A Amazon (NASDAQ:AMZN) vai entrar no lugar da Walgreens (NASDAQ:WBA), e a Uber (NYSE:UBER) vai substituir a JetBlue (NASDAQ:JBLU).Evolução

    A Walgreens está saindo por causa da sua baixa rentabilidade, que caiu -58,22% desde que entrou no índice. Em contraste, a Amazon disparou +178.602% desde que estreou na bolsa e entrou no índice.

    Muitos investidores acreditam que entrar em um índice ajuda as ações, enquanto sair prejudica. A lógica é que quando uma ação entra em um índice importante, os fundos que seguem o índice precisam comprar suas ações para acompanhar o desempenho. Por outro lado, quando uma ação sai, os fundos não precisam mais manter suas ações.

    No entanto, essa crença nem sempre se confirma. Por exemplo, a última vez que o Dow Jones mudou foi há quase quatro anos, com a Salesforce (NYSE:CRM) entrando no lugar da Exxon Mobil (NYSE:XOM). Desde então, as ações da Exxon Mobil tiveram um retorno anualizado de +36%, contra +9% da Salesforce.

    Segundo um estudo de Jeremy Siegel e Jeremy Schwartz, as empresas que saíram do S&P 500 (1957-2003) tiveram, em média, um desempenho melhor do que as empresas que entraram no índice. Tendências parecidas foram observadas com ações saindo do Russell 2000 (1979-2004) em comparação com as que entraram.

    Na verdade, a lógica por trás das mudanças nos índices nem sempre se sustenta. Por isso, devemos ter cuidado ao assumir que essa regra sempre vale. Quais ações do Dow Jones podem liderar os ganhos este ano? Wall Street tem uma lista de ações que podem impulsionar o Dow Jones este ano.

    Veja as ações que mais contribuiriam para a alta do Dow Jones este ano, junto com o peso no índice:

    • UnitedHealth (NYSE:UNH) +16%
    • Microsoft (NASDAQ:MSFT) +14%
    • Boeing (NYSE:BA) +28%
    • McDonald's (NYSE:MCD) +11%
    • Amazon +17,5%
    • Chevron (NYSE:CVX) +17%
    • Goldman Sachs (NYSE:GS) +6,5%
    • Amgen (NASDAQ:AMGN) +9%

    Nikkei 225: O índice pode manter sua trajetória de alta histórica?

    Depois de mais de 30 anos, o Nikkei 225 finalmente bateu novos recordes e superou os níveis anteriores alcançados em dezembro de 1989. O índice passou dos 40.000 pontos pela primeira vez.

    Vale lembrar que, no seu pico em 1989, o Japão tinha um índice CAPE de 78, sinalizando uma bolha, contra um CAPE de 18 para o mercado acionário dos EUA na época.

    Há meses, Warren Buffett já demonstrou seu interesse pelo mercado acionário japonês ao elevar sua fatia em 5% nestas cinco empresas:

    Ranking do Mercado Acionário Até Agora em 2024:

    Veja como estão os principais mercados acionários do mundo até agora em 2024:

    Sentimento dos Investidores (AAII)

    O otimismo dos investidores, ou seja, a expectativa de que as ações subam nos próximos seis meses, aumentou para 46,5% e ficou acima da média histórica de 37,5%.

    O pessimismo dos investidores, ou seja, a expectativa de que as ações caiam nos próximos seis meses, diminuiu para 21,3% e ficou abaixo da média histórica de 31%.

    ***

    Invista nas ações do S&P 500 como os grandes fundos usando o ProPicks

    Institucionais e bilionários já estão usando a inteligência artificial (IA) para se destacar no mercado, e você?

    Agora, você também pode fazer o mesmo com ProPicks, nova ferramenta de seleção de ações baseada em IA do InvestingPro.

    Com as nossas seis estratégias, incluindo a campeã "Titãs da Tecnologia", que rendeu incríveis 1.427,8% a mais que o mercado nos últimos dez anos, você terá acesso às melhores ações do mercado todo mês.

    Garanta um superdesconto em sua assinatura aqui, não se esqueça de inserir o cupom INVESTIR e comece agora a investir como os profissionais!

    Aviso: este artigo tem fins meramente informativos e não constitui qualquer oferta ou recomendação de investimento.

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.