Libere dados premium: até 50% de desconto InvestingProGARANTA JÁ SUA OFERTA

Fique por dentro das 5 principais notícias do mercado desta quinta-feira

Publicado 14.07.2022, 07:46
© Investing.com
IT40
-
MSFT
-
JPM
-
EWZ
-
MS
-
ESU24
-
1YMU24
-
NQU24
-
NFLX
-
ERICAs
-
TSM
-
9983
-
ETHc1
-
BTC/USD
-
ETH/USD
-
CEL/USD
-

Por Geoffrey Smith e Jessica Bahia Melo

Investing.com - O JPMorgan dá início à temporada de lucros do segundo trimestre, enquanto os dados de inflação de preços ao produtor e os números de pedidos por seguro-desemprego irão aumentar o drama inflacionário de quarta-feira.

As ações devem abrir em baixa, embora os ganhos de madrugada dos líderes do setor Uniqlo e Taiwan Semiconductor tenham sido melhores do que o esperado.

As ações e títulos da Itália caem quando Mario Draghi ameaça deixar o cargo de primeiro-ministro, e a Celsius Network finalmente pede proteção contra falência.

No Brasil, há previsão de pagamento de benefícios adicionais em agosto.

Aqui está o que você precisa saber nos mercados financeiros na quinta-feira, 14 de julho.

CONFIRA: Calendário Econômico do Investing.com

1. A temporada de balanços bancários começa

A temporada de balanços começa a ficar séria nos EUA com a divulgação dos resultados do JPMorgan's (NYSE:JPM) (BVMF:JPMC34). Haverá muito o que descompactar no comunicado do maior banco dos EUA, geralmente um indicador das fortunas da economia em geral.

Os investidores vão olhar até que ponto os avisos apocalípticos do CEO Jamie Dimon para a economia mundial se traduzem em novas provisões e baixas reais contra empréstimos ruins. No entanto, os resultados comerciais do banco podem turvar as águas, dependendo de quão bem ele navegou em um trimestre incomumente volátil. Analistas esperam que os lucros tenham caído cerca de 23% em relação ao ano passado, para US$ 2,94 por ação.

Também será relatado posteriormente o Morgan Stanley (NYSE:MS) (BVMF:MSBR34), que não tem o mesmo tipo de carteira de empréstimos da Main Street.

Os mercados de ações dos EUA devem abrir em baixa novamente, depois de se manter surpreendentemente bem diante de outro relatório de inflação chocante na quarta-feira. No entanto, os ganhos do JPMorgan e os dados econômicos têm uma grande influência no nível real de abertura.

Às 8h13, Futuros do Dow Jones caíram 1,30%, enquanto os futuros do S&P 500 recuavam 1,21% e os futuros da Nasdaq 100 caíram 0,79%.

De madrugada, houve resultados acima do esperado da Fast Retailing, proprietária da Uniqlo (TYO:9983) e da Taiwan Semiconductor (NYSE:TSM) (BVMF:TSMC34), a maior fabricante de chips de silício por contrato do mundo. A fabricante sueca de equipamentos de rede de telecomunicações Ericsson (BS:ERICAs) desapontou, no entanto.

Outras ações que provavelmente estarão em foco mais tarde incluem Netflix (NASDAQ:NFLX) (BVMF:NFLX34) e Microsoft (NASDAQ:MSFT) (BVMF:MSFT34) após a notícia de sua parceria para colocar anúncios em alguns dos conteúdos da gigante do streaming.

LEIA MAIS: Balanço dos Bancos Pode Decepcionar nos EUA, Mas Algumas Ações São Atraentes

2. Benefícios como Auxílio Brasil de R$600 e vale gás dobrado devem iniciar em agosto

Após aprovação em segundo turno na Câmara dos Deputados da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que cria e amplia benefícios sociais às vésperas das eleições nesta quarta-feira, 13, o texto que teve origem no Senado segue para promulgação.

A proposta prevê o gasto de mais R$ 41,25 bilhões até o fim do ano fora do teto de gastos, em medidas como ajuda financeira a caminhoneiros e taxistas, ampliação da a compra de alimentos para pessoas de baixa renda e diminuição dos tributos do etanol. Para viabilizar os gastos em ano eleitoral, o que não é permitido pela legislação, a PEC institui um estado de emergência até 31 de dezembro de 2022.

A matéria foi aprovada na forma do substitutivo do relator, deputado Danilo Forte (União-CE). No primeiro turno em Plenário, foram 425 votos favoráveis e 7 contrários e, o segundo, 469 votos a 17.

Nesta quarta, o ministro da Cidadania, Ronaldo Bento, indicou que a pasta deve iniciar as tratativas com a Caixa Econômica Federal para viabilizar que o valor adicional dos benefícios já inicie na folha de pagamento de agosto - a partir do dia 18.

A PEC aumenta os valores destinados ao Auxílio Brasil, que passa a ser de R$600, (R$ 26 bilhões) e do vale-gás de cozinha, que vai a R$120, (R$ 1,05 bilhão); cria auxílios aos caminhoneiros e taxistas (R$ 5,4 bilhões e R$ 2 bilhões, respectivamente); dá gratuidade ao transporte coletivo para idosos (R$ 2,5 bilhões) e também compensa estados que concederem créditos de ICMS para produtores e distribuidores de etanol (R$ 3,8 bilhões). Além disso, reforça o programa Alimenta Brasil (R$ 500 milhões), voltado a famílias de baixa renda.

Às 8h14, o ETF EWZ, que mede o desempenho das ações brasileiras em Nova York, caía 0,95% no pré-mercado em Wall Street, a US$ 26.

CONFIRA: Cotação das ações brasileiras

3. Inflação ao produtor para adicionar reviravolta à narrativa da inflação

Mais dados econômicos podem aumentar – ou talvez esfriar – a especulação sobre novos aumentos de taxa de juros do Federal Reserve.

O pico de 41 anos de quarta-feira de 9,1% no IPC colocou os agentes do mercado em alerta para um possível aumento de 1% na fed funds rate quando o Fed se reunir em no final do mês, um medo alimentado pela decisão do Banco do Canadá de fazer um aumento total de pontos apenas algumas horas após os números dos EUA.

Espera-se que o índice de preços do produtor tenha subido mais 0,8% em junho, sugerindo que não haverá redução na pressão da inflação do pipeline, mesmo que a taxa anual deva diminuir devido aos efeitos de base. Semanalmente pedidos de seguro-desemprego mostrará se o mercado de trabalho está esfriando ou se aqueles que estão perdendo seus empregos ainda estão simplesmente navegando direto para novos. Ambos serão divulgados às 9h30.

LEIA MAIS: Após outro dado de inflação recorde, especula-se alta de 100 pontos-base dos juros em julho

4. Os rendimentos italianos saltam quando Draghi enfrenta um importante voto de confiança

A crise energética da Europa está se transformando em uma bola de neve econômica e, em alguns lugares, também política.

Os rendimentos dos títulos italianos subiram e o FTSE MIB despencou quando o primeiro-ministro Mario Draghi ameaçou sair se o Movimento 5 Estrelas (M5S) abandonasse seu governo de coalizão. A presença de Draghi no topo da política italiana tem sido um fator calmante para os mercados, enquanto primeiro a pandemia, depois a guerra na Ucrânia, atingiu uma economia perturbada por dívidas altas e crescimento cronicamente baixo. Depois, há a ameaça de taxas de juros mais altas do Banco Central Europeu, que deve apertar ainda mais as finanças públicas.

O M5S deve se abster em um voto de confiança no governo que ocorre no Senado. Draghi ameaçou renunciar se isso acontecer. Se ele o fizer, a bola estará novamente na quadra do presidente Sergio Mattarella.

LEIA MAIS: O Problema da Fragmentação da Dívida Soberana na Zona do Euro

5. Celsius Network pede proteção contra falência

A Celsius Network, um dos maiores credores de criptomoedas do mundo, sucumbiu ao inevitável e pediu proteção contra falência, incapaz de recuperar empréstimos ao fundo de hedge falido 3 Arrows Capital.

A notícia coloca os 1,7 milhão de usuários da Celsius, que não têm nada comparável ao seguro de depósito de clientes de bancos regulamentados, em má posição para recuperar parte de seu dinheiro.

Celsius é a vítima de maior perfil da venda de criptomoedas até o momento. O próprio token nativo da Celsius, já efetivamente inútil, caiu 18% como um short squeeze especulativo desfeito. Os ativos de criptografia mais estabelecidos permaneceram praticamente inalterados, no entanto, com Bitcoin caindo 0,31% às 08h15, cotado a U$ 19.725,9 e Ethereum subindo 0,98% em US$ 1.082,8.

CONFIRA: Cotação de milhares de criptomoedas

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.