Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Fique por dentro das 5 principais notícias do mercado desta quinta-feira

Ações11.03.2021 09:26
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

Por Geoffrey Smith e Ana Carolina Siedschlag

Investing.com - Câmara de Deputados aprova em primeiro turno a versão desidratada da PEC Emergencial, enquanto, nos EUA, o Congresso passa o pacote de ajuda trilionário do governo Biden. O Tesouro americano finaliza a gigantesca venda de títulos dessa semana com um leilão de títulos de 30 anos, em um cenário bem menos estressado por conta de números mornos para a inflação.

Os pedidos de seguro-desemprego dos EUA saem às 10h30, enquanto o Banco Central Europeu divulga a decisão de política monetária, seguida de coletiva de imprensa da presidente Christine Lagarde.

Aqui está o que você precisa saber sobre os mercados financeiros na quinta-feira, 11 de março.

CONFIRA: Calendário Econômico completo do Investing.com

1. Câmara vota PEC Emergencial; Congresso americano aprova pacote

A Câmara dos Deputados concluiu na madrugada desta quinta-feira a votação em primeiro turno da PEC Emergencial, com alterações, caso da retirada de trecho que previa desvinculação de recursos da Receita em caso de crise fiscal. Os deputados ainda devem votar a PEC em um segundo turno, o que está previsto para acontecer nesta quinta.

Nos EUA, a Câmara dos Representantes concluiu a aprovação do pacote de US$ 1,9 trilhão em alívio econômico contra os efeitos da Covid-19, que deve ser sancionada hoje pelo presidente Joe Biden.

LEIA MAIS: Em meio a recorde de mortes e "volta" de Lula, Bolsonaro muda discurso de enfrentamento à pandemia

2. Ações em alta nos EUA e no Brasil

Com isso, perto das 9h19, o contrato Nasdaq 100 Futuros subia 1,62%, enquanto o S&P 500 Futuros e o Dow Jones Futuros avançavam respectivamente 0,3% e 0,64%.

Por aqui, o Ibovespa Futuros abriu em alta de 0,85%, enquanto o EWZ (NYSE:EWZ), principal ETF brasileiro negociado em Nova York, subia 2,72%.

As ações que provavelmente estarão em foco mais tarde nos EUA incluem American Airlines ({{NASDAQ:AAL) (SA:AALL34), na esteira da maior venda de dívida de uma companhia aérea, e Tesla (NASDAQ:TSLA) (SA:TSLA34), que supostamente aumentou os preços de alguns de seus modelos.

Por aqui, Eneva (SA:ENEV3) e Braskem (SA:BRKM5) devem refletir os balanços divulgados na véspera, enquanto o setor de siderurgia pode se recuperar dos recuos dessa semana após o minério de ferro voltar a subir na China.

ABERTURA: Ibovespa Futuros abre em alta com aprovação da PEC Emergencial e estímulos nos EUA

3. Tesouro americano conclui gigantesca venda de títulos após pedidos de seguro-desemprego

A etapa final da gigantesca venda de títulos do Tesouro dos EUA ocorre às 15h, horário de Brasília, em um cenário muito mais fácil do que se temia no início da semana. O Tesouro vai leiloar títulos de 30 anos em um nível mais de 10 pontos-base abaixo do que o mercado estava negociando no início da semana.

Isso foi possível graças aos moderados dados de inflação de fevereiro, lançados na quarta-feira (10), que tranquilizaram muitos de que a temida retirada do estímulo monetário não é um problema por enquanto.

O único grande teste do sentimento do mercado de títulos deve ser os dados semanais de pedidos de seguro-desemprego, em que uma queda de 20.000 nos pedidos iniciais é esperada, para 725.000.

4. Lagarde anda na corda bamba na coletiva de imprensa do BCE

O Banco Central Europeu tem a reunião regular de política monetária em um momento em que a desvalorização do euro e a estabilidade dos mercados de títulos eliminaram qualquer pressão que pudesse ter sentido para agir.

Como tal, o foco do mercado provavelmente será na coletiva de imprensa da presidente Christine Lagarde, em que os jornalistas devem questionar o que seria necessário para o BCE mudar o ritmo de suas compras de títulos.

Dados divulgados na terça-feira mostraram que o BCE realmente intensificou as compras de títulos há duas semanas para conter o forte aumento nos rendimentos. No entanto, isso foi mascarado pelo alto volume de resgates no âmbito de um programa de compra de títulos de uma década atrás.

Provavelmente também haverá dúvidas se a virada para cima nas infecções por Covid-19 em alguns países da zona do euro representa um novo risco para uma economia que já está defasada em relação aos EUA e ao Reino Unido este ano devido ao lento progresso nas vacinações.

5. Petróleo ignora aviso russo; relatório da Opep no radar

Os preços do petróleo bruto subiram em linha com outros ativos de risco, puxados para cima pelo otimismo renovado nos mercados de ações dos EUA e da China (este último também elevou os preços dos metais básicos durante a noite).

O mercado ignorou os comentários do ministro do petróleo da Rússia, sugerindo um aumento maior na oferta da Opep e seus aliados, a fim de evitar a perda de participação de mercado para outros produtores (principalmente os EUA)

A Opep deve publicar seu relatório mensal sobre o mercado global de petróleo mais tarde, o que irá adicionar mais contexto às oscilações nos estoques dos EUA registradas nas últimas duas semanas. Os futuros do WTI subiam 1,12%, a US$ 65,16 o barril, enquanto os do Brent avançavam 1,25%, a US$ 68,75 o barril.

Fique por dentro das 5 principais notícias do mercado desta quinta-feira
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (7)
Rodrigo Matos
Rodrigo Matos 11.03.2021 12:32
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
100k em breve
Diogo viveiros
Diogo viveiros 11.03.2021 12:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Estamos lascado..
Diogo viveiros
Diogo viveiros 11.03.2021 12:15
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Estamos casa vez mais ferrados.
José Carlos da Silva
José Carlos da Silva 11.03.2021 10:04
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Desculpa, quando aqui para!
José Carlos da Silva
José Carlos da Silva 11.03.2021 10:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Eu também queria entender, lá fora as petroleiras param o preço sobe, aqui cai!
André Franci
AF1982 11.03.2021 9:54
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Simplificou de forma pouco inteligente. Injetar dolar é bem diferente de injetar real na economia, só pra começar...
André Ramos Vieira
André Ramos Vieira 11.03.2021 9:45
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
lá eles ficam felizes com o governo injetando dinheiro na economia. aqui vocês ficam felizes com o governo saindo da economia.parabéns aos envolvidos, por isso somos pobres e eles desenvolvidos
Mostrar respostas anteriores (2)
Kenji Kawakami
Kenji Kawakami 11.03.2021 9:45
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
No caso, o “vocês” que se refere sao os mesmos.
Douglas Santos
Douglas Santos 11.03.2021 9:45
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
lá o governo tem reserva para entrar na economia enquanto aqui o governo toma dívida (que já é altíssima) para incentivar a economia. Se o governo brasileiro não parar de tomar dívida a cada ano uma fatia maior do PIB será para pagar juros da dívida e indo neste caminho, em poucos anos estaremos igual a Venezuela
Douglas Santos
Douglas Santos 11.03.2021 9:45
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
lá o governo tem reserva para entrar na economia enquanto aqui o governo toma dívida (que já é altíssima) para incentivar a economia. Se o governo brasileiro não parar de tomar dívida a cada ano uma fatia maior do PIB será para pagar juros da dívida e indo neste caminho, em poucos anos estaremos igual a Venezuela
Guilherme Enrico Geraldi
Guilherme Enrico Geraldi 11.03.2021 9:45
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
quando citam Venezuela eu paro de ler. Infelizmente tive que ler tudo, pq o Venezuela estava no final....kkkkk
Marcus Guilherme Marcus
Marcus Guilherme Marcus 11.03.2021 9:45
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Coisas totalmente distintas injetar dinheiro na economia em uma pandemia e ter estado dono de empresas ( nosso caso e dos paisese sub desenvolvidos)
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail